Consumidores de cervejas artesanais pernambucanas

a percepção da qualidade do produto por gênero

Autores

  • José William de Queiroz Barbosa UFPE
  • Simone de Lira Almeida Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) https://orcid.org/0000-0002-0574-6237
  • Kleytton da Silva Rodrigues
  • Alexandre César Batista da Silva

DOI:

https://doi.org/10.26512/revistacenario.v9i2.35033

Palavras-chave:

percepção; qualidade; cerveja; consumidor; gênero.

Resumo

Nos últimos anos, a produção de cervejas artesanais vem crescendo rapidamente no Brasil. Todavia, além de observar a quantidade de cerveja produzida no país, também se deve levar em consideração a qualidade dessa produção. O presente estudo teve como objetivo analisar a qualidade das cervejas artesanais produzidas em Pernambuco a partir da percepção de consumidores masculinos e femininos. Para isso, adotou-se como procedimento metodológico um survey com 73 pessoas. Os dados foram coletados por meio de questionário aplicado durante análise sensorial das cervejas. Os voluntários avaliaram 04 cervejas artesanais pernambucanas. Os resultados demonstraram, para cada atributo da cerveja que foi analisado, preferências distintas entre os gêneros masculino e feminino. Essa diferença nos resultados gerou um ranking de preferência, que servirá para que as cervejarias possam criar a fórmula da "cerveja perfeita", baseando-se nas bebidas que se saíram melhor em cada atributo e, dessa forma, administrar sua produção.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

Almeida, V. M. C., & Dusenberg, N. B. (2014). Envolvimento do Consumidor com o Produto: comparação das escalas PII e NIP no contexto brasileiro. Rev. Bras. Gest. Neg., 16(50), 75-95.

Anacleto, A., Rothbart, M., Fiorentin, N. M., Souza, P. A., & Prestes, R. K. (2011). Avaliação do consumo de palmito de pupunha no litoral do Paraná. Scientia Agraria. Curitiba, 12(1), 25-29.

________., Xavier, A. P. S., Silva, A. L., & Santos, A. C. (2013). Análise sensorial de aguardente artesanal no litoral do Paraná. Revista Varia Scientia Agrárias, 03(2), 09-20.

Araújo, F. B., Silva, P. H. A., & Minim, V. P. R. (2003). Perfil sensorial e composição físico-química de cervejas provenientes de dois segmentos do mercado brasileiro. Ciência e Tecnologia Alimentar, Campinas, 23(2), 121-128.

Araújo, R. M., Vieira, V., Bolson, S. B., & Ferreira, J. R. (2016). Comportamento do consumidor de cervejas especiais. Revista Científica da Escola de Gestão e Negócios, 5(1).

Castelo, J. S. F., & Cabral, J. E. O. (2018). Consumidores em rede social: a percepção da qualidade do vestuário por gênero. Rev. Bras. Gest. Neg., 20(1), 22-36.

Churchill, G. A. (2000). Marketing: criando valor para o cliente. São Paulo: Saraiva.

Creswell, J. W. (2007). Projeto de pesquisa: métodos qualitativo, quantitativo e misto. (2a ed.). Porto Alegre: Artmed.

Flores, A. B., Gräff, A., Cornelius, E., & Souza, C. F. V. (2015). Perfil sensorial e avaliações físico-químicas de cerveja artesanal de chocolate e caramelo. Revista Destaques Acadêmicos, 7(4).

Ghesti, G., Barros, C., Muller, C., Parachin, N., & Pinheiro, L. (2018). Análise Sensorial para Cervejas. Brasília-DF: Universidade de Brasília.

Gomes, P. J. P. (2004). A evolução do conceito de qualidade: dos bens manufacturados aos serviços de informação. Cadernos BAD 2.

Hardwick, W. A. (1995). Handbook of brewing. New York: Marcel Dekker, 714 p.

Juran, J. M. (1974). Quality control handbook. (3a ed.). McGraw-Hill: New York.

