Um dia no hospital (Hospital Sketches), por Louisa May Alcott

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26512/belasinfieis.v10.n3.2021.32071

Palavras-chave:

Louisa May Alcott. Hospital Sketches. Guerra civil dos Estados Unidos. Literatura Estadunidense. Tradução literária.

Resumo

Na obra Hospital Sketches, a autora estadunidense Louisa May Alcott narra sua experiência como enfermeira voluntária pela União, frente abolicionista na Guerra de Secessão norte-americana. A narrativa se origina de cartas enviadas por Alcott à sua família, posteriormente publicadas no jornal Commonwealth, de Boston, e compiladas como livro em 1863. Esta é uma tradução inédita de uma dessas entradas no diário de Tribulation Periwinkle, pseudônimo assumido pela autora em sua história como enfermeira em um hospital de campanha durante a guerra.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodrigo Bilhalva Moncks, Pesquisador autônomo

Mestrado em Estudos da Tradução (2020) pela Universidade Federal de Santa Catarina. Bacharel em Letras Tradução Inglês/Português (2016) pela Universidade Federal de Pelotas. Pesquisador autônomo.

Referências

Alcott, L. M. (1863) A Day. L. M. Alcott. In Hospital Sketches. (pp. 31 –45) James Redpath Publisher. https://digital.library.upenn.edu/women/alcott/sketches/sketches.html#31

Downloads

Publicado

01-07-2021

Como Citar

MONCKS, Rodrigo Bilhalva. Um dia no hospital (Hospital Sketches), por Louisa May Alcott. Belas Infiéis, Brasília, Brasil, v. 10, n. 3, p. 01–14, 2021. DOI: 10.26512/belasinfieis.v10.n3.2021.32071. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/belasinfieis/article/view/32071. Acesso em: 24 maio. 2024.

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.