EL NOSOTROS PREINDIVIDUAL DE LA COSMOPOLÍTICA

Autores

  • Adolfo Chaparro-Amaya

DOI:

https://doi.org/10.26512/dasquestoes.v8i2.37645

Palavras-chave:

nós, pré-individual, cosmopolítica

Resumo

O texto indaga sobre as características linguísticas, políticas e subjetivas do nós, como um limiar para reposicionar a perspectiva do sujeito na discussão cosmopolítica. Embora pareça uma discussão topológica sobre o alcance da comunidade do nós, ao longo do caminho vários problemas são delineados para pesquisas futuras: (i) como descrever o 'quem' da comunidade nós, (ii) quem são os outros da nós, e quais assimetrias surgem nesta relação especular quando deixamos a modernidade e, (iii) quais são as consequências da ideia de uma instância pré-subjetiva na política, e como repensar o paradigma imunológico / comunitário se o pré-subjetivo está conectado com as dimensões contemporâneas do comum. Trata-se de delinear um argumento serial que levanta abordagens e linhas de pesquisa a partir dessa série de preocupações.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

CLARKSON, Carroll. ¿Quiénes somos nosotros?. In Chaparro, Herrera y Roermund (eds) ¿Quiénes somos nosotros? O cómo (no) hablar en primera persona del plural. Bogotá: Universidad del Rosario, 2016, pp. 323-340.

CHAPARRO-AMAYA, Adolfo. Modernidades periféricas. Archivos para la historia conceptual de América Latina. Barcelona: Herder, 2020.

DELEUZE, Gilles; GUATTARI, Félix. Mil mesetas. Valencia: Pre-textos, 1988.

DELEUZE, Gilles. Lógica del sentido. Barcelona: Paidós, 1989.

ESPOSITO, Roberto. Bíos. Biopolítica y filosofía. Buenos Aires: Amorrortu, 2006.

Publicado

2021-04-25

Como Citar

CHAPARRO-AMAYA, Adolfo. EL NOSOTROS PREINDIVIDUAL DE LA COSMOPOLÍTICA. Das Questões, [S. l.], v. 8, n. 2, 2021. DOI: 10.26512/dasquestoes.v8i2.37645. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/dasquestoes/article/view/37645. Acesso em: 12 jul. 2024.