“Mãos à obra e aprendei o que é próprio a cada cultura”: Uma nova tradução poética das Geórgicas II de Virgílio

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26512/belasinfieis.v12.n1.2023.47015

Palavras-chave:

Virgílio. Geórgicas. Poesia latina. Tradução poética.

Resumo

Virgílio é reconhecido por muitos ainda hoje como um dos maiores poetas de todos os tempos. Contudo, seu reconhecimento deve-se sobretudo à Eneida, bem como às Bucólicas, já que poucas são as pessoas que conhecem sua obra intitulada Geórgicas. Apesar disso, durante uma parte considerável da história da recepção de Virgílio, o valor das Geórgicas foi amplamente reconhecido, contando entre seus admiradores nomes importantes como os de Montaigne, Dryden e Leopardi. Proponho aqui uma breve introdução crítica para quem queira conhecer não apenas esse importante poema virgiliano, mas alguns aspectos fundamentais da cultura romana de modo geral. Encerro a exposição com uma proposta de tradução poética de Geórgicas II para o português contemporâneo, na qual exploro questões apontadas na introdução crítica.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rafael Silva, Universidade Federal de Minas Gerais

Professor de Literatura da Universidade Estadual do Ceará (UECE), campus Aracati. Doutor (2022) e Mestre (2018) em Letras pela Universidade Federal de Minas Gerais. Licenciado em Português-Francês (2022) e bacharel em em Grego Antigo (2015) pela mesma instituição. Realiza estágio pós-doutoral na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). 

Referências

Catão. (2016). Da agricultura (M. Trevizam, tradução, apresentação e notas). Editora da Unicamp.

Dryden, J. (1709). The Works of Virgil. (Obra original publicada em 1697). https://en.wikisource.org/wiki/The_Works_of_Virgil_(Dryden)

Leopardi, G. (1898). Pensieri di varia filosofia e di bella letteratura. Volume I. A cura di Giosuè Carducci. Firenze: Successori Le Monnier.

Marrou, H. I. (1948). Histoire de l’éducation dans l’Antiquité. 2. Le monde romain. Paris : Éditions du Seuil, .

Montaigne, M. (1965). Essais. Livre Second. Édition présentée, établie et annotée par Pierre Michel. Paris: Gallimard.

Plato. (1903). Platonis Opera. Ed. John Burnet. Oxford University Press.

Pound, E. (1951). ABC of Reading. Faber and Faber.

Romero, N. (1948). Prefácio. In Virgílio, Geórgicas. Eneida (A. F. de Castilho, & M. O. Mendes, Trads.) (pp. V–XXVII). W. M. Jackson Inc.

Santos, A. R. P. (2020). Geórgicas bárbaras: Estudo para uma tradução hexamétrica do poema didático virgiliano [Tese de Doutorado, Universidade Federal do Rio de Janeiro]. Rio de Janeiro.

Silva, T. P. B. A. (2010). O II Canto das Geórgicas: O significado das digressões na poesia didática [Dissertação de Mestrado, Universidade Federal do Rio de Janeiro]. Rio de Janeiro.

Trevizam, M. (2014). Poesia didática: Virgílio, Ovídio e Lucrécio. Editora da Unicamp.

Varrão. (2012). Das coisas do campo (M. Trevizam, tradução, introdução e notas). Editora da Unicamp.

Vergil. (1900). Bucolics, Aeneid, and Georgics Of Vergil. J. B. Greenough. Boston: Ginn & Co.

Virgile. (1998). Géorgiques (Texte traduit par Eugène de Saint-Denis). Les Belles Lettres.

Virgílio. (2012). Bucólicas. Geórgicas. Eneida (A. da Silva, Trad.). Círculo de Leitores.

Virgílio. (1948). Geórgicas. Eneida (A. F. de Castilho, & M. O. Mendes, Trads.). W. M. Jackson Inc.

Virgílio. (2019). Geórgicas (P. S. Vasconcellos, Org.; O. Mendes, Trad.). Ateliê Editorial.

Virgílio. (2013). Geórgicas I (M. Trevizam, Org.; A. F. de Castilho, & M. Trevizam, Trads.). Editora UFMG.

Virgílio. (2019). Geórgicas III (M. Trevizam, Org.; A. F. de Castilho, & M. Trevizam, Trads.). Editora UFMG.

Downloads

Publicado

29-08-2023

Como Citar

GUIMARÃES TAVARES DA SILVA, Rafael. “Mãos à obra e aprendei o que é próprio a cada cultura”: Uma nova tradução poética das Geórgicas II de Virgílio. Belas Infiéis, Brasília, Brasil, v. 12, n. 1, p. 01–41, 2023. DOI: 10.26512/belasinfieis.v12.n1.2023.47015. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/belasinfieis/article/view/47015. Acesso em: 23 maio. 2024.

Edição

Seção

Traduções literárias

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.