Os impactos gerados pela greve dos caminhoneiros no Brasil e a resiliência nos equipamentos e serviços turísticos

Palavras-chave: Turismo. greve. resiliência. organização. transporte.

Resumo

O setor de turismo no Brasil sofreu impactos inesperados devido ao cenário do movimento de greve dos caminhoneiros, cuja funcionalidade agrega aspectos importantes na distribuição de recursos para o perfeito desempenho da atividade turística. Este artigo tem por objetivo relatar os impactos do movimento dos caminhoneiros e as consequências na dimensão do turismo. Além disso, apresentar conceitos sobre resiliência organizacional e como as firmas devem se portar a eventos disruptivos. A busca bibliográfica baseia-se em plataformas jornalísticas , artigos,  sites institucionais e/ou governamentais. Por fim, a crise econômica gerada pela greve de caminhoneiros reafirmou interdependência do setor de transporte a atividade turística, esta última, quando apoiada a dinâmica da resiliência desenvolve respostas inovadoras em rápida temporalidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Thais Coratini da Silva, Universidade de Brasília

3 Graduação, Bacharel em Turismo - Universidade de Brasília. E-mail: thaissilva1136@gmail.com
Orcid: https://orcid.org/0000-0003-1808-0216

Ylana Silva Rodrigues, Universidade de Brasília

Graduação, Bacharel em Turismo - Universidade de Brasília. E-mail: ylanasilvarodrigues@gmail.com
Orcid: https://orcid.org/0000-0001-7539-6482

Referências

BALLOU, Ronald H. Gerenciamento da Cadeia de Suprimentos / Logística Empresarial. Porto Alegre: Bookman. 2006 (Cap. 6)

VASCONCELOS, Isabella Francisca. Resiliência organizacional e teoria da ação comunicativa: Uma proposta de uma agenda de pesquisa; Revista de Administração da UNIMEP. v.15, n.4, Setembro/Dezembro de 2017.

OLIVEIRA, Simone de. Sistema de Transportes no Brasil - O Multimodalismo como Opção Logística. Orientador: MARTINS, Eduardo F. Rio de Janeiro: Universidade Gama Filho, Monografia (MBA Portos e Logística - PósGraduação Lato Sensu).2004.

BENI, Mário Carlos. Política e planejamento de turismo no Brasil. São Paulo: Aleph, 2006.

LANZARINI, R. & BARRETTO, M. “Políticas públicas no Brasil para um turismo responsável”. Turismo: Visão e Ação, 2014.

BBC – Greve dos caminhoneiros: a cronologia dos 10 dias que pararam o Brasil. 30 de Maio de 2018. Disponível em:

<https://www.bbc.com/portuguese/brasil-44302137> Acesso em: Nov. de 2018

BNDES. Concessões Rodoviárias no Brasil. Informe Infra-Estrutura, Rio de Janeiro, Jan de 1999. Disponível em http://www.bndes.gov.br. Acesso em: Nov. de 2018.

BSIGROUP – Resiliência Organizacional [s.d.]. Disponível em:

<https://www.bsigroup.com/pt-BR/Nossos-servicos/Resiliencia-Organizacional/> Acesso em: Nov. de 2018

CATRACA LIVRE – Os impactos da greve dos caminhoneiros no transporte das cidades. 24 de Maio de 2018. Disponível em:

<https://catracalivre.com.br/cidadania/greve-caminhoneiros-transporte-cidades/> Acesso em: Nov. de 2018

ECONOMICS – Designing Resilient, Sustainable Systems. C2003 Disponível em: <http://www.eco-nomics.com/images/Designing_Resilient_Sustainable_Systems.pdf> Acesso em: Nov.de 2018

ELPAIS – Greve dos caminhoneiros: como se formou o nó que levou à paralisação. 26 de Maio de 2018. Disponível em:

<https://brasil.elpais.com/brasil/2018/05/24/economia/1527177800_693499.html> Acesso em: Nov. de 2018

G1 – Greve dos caminhoneiros provoca estragos na economia e deve dificultar retomada. 13 de Jul de 2018.Disponível em:

<https://g1.globo.com/economia/noticia/greve-dos-caminhoneiros-provoca-estragos-na-economia-e-deve-dificultar-retomada.ghtml> Acesso em: Nov. de 2018

HOTELIERNEWS – Impacto da paralisação dos caminhoneiros deve ser de R$ 104 milhões no turismo de São Paulo. 30 de Maio de 2018. Disponível em: <https://hoteliernews.com.br/noticias/impacto-da-paralisacao-dos-caminhoneiros-deve-ser-de-r-104-milhoes-no-turismo-de-sao-paulo-80056> Acesso em: Nov. de 2018

O GLOBO – Greve dos caminhoneiros já afeta setor de transportes, alimentação e fábricas. 22 de Maio de 2018. Disponível em: < https://oglobo.globo.com/economia/greve-dos-caminhoneiros-ja-afeta-setor-de-transportes-alimentacao-fabricas-22707028 >. Acesso em : Nov. de 2018

REVISTA HOTELNEWS – Quais foram os reais impactos da greve dos caminhoneiros na hotelaria?. 30 de Maio de 2018. Disponível em: <http://www.revistahotelnews.com.br/portal/noticia.php?id_noticia=7906>. Acesso em: Nov. de 2018.

SEGS – Impactos da greve dos caminhoneiros. 04 de Jun de 2018 Disponível em:

<https://www.segs.com.br/veiculos/118938-impactos-da-greve-dos-caminhoneiros> Acesso em: Nov. de 2018.

SOBRARE – Desenvolvimento uma cultura resiliente nas organizações. C2015. Disponível em:

<http://sobrare.com.br/wp-content/uploads/2015/11/ebook-desenvolvendo-uma-cultura-resiliente-nas-organizacoes.pdf> Acesso em: Nov. de 2018.

VALOR – Greve de caminhoneiros afeta empresas e abastecimento de combustível. 23 de Maio de 2018. Disponível em:

<https://www.valor.com.br/brasil/5543695/greve-de-caminhoneiros-afeta-empresas-e-abastecimento-de-combustivel> Acesso em: Nov. de 2018.

VALOR – Greve dos caminhoneiros teve impacto disseminado no varejo. 12 de Jul de 2018.Disponível em:

<https://www.valor.com.br/brasil/5654435/greve-dos-caminhoneiros-teve-impacto-disseminado-no-varejo-nota-ibge> Acesso em: Nov. de 2018.

PETROBRAS – Revisão da política de preços de diesel e gasolina. 30 de Jun de 2017. Disponível em:<http://www.petrobras.com.br/fatos-e-dados/revisao-da-politica-de-precos-de-diesel-e-gasolina.htm> Acesso em: Jun. de 2019.

ABCAM – Ofício ABCAM N° 34/2018. 14 de Maio de 2018. Disponível em:<http://www.abcam.org.br/images/OFICIO-ABCAM---N-34---PRESIDENTE-MICHEL-TEMER-1.pdf> Acesso em: Jun. de 2019.

Publicado
2019-07-26
Como Citar
LopesA. S., CorreaJ. D. S., SilvaT. C. da, & RodriguesY. S. (2019). Os impactos gerados pela greve dos caminhoneiros no Brasil e a resiliência nos equipamentos e serviços turísticos. Cenário: Revista Interdisciplinar Em Turismo E Território, 7(12), 59 - 72. https://doi.org/10.26512/revistacenario.v7i12.25510
Seção
Artigos