Resenha de Perspectives on Retranslation: Ideology, Paratexts, Methods

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26512/belasinfieis.v10.n1.2021.32927

Palavras-chave:

Retradução. História da Retradução. Ideologia. Paratexto.

Resumo

Em Perspectives on Retranslation: Ideology, Paratexts, Methods (2019), as pesquisadoras Özlem Berk Albachten e Åžehnaz Tahir GürçaÄŸlar trazem novas discussões acerca da prática da retradução, a partir de uma perspectiva histórica e cultural. Além de apresentar seu próprio projeto em relação à retradução nas sociedades otomana e turca, as organizadoras da obra trazem contribuições de pesquisadores de diferentes países e estudos de caso dos mais diversos gêneros. Ao longo dos capítulos, os pesquisadores nos convidam a considerar os desdobramentos da prática no mercado editorial, na recepção das obras retraduzidas e até mesmo seu papel na história da tradução com a análise de paratextos e da influência de diferentes ideologias, além da apresentação de novos métodos para a análises de tais retraduções.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Kamila Moreira de Oliveira, Universidade Federal do Ceará

Mestranda em Estudos da Tradução pela Universidade Federal do Ceará, com o apoio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (CAPES). Graduada em Letras-Inglês (2018) pela mesma instituição.

Referências

ALBACHTEN, Özlem Berk; GÜRÇAÄžLAR, Åžehnaz Tahir. (Eds.). Perspectives on Retranslation: Ideology, Paratexts, Methods. New York: Routledge, 2019. 238 p. (Routledge Advances in Translation and Interpreting Studies)

AUBERT, Francis H. Modalidades de Tradução: teoria e resultados. TradTerm, São Paulo, v. 5, n. 1, p. 99-128, 1998. Disponível em: https://www.revistas.usp.br/tradterm/article/view/49775. Acesso em: 14 dez. 2020.

BERMAN, Antoine. Tradução de Clarissa Prado Marini e Marie-Hélène Catherine Torres. A retradução como espaço da tradução. Cadernos de Tradução, Florianópolis, v. 37, n. 2, p. 261-268, mai.-ago. 2017. Disponível em: https://periodicos.ufsc.br/index.php/traducao/article/view/2175-7968.2017v37n2p261. Acesso em: 14 dez. 2020.

BERMAN, Antoine. La Retraduction comme espace de la traduction. Palimpsestes, v. 4, p. 1-7, 1990. Disponível em: https://journals.openedition.org/palimpsestes/596. Acesso em: 14 dez. 2020.

BROWNLIE, Siobhan. Narrative Theory and Retranslation Theory. Across Languages and Cultures, Vol. 7, Issue 2, p. 145-170, 2006.

CADERA, Susanne M.; WALSH, Andrew Samuel. (Eds.). Literary Retranslation in Context. Oxford; New York: Peter Lang, 2017.

GAMBIER, Yves. Retradução, retorno e desvio. Belas Infiéis, Brasília, v. 9, n. 5, p. 301-310, out./dez. 2020. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/belasinfieis/article/view/31480. Acesso em: 15 dez. 2020.

MONTI, Enrico; SCHNYDER, Peter. (Eds.). Autour de la retraduction. Paris: Orizons, 2011.

Downloads

Publicado

14-06-2021

Como Citar

OLIVEIRA, Kamila Moreira de. Resenha de Perspectives on Retranslation: Ideology, Paratexts, Methods. Belas Infiéis, Brasília, Brasil, v. 10, n. 1, p. 01–07, 2021. DOI: 10.26512/belasinfieis.v10.n1.2021.32927. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/belasinfieis/article/view/32927. Acesso em: 23 jul. 2024.

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.