Avaliação institucional: um instrumento de democratização da educação

Autores

  • Isaura Belloni Universidade de Brasília, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.26512/lc.v5i9.2752

Palavras-chave:

Avaliação institucional;, Avaliação da educação superior;, Avaliação e democratização da educação;, Política de avaliação da educação

Resumo

O texto analisa a avaliação institucional, seus objetivos e finalidades, princípios e características, seus usos e modo de fazer. Considera a avaliação como instrumento de melhoria da educação - da sua qualidade e democratização - com impacto no processo de transformação social. Define avaliação institucional, explicita semelhanças e diferenças em relação à avaliação educacional e a outros tipos de instituições ou organizações. Detalha objetivos, finalidades e participantes; utilidade e relevância; princípios e características orientadores de um processo avaliativo voltado para a melhoria da qualidade. Examina ações da política do Governo Federal: o Sistema de Avaliação da Educação da Educação Básica (SAEB), o Exame Nacional de Ensino Médio (ENEM), o Exame Nacional de Cursos (o "provão") e o Programa de Avaliação Institucional das Universidades Brasileiras (PAIUB). Finalmente, considera os avanços e as dificuldades da avaliação como instrumento privilegiado para melhoria da qualidade e da eficiência da educação, tornando-a mais democrática.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

31.12.1999

Como Citar

Belloni, I. (1999). Avaliação institucional: um instrumento de democratização da educação. Linhas Crí­ticas, 5(9), 31–58. https://doi.org/10.26512/lc.v5i9.2752

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.