Notícias

Chamada

2020-10-01

Revista Brasileira de Linguística Antropológica (RBLA) Dossiê Temático: Variação linguística em línguas indígenas: léxico, fonologia e morfossintaxe
O volume 13 - 2021 - da Revista Brasileira de Linguística Antropológica (publicação contínua) (https://periodicos.unb.br/index.php/ling) dedicará uma seção aos resultados de estudos sobre variação linguística em línguas indígenas, um tema minimamente abordado na literatura linguística sobre línguas indígenas da América do Sul. Entretanto, estudos sobre variações linguísticas de natureza léxica, fonológica ou morfossintática são de grande importância para os projetos de normatização de escrita e de letramento em comunidades indígenas. São também de importância reconhecida para os estudos histórico-comparativos e para o enriquecimento dos estudos variacionistas (Weireich, Labov, and Herzog 1969; Kiparsky 1989; Labov 1994). Nesta perspectiva, este dossiê visa estimular o aprofundamento e ampliação dos estudos linguísticos das línguas indígenas, com foco especial nas línguas indígenas do Brasil.
Artigos para esse dossiê serão recebidos até 1 de março de 2021.
Submissões: link:
https://www.periodicos.unb.br/index.php/ling/about/submissions
Organizadores do Dossiê
Fábio Bonfim Duarte (UFMG) - fbonfim@terra.com.br
Ana Claudia Menezes (UEMA) - claudia-ama@hotmail.com
Ana Suelly Arruda Câmara Cabral (UnB) - asacczoe@gmail.com

Saiba mais sobre Chamada

Edição Atual

v. 12 (2020)
Ver Todas as Edições

A Revista Brasileira de Linguística Antropológica (RBLA) publica estudos sobre línguas e culturas nativas, entre os quais, léxico, fonologia, gramática, sistemas e campos semânticos, classificações culturais de plantas e animais, etnogeografia, etno-história, linguagens de saberes tradicionais  — cerâmica, tecelagem, instrumentos de trabalho, entre outros —, em perspectivas etnográficas e arqueológicas, onomástica, sistemas de parentesco, pré-história linguística e cultural, genética humana, contato de línguas, processos de obsolescência e de revitalização linguística, análises de texto e de discurso, artes verbais, linguagem ritual e expressões linguísticas de distinções de gênero.

A interface da Linguística com a Arqueologia, com a Antropologia, a História e a Botânica é de interesse fundamental da Revista. Estudos sobre interpretações e discussões de material de arquivo, documentos históricos editados e contribuições à história do campo da linguística antropológica são muito bem vindos.