O papel do professor de línguas como um agente interculturalista e humanizador em um contexto de ensino de português língua estrangeira: implicações para a formação docente

Autores

  • Marta Lúcia Kfouri-Kaneoya Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho"

DOI:

https://doi.org/10.26512/rhla.v14i1.1381

Palavras-chave:

Português língua estrangeira;, Contexto acadêmico;, Formação intercultural e humanizadora do professor de línguas

Resumo

Resumo

Neste artigo, discutimos a formação de professoras de línguas atuantes em um projeto de extensão de português língua estrangeira (PLE), oferecido a estrangeiros inseridos em um contexto brasileiro de imersão acadêmica. Propomo-nos a investigar o papel do professor de línguas, a partir de uma diretriz comunicativo-humanizadora de ensino/aprendizagem. Os dados da pesquisa constituem-se de reuniões pedagógicas gravadas, realizadas semanalmente entre a coordenadora e professores do projeto, no sentido de se analisar o processo de reflexão docente em busca da promoção de uma prática humanizadora em sala de aula, do bem-estar, da valorização de uma comunicação criativa, do esclarecimento dos choques culturais e do desenvolvimento de uma competência linguístico-cultural nos estrangeiros aprendizes de PLE. Tais reuniões são tomadas como ambiente potencial para a formação inicial docente crítico-humanizadora de professoras de PLE, já que sua formação acadêmica não contemplou a possibilidade de atuarem no ensino de sua língua materna como estrangeira. Os resultados também sugerem que as práticas discursivas das professoras podem, de fato, promover um ambiente humanizador de ensino/aprendizagem de PLE.

Palavras-chave: português língua estrangeira; contexto acadêmico; formação intercultural e humanizadora do professor de línguas

 

Abstract

In this article, we discuss the education process of language teachers in a Portuguese as a foreign language (PFL) institutional project, which is offered to foreigner students in a Brazilian context of academic immersion. We aim at investigating the role of language teachers from a communicative and humanizing teaching and learning approach. The research data are constituted by the recordings of pedagogical meetings between the coordinator and the teachers from the project, in order to analyze the teachers’ reflective process in search of promoting some aspects such as a humanizing practice, the students’ well-being, the valorization of creative communication, the comprehension of intercultural impacts and the linguistic and cultural development of foreign students’ competence in classroom. Such meetings are held as a potential environment to a critical and humanizing PFL teachers education process, since they do not have this kind of education during their under graduation course. The results also suggest that the PFL teachers’ discursive practice can, indeed, promotes a humanizing PFL teaching and learning environment.

Keywords: Portuguese as foreign language; academic context; intercultural and humanizing language teacher education

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Marta Lúcia Kfouri-Kaneoya, Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho"

Mestre e doutora em Linguística Aplicada pelo Programa de Pós-Graduação em Estudos Linguísticos da UNESP, campus de São José do Rio Preto, onde atuo como docente das disciplinas de Estágio Curricular Supervisionado I e II: língua estrangeira e Linguística Aplicada: ensino de LE ao cursos de Licenciatura em Letras (diurno e noturno), junto ao Departamento de Educação.

Referências

ALMEIDA FILHO, JoséC. P. Maneiras de credenciar-se na área de ensino de português a falantes de outras línguas. In: ALMEIDA FILHO, José C. P.;CUNHA, Maria J. C. (Orgs.). Projetos iniciais em português para falantes de outras línguas.Campinas, Pontes: 2007.p. 33-37.

_____. Questões da interlíngua de aprendizes de português a partir ou com a interposição do espanhol (língua muito próxima). In: SIMÕES, AntonioR. M.; CARVALHO, AnaM.; WIEDMANN, Lyris. (Orgs.). Português para falantes de espanhol/ for Spanish speakers. Campinas: Pontes, 2004.p.183-191.

ANDRÉ, M. E. D. A. Etnografia da prática escolar. Campinas: Papirus, 2000.p. 27-31.

KFOURI-KANEOYA, Marta L. C. A formação de professoras de línguas para/em contexto mediado pelo computador (teletandem): um diálogo entre crenças, discurso e reflexão profissional. Tese (Doutoradoem Linguística Aplicada)”“Instituto de Biociências, Letras e Ciências Exatas, UNESP: São José do Rio Preto, SP, 2008.

CUNHA, Maria. J. C. O português para falantes de outras línguas: redefinindo tipos e conceitos. In: ALMEIDA FILHO, José C. P.;CUNHA, Maria .J.C. (Orgs.). Projetos iniciais em português para falantes de outras línguas.Campinas, Pontes: 2007.p. 13-31.

OLIVEIRA, Luciana C. Language teaching in multilingual contexts. Revista Brasileira de Linguística Aplicada, v. 14, n.2, p. 265-270, 2014.

FAIRCLOUGH, Norman. Language and power.London: Longman, 2001.

GOMES DE MATOS, Francisco. Como usar uma linguagem humanizadora: orientação para professores de línguas estrangeiras. In: MOTA, KátiaM.;SCHEYERL, Denise.(Orgs.). Recortes interculturais na sala de aula de línguas estrangeiras.Salvador: EDUFBA, 2010.p. 24-36.

LITTLE, David. A aprendizagem de línguas em tandem e a autonomia do aprendente. In: DELILLE, KarlH.; CHICHORRO, Adelaide.(Eds.). Aprendizagem autônoma de línguas em Tandem. Lisboa: Colibri, 2002, p. 27-35.

MOTA, Kátia M.S. Incluindo as diferenças, resgatando o coletivo ”“novas perspectivas multiculturais no ensino de línguas estrangeiras. In: MOTA, Kátia, M.;SCHEYERL, Denise.(Orgs.). Recortes interculturais na sala de aula de línguas estrangeiras.Salvador: EDUFBA, 2010.p. 37-62.

MURPHEY, Tim.; et al.Emotional belonging precedes learning. In: BARCELOS, Ana Maria F.; COELHO, Hilda .S.H. (Orgs.). Emoções, reflexões e (trans)form(ações) de alunos, professores e formadores de professores de línguas.Campinas: Pontes, 2010.p. 43-56.

UNESCO. Declaração universal dos direitos linguísticos. Barcelona, Espanha, 1996.

Downloads

Publicado

2015-07-08

Como Citar

Kfouri-Kaneoya, M. L. (2015). O papel do professor de línguas como um agente interculturalista e humanizador em um contexto de ensino de português língua estrangeira: implicações para a formação docente. Revista Horizontes De Linguistica Aplicada, 14(1). https://doi.org/10.26512/rhla.v14i1.1381

Edição

Seção

Artigos