A noção de problema nos Estudos da Tradução: um novo olhar teórico com exemplos do par linguístico espanhol/português

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26512/belasinfieis.v8.n4.2019.23024

Palavras-chave:

Tradução. Espanhol. Português. Terminologia. Problema.

Resumo

Este trabalho deriva da proposta de tradução do espanhol para o português de uma das obras mais fundamentais da área dos Estudos da Tradução, Traducción y Traductología: Introducción a la Traductología (2013), da tradutora, professora e autora espanhola Amparo Hurtado Albir, que retoma as principais definições, características e as noções de análise da tradução a partir dos mais diferentes teóricos e de suas perspectivas. Segundo Franco (2010), essa é a 21ª obra mais citada nos estudos sobre a tradução, sendo a única publicação editada no século XXI e, além disso, a única em língua espanhola entre as cinquenta mais referenciadas. A partir dessa tradução, e prevendo a complexidade do processo tradutório a ser enfrentado, propôs-se uma análise teórica e empírica sobre uma das noções mais centrais e, ao mesmo tempo, menos refletidas nos Estudos da Tradução, a de problema. Para isso, revisitou-se a noção de problema de modo geral, recorrendo a discussões matemático-filosóficas, que têm sua origem em Platão e que se desenvolveram com o aporte de filósofos contemporâneos, como Henri Bergson e Gilles Deleuze. Além disso, apesar da carência de estudos, também foi realizada uma pesquisa bibliográfica na literatura da área da tradução por meio da retomada de três teóricos que se dedicaram ao estudo dessa noção ”” Mounin (1963), Lörsher (1991), Nord (1997) e o Grupo PACTE e Hurtado Albir (2011; 2013) ””, analisando suas reflexões e as categorizações propostas por esses autores. A partir de um estudo exploratório em que se realizou a tradução do primeiro capítulo de Traducción y Traductología, foram identificados, compilados e analisados quantitativa e qualitativamente os problemas encontrados, constatando a frequência expressiva de problemas terminológicos. Com base nisso, propôs-se uma nova classificação de problemas de tradução, incluindo essa categoria específica. Como conclusão de destaque desta pesquisa, está a proposta de uma concepção sobre a noção de problema que o entenda de modo positivo, como propositor de novos conhecimentos e perspectivas para as mais diversas áreas do saber.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marina Leivas WAQUIL, UFRGS

Doutora e mestra pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Programa de Pós-Graduação em Letras, linha de pesquisa “Lexicografia, Terminologia e Tradução: Relações Textuais”. Bacharel em Letras pela mesma instituição, com habilitação em tradução espanhol/português. Tradutora pública e Intérprete Comercial concursada pela Junta Comercial do Estado do Rio Grande do Sul. Lattes: http://lattes.cnpq.br/6151947734463082

Referências

BERGSON, Henri. OEuvres. Paris : PUF, 1959.

DELEUZE, Gilles. Bergsonismo. Traduzido por: Luiz B. L. Orlandi. São Paulo: Editora 34, 2012.

DELEUZE, Gilles. Le Bergsonisme. Paris: PUF, 1966.

ECO, Umberto. Quase a mesma coisa: experiências de tradução. São Paulo: Record, 2007.

FRANCO, Javier. Who’s who and what’s what in Translation Studies: a preliminary approach. In: FRANCO, Javier. Tracks and Treks in Translation Studies, Amsterdam: John Benjamins Publishing Company, 2010. p. 7-28.

HURTADO ALBIR, Amparo. Traducción y traductología: introducción a la traductología. Madrid: Ediciones Cátedra, 2013.

LÖRSCHER, Wolfgang. Translation performance, translation process and translation strategies. Tübingen: Gunter Narr Verlang, 1991.

MOUNIN, Georges. Les Problèmes théoriques de la traduction. Paris: Gallimard, 1963.

NORD, Christiane. Translating as a Purposeful Activity. In: NORD, Christiane. Functionalist Approaches Explained. Manchester: St. Jerome, 1997.

PACTE. (BEEBY, A.; FERNÁNDEZ, M.; FOX, O.; HURTADO ALBIR, A.; KUZNIK, A.; NEUNZIG, W.; RODRÃGUEZ-INÉS, P.; ROMERO, L.; WIMMER, S. Investigadora principal: HURTADO ALBIR, A.). Results of the Validation of the PACTE Translation Competence Model: Translation Problems and Translation Competence. In: ALVSTADA, Cecilia; HILD, Adelina; TISELIUS, Elisabet (Ed.) Methods and Strategies of Process Research: Integrative Approaches in Translation Studies. Amsterdam: John Benjamins, 2011. p. 317-343.

ROQUE, Tatiana. Sobre a noção de problema. Lugar comum, n. 23-24, p. 135-146, 2008.

WAQUIL, Marina. Traduzindo Traducción y Traductología: problemas terminológicos de tradução. Tese (Doutorado em Letras) ”“ Programa de Pós-Graduação em Letras, Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Rio Grande do Sul, 2017. Disponível em: https://lume.ufrgs.br/bitstream/handle/10183/166273/001027759.pdf?sequence=1&isAllowed=y Acesso em: 24 set. 2019.

Downloads

Publicado

23-11-2019

Como Citar

WAQUIL, Marina Leivas. A noção de problema nos Estudos da Tradução: um novo olhar teórico com exemplos do par linguístico espanhol/português. Belas Infiéis, Brasília, Brasil, v. 8, n. 4, p. 13–34, 2019. DOI: 10.26512/belasinfieis.v8.n4.2019.23024. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/belasinfieis/article/view/23024. Acesso em: 23 jul. 2024.

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.