GRANDES DESAFIOS PARA O ENSINO DA FÍSICA NA EDUCAÇÃO CONTEMPORÂNEA

Autores

  • Marco Antônio Moreira Universidade Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.26512/rpf.v1i1.7074

Palavras-chave:

Ensino de Física;, Educação Básica;

Resumo

A Física na Educação Básica está em crise: além falta e/ou despreparo de professores, das más condições de trabalho, do reduzido número de aulas e da progressiva perda da identidade no currículo, o ensino da Física na educação contemporânea estimula a aprendizagem mecânica de conteúdos desatualizados. É preciso, urgentemente, mudar este panorama. O que fazer? Pleitear mais aulas? Tornar a Física opcional no Ensino Médio? Ensinar conceitos físicos desde as séries iniciais? Melhorar e valorizar o ensino de Física na universidade? Combater o publicacionismo que leva à desvalorização, ao descaso, do ensino na universidade? Ensino centrado no aluno? Aprendizagem ativa? Desenvolver talentos ao invés de selecionar talentos? Desenvolver competências científicas ao invés de tentar de encher cabeças com conhecimentos memorizados mecanicamente? Incorporar, de fato, as tecnologias de informação e comunicação no ensino da Física? Laboratórios virtuais? Valorizar os professores de Física? Mudar a formação de professores de Física? ... Enfim, são muitos os desafios.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Marco Antônio Moreira, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Instituto de Física Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS)
Caixa Postal 15051, CEP 91501-970 Porto Alegre, RS, Brasil

Referências

Finkel, D. (2008).Dar clase con la boca cerrada.València: Publicacións de la Universitat València.Tradução para o espanhol do originalTeaching with your mouth shut. 292p.

Freire, P. (1988).Pedagogia do oprimido. São Paulo: Paz e Terra. 18aedição. 184p.

Freire, P. (2007).Pedagogia da autonomia. São Paulo: Paz e Terra. 36aedição. 79p.

Moreira, M.A. (1999).Aprendizagem significativa. Brasília: Editora da UnB. 129p.

Moreira, M.A. (2000).Aprendizaje significativo:teoría y práctica. Madrid: Visor. 100p.

Moreira, M.A. (2006).A teoria da aprendizagem significativa e sua implementação em sala de aula.Brasília: Editora da UnB. 185p.

Moreira, M.A. (2011).Aprendizagem significativa: a teoria e textos complementares. São Paulo:Editora Livraria da Física. 179p.

Moreira, M.A. e Masini, E.A.S. (1982).Aprendizagem significativa: a teoria de aprendizagem deDavid Ausubel. São Paulo: Editora Moraes. 112p.

Moreira, M.A. e Masini, E.A.S. (2006).Aprendizagem Significativa: a teoria de aprendizagem deDavid Ausubel. São Paulo: Centauro. 2aedição 111.p.

Moreira, M.A. (2005).Aprendizagem significativa crítica.Porto Alegre: Instituto de Física daUFRGS. 47p.

Postman, N. & Weingartner, C. (1969). Teaching as a subversive activity. New York: Dell PublishingCo. 219p.

Wieman, K., (2013)Grand Challenges in Science Education, Science. pp. 290-323.13

Downloads

Publicado

2017-08-07

Como Citar

MOREIRA, M. A. GRANDES DESAFIOS PARA O ENSINO DA FÍSICA NA EDUCAÇÃO CONTEMPORÂNEA. Revista do Professor de Física, [S. l.], v. 1, n. 1, p. 1–13, 2017. DOI: 10.26512/rpf.v1i1.7074. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/rpf/article/view/7074. Acesso em: 30 jan. 2023.

Edição

Seção

Artigos