O alcoolismo nas pesquisas da enfermagem brasileira

Autores

  • Sílvio Eder Dias da Silva Prof. Dr. Adjunto da Faculdade de Enfermagem da UFPa.
  • Maria Itayra Padilha Profa. Associada da PEN/UFSC
  • Natacha Mariana Farias da Cunha Acadêmica de Enfermagem da Faculdade de Enfermagem da UFPa.
  • Esleane Vilela Vasconcelos Enfermeira Mestre da SESPA

Palavras-chave:

Enfermagem, Alcoolismo, Politicas de Saúde

Resumo

As bebidas alcoólicas estão sendo consideradas como um problema saúde publica. Contudo esta revisão tem como objetivo demonstrar os efeitos do álcool em sociedade e também na vida dos seus consumidores e para os seus próximos, já são também são vitimas do alcoolismo. Tem com metodologia uma revisão integrativa, correspondendo a um método que pode agregar estudos primários ou secundários, de variadas metodologias, e ou teorias, com uma vasta gama de implicações. Os critérios de inclusão se referiram a estudos que abordavam a temática alcoolismo, publicados em periódicos científicos brasileiros da área de enfermagem, a partir de 2000, no qual foram selecionados artigos, disponíveis em bases de dados. Concluindo-se, percebe-se a importâncias da pesquisa por profissionais de enfermagem nessa temática aqui abordada, já que pode ser trabalhada interligada com intervenções de prevenção ao consumo excessivo de bebidas alcoólicas, podendo assim evitar novos problemas de saúde e social.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

06-10-2015

Como Citar

1.
Silva SED da, Padilha MI, Cunha NMF da, Vasconcelos EV. O alcoolismo nas pesquisas da enfermagem brasileira. Rev. G&S [Internet]. 6º de outubro de 2015 [citado 19º de setembro de 2021];6(3):Pág. 2851-2869. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/rgs/article/view/3274

Edição

Seção

Artigos de Revisão

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)