Ativismo LGBTI+ no Partido dos Trabalhadores: Entrevista com Julian Rodrigues

Autores

  • Cleyton Feitosa Universidade de Brasília, Brasília, Distrito Federal, Brasil https://orcid.org/0000-0001-5186-1941
  • Julian Rodrigues Universidade de São Paulo e Fundação Perseu Abramo, São Paulo, São Paulo, Brasil

DOI:

https://doi.org/10.26512/revistainsurgncia.v9i1.41070

Palavras-chave:

Movimento LGBTI, Partidos Políticos, Participação Social, Cidadania

Resumo

Cleyton Feitosa entrevista Julian Rodrigues, ativista LGBTI+ do Partido dos Trabalhadores. Duração: 71 minutos. Data: 30 de março de 2021. Local: On-Line por meio da Plataforma Zoom.

Biografia do Autor

Cleyton Feitosa, Universidade de Brasília, Brasília, Distrito Federal, Brasil

Doutor em Ciência Política pela Universidade de Brasília (UnB). Mestre em Direitos Humanos pela Universidade Federal de Pernambuco (PPGDH/UFPE). Licenciado em Pedagogia pela Universidade Federal de Pernambuco/Centro Acadêmico do Agreste (UFPE/CAA). Co-coordenou o Dossiê Temático "Participação Política LGBTI+ no Brasil" publicado na REBEH - Revista Brasileira de Estudos da Homocultura (2022). É autor do livro "Políticas Públicas LGBT e Construção Democrática no Brasil" (Appris, 2017). Foi consultor da Unesco, atuando na organização da 3ª Conferência Nacional LGBT no âmbito do Ministério de Direitos Humanos (2016). É membro do Grupo de Pesquisa sobre Relações entre Sociedade e Estado (Resocie) vinculado ao IPOL/UnB.

Julian Rodrigues, Universidade de São Paulo e Fundação Perseu Abramo, São Paulo, São Paulo, Brasil

Doutorando em América Latina pelo Programa de Pós-Graduação em Integração da América Latina da Universidade de São Paulo - PROLAM/USP. Mestre em Ciências Humanas e Sociais pela Universidade Federal do ABC (2019). Especialista em Economia do Trabalho e Sindicalismo - Área de Concentração: Políticas Sociais pela Universidade Estadual de Campinas (2005). Licenciado em Letras - Português/Inglês pela Universidade Federal de Viçosa (1997). Coordenador de Formação Política da Fundação Perseu Abramo (FPA). Ativista de movimentos de direitos humanos e LGBTI+. Sua atuação concentra-se nos seguintes temas: direitos humanos, políticas públicas, cidadania LGBTI+, direitos sexuais e reprodutivos, movimentos sociais, gênero, feminismo, juventude, educação, segurança pública e políticas sociais.

Referências

AMARAL, Oswaldo E. do. As transformações na organização interna do Partido dos Trabalhadores entre 1995 e 2009. São Paulo: Alameda, 2013.

BARBABELA, Pedro. Os dilemas da representação política LGBTI+: notas sobre as eleições legislativas municipais de 2020 no Brasil. REBEH - Revista Brasileira de Estudos da Homocultura, v. 4, n. 14, 2021.

CRUZ, Rodrigo. Do protesto às urnas: as campanhas em defesa da causa homossexual nas eleições de 1982. Revista Brasileira de Ciência Política, n. 22, 2017.

DEHESA, Rafael de la. Incursiones queer en la esfera pública: movimientos por los derechos sexuales em México y Brasil. México: Programa Universitario de Estudios de Género, 2015.

FEITOSA, Cleyton. Diversidade sexual e partidos políticos: uma análise da cidadania LGBT nos estatutos partidários brasileiros. Revista Feminismos, v. 9, n. 2, 2022.

FEITOSA, Cleyton. Políticas públicas LGBT e construção democrática no Brasil. Curitiba: Appris, 2017a.

GREEN, James N. Forjando alianças e reconhecendo complexidades: as ideias e experiências pioneiras do Grupo Somos de São Paulo. In: GREEN, James; QUINALHA, Renan; CAETANO, Marcio; FERNANDES, Marisa (Orgs). História do Movimento LGBT no Brasil. São Paulo: Alameda, 2018.

KECK, Margaret E. PT - A lógica da diferença: o Partido dos Trabalhadores na construção da democracia brasileira. Rio de Janeiro: Centro Edelstein de Pesquisas Sociais, 2010 [1991].

MACRAE, Edward. A construção da igualdade: política e identidade homossexual no Brasil da “abertura”. Salvador: EDUFBA, 2018.

RIBEIRO, Pedro Floriano. Organização e poder nos partidos brasileiros. Revista Brasileira de Ciência Política, n. 10, p. 225-265, 2013.

SANTOS, Gustavo Gomes da Costa. Diversidade sexual, partidos políticos e eleições no Brasil contemporâneo. Revista Brasileira de Ciência Política, n. 21, 2016a.

SANTOS, Gustavo Gomes da Costa. Movimento LGBT e partidos políticos no Brasil. Contemporânea - Revista de Sociologia da UFSCar, v. 6, n. 1, 2016b.

TREVISAN, João Silvério. Somos o quê mesmo? In: GREEN, James; QUINALHA, Renan; CAETANO, Marcio; FERNANDES, Marisa (Orgs). História do Movimento LGBT no Brasil. São Paulo: Alameda, 2018.

Downloads

Publicado

13.05.2022

Como Citar

FEITOSA, Cleyton; RODRIGUES, Julian. Ativismo LGBTI+ no Partido dos Trabalhadores: Entrevista com Julian Rodrigues. InSURgência: revista de direitos e movimentos sociais, Brasília, v. 9, n. 1, p. 53–74, 2022. DOI: 10.26512/revistainsurgncia.v9i1.41070. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/insurgencia/article/view/41070. Acesso em: 25 abr. 2024.

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.