Homens de letras e imprensa periódica no Rio de Janeiro (1836-1869)

Autores

  • Lílian Lima

DOI:

https://doi.org/10.26512/emtempos.v0i12.20057

Palavras-chave:

História. Imprensa Periódica. Letrados.

Resumo

Este artigo aborda o universo letrado na cidade do Rio de Janeiro durante a primeira metade do século XIX. Através da análise de revistas culturais que circularam entre os anos
de 1836 e 1869 pretende-se compreender o lugar ocupado pela produção escrita assim como mapear a atuação dos homens de letras na vida cultural brasileira. Para tanto, apresentaremos algumas características das revistas, como as suas variadas seções e as temáticas de maior incidência, para em seguida nos dedicarmos a análise do papel dos homens de letras nesse período da história brasileira.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Periódicos Oitocentistas:

Acajá: Jornal de Instrução e Recreio. Rio de Janeiro : Tipografia Pinheiro & Companhia, 1860-1861.

A Idéia : Revista Artística e Literária. Rio de Janeiro : Tipografia de F. A. de Souza, 1869

A Nova Minerva: periódico dedicado as ciências, artes, literatura e costumes. Rio de Janeiro: Tipografia de M.

A. da Silva Lima, 1845-1846.

Álbum Literário: Periódico Instrutivo e Recreativo. Rio de Janeiro : Tipografia do Correio Mercantil, 1860-

Brasil Literário. Rio de Janeiro: Tipografia da Atualidade,1864-1865.

Crônica Literária: Jornal de Instrução e Recreio. Rio de Janeiro: Tipografia do Editor José Ferreira

Monteiro,1848

Minerva Brasiliense: Jornal de Ciências, Letras e Artes. Rio de Janeiro : Tipografia Austral, 1843-1845.

O Álbum Semanal: Cronológico, Literário , Crítico e de Modas. Rio de Janeiro: Tipografia do Pereira, 1851-

O Curupira: Jornal Literário e Instrutivo. Rio de Janeiro: Tipografia Fluminense, 1852-1853.

O Cysne: Jornal Literário. Rio de Janeiro: Tipografia de Quirino & Irmão,1864.

O Espelho: Revista Semanal de Literatura, Modas, Indústria e Artes. Rio de Janeiro : Tipografia de Francisco de

Paula Brito, 1859-1860.

O Guanabara: Revista Artística, Cientifica e Literária. Rio de Janeiro: Tipografia Guanabarense de L. A. F de

Menezes, 1850-1855.

O Guaracyaba : Jornal Literário e Instrutivo, Rio de Janeiro: Tipografia Brasileira de J. A. Pascentini & Souza,

-1854.

O Indicador da utilidade Pública: folha política, científica e literária. Rio de Janeiro: Tipografia do Pereira,

Revista Popular: Noticiosa, científica, industrial, histórica, literária, artística, biográfica, anedótica, musical, etc,

Rio de Janeiro: Tipografia Moderna de Georges Bertrand, 1859-1862.

Downloads

Publicado

2011-02-02

Como Citar

LIMA, Lílian. Homens de letras e imprensa periódica no Rio de Janeiro (1836-1869). Em Tempo de Histórias, [S. l.], n. 12, 2011. DOI: 10.26512/emtempos.v0i12.20057. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/emtempos/article/view/20057. Acesso em: 25 maio. 2024.

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.