Kuck, L. (2008). Cerveja: Sabor e Aroma. Universidade Federal de Pelotas. Recuperado de https://quimicadealimentos.files.wordpress.com/2009/08/cerveja_sabor_e_aroma.pdf, acesso em 09 de junho de 2019.

Library Association. (1994). Information quality and liability. Londres: Library Association.

Losada, M. M. N. P. P. (2018). Efeito da pasteurização na qualidade sensorial de cervejas artesanais, 31 p. (Trabalho de Investigação - Curso de Ciências da Nutrição) ”“ Faculdade de Ciências da Nutrição e Alimentação da Universidade do Porto, Portugal.

Machline, C. et al. (2004). Gestão de Marketing. São Paulo: Saraiva.

Madeira, J. S. (2015). Perfil do consumidor de cervejas especiais: uma contribuição para o estudo do consumo nas ciências sociais. Monografia (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Estadual de Campinas, SP.

Marcusso, E. F., & Muller, C. V. (2017). A cerveja no Brasil: O ministério da agricultura informando e esclarecendo. Recuperado de http://www.agricultura.gov.br/assuntos/inspecao/produtos-vegetal/pastapublicacoes-DIPOV/a-cerveja-no-brasil-28-08.pdf/view, acesso em 17 de abril de 2019.

Morado, R. (2009). Larousse da Cerveja. São Paulo: Larousse.

Muxel, A. A. (20??). A química da cor da cerveja. Apostila. 8 p. Recuperado de http://amuxel.paginas.ufsc.br/files/2016/10/A-Qu%C3%ADmica-da-cor-dacerveja_3.pdf, acesso em 11 de junho de 2019.

Oliver, R. L. (2014). Satisfaction: a behavioral perspective on the consumer. (3a ed.). New York: Routledge.

Panusbordee, S. (2012). Country of brand importance and its effects on quality perception: study automobile industry in Thailand. In: international conference on arts, economics and literature.

Rezer, A. R. (2014). Elaboração de cerveja artesanal de Araçá-boi e avaliação de parâmetros de qualidade. 43 p. Monografia ”“ Universidade Federal de Mato Grosso.

Silva, A. E., Colpo, E., Oliveira, V. R., Junior, H. C. G., Hecktheuer, L. H. R., & Reichert, F. S. (2009). Elaboração de cerveja com diferentes teores alcoólicos através de processo artesanal. Alim. Nutr. Araraquara, 20(3), 369-374.

Smallwood, D. E., & Conlisk, J. (1979). Product quality in markets where consumers are imperfectly informed. The Quarterly Journal of Economics, 93, 1-23.

Solomon, M. R. (2002). O comportamento do consumidor: comprando, possuindo e sendo. (5a ed.). Porto Alegre: Bookman.

Souza, P., & Andrade, W. (2017). Caracterização do amargor da cerveja em microcervejaria da cidade de Ponta Grossa- PR. Trabalho de Conclusão de Curso. Universidade Tecnológica Federal do Paraná, Ponta Grossa ”“ PR.

Steenkamp, J. B. E. M., & Van Trijp, J. C. M. (1996). Quality guidance: a consumer-based approach to food quality improvement using partial least squares. European Review of Agricultural Economics, 23(2), 195-215.

Toledo, J. C., & Almeida, H. S. (1990). A qualidade total do produto. Revista Produção, 2(1), 21-37.

Vergara, S. C. (2000). Projetos e relatórios de pesquisa em administração. (3a ed.). São Paulo: Atlas.

Downloads

Publicado

2021-05-31

Como Citar

Barbosa, J. W. de Q., Almeida, S. de L., Rodrigues, K. da S. ., & Alexandre César Batista da Silva. (2021). Consumidores de cervejas artesanais pernambucanas: a percepção da qualidade do produto por gênero. Cenário: Revista Interdisciplinar Em Turismo E Território, 9(2), 188–204. https://doi.org/10.26512/revistacenario.v9i2.35033

Edição

Seção

Artigos