Por um Ateísmo Tranquilo: O Racionalismo de François Châtelet no Périclès et Verdi de Gilles Deleuze

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26512/rfmc.v7i3.28292

Palavras-chave:

Chatêlet; Deleuze; filosofia; ateísmo.

Resumo

Em 1988, Gilles Deleuze dedica Periclès et Verdi, ao amigo François Châtelet. Quando fora chamado pelo Collége International de Philosophie para participar das últimas mesas redondas dedicadas à morte do amigo, Deleuze vê na recusa de deus e de toda transcendência châteletianas uma serenidade ateia depois de Nietzsche. À época de seus estudos de Filosofia na Sorbonne, Châtelet pela primeira vez entra em contato com Deleuze, e a partir daí constituir-se-á a sua projeção como filósofo da história e como filósofo político. Nesse sentido, eis o seu interesse pela filosofia de Châtelet:  gradativamente refaz a trajetória filosófica do amigo e, ao mesmo tempo, conjura a sua morte e homenageia-o postumamente através da ressonância do pensamento de Châtelet em sua própria filosofia. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marcelo de Sant'Anna Alves Primo, Universidade Federal de Sergipe, UFS

Professor titular do Colégio de Aplicação da Universidade Federal de Sergipe (CODAP-UFS). Graduado em Filosofia pela Universidade Federal de Sergipe (2005), mestre em Filosofia pela Universidade Federal da Bahia (2008), e doutor em Filosofia pela UFBA (2014), com período sanduíche como bolsista do programa PDSE da CAPES, na École Pratique des Hautes Études (EPHE). TeM experiência na área de Filosofia, com ênfase em Ética e Filosofia Política, atuando principalmente nos seguintes temas: Pierre Bayle, Holbach, Iluminismo, filosofia, tolerância, ateísmo, política e moral.

Referências

DELEUZE, Gilles. Périclès et Verdi: la philosophie de François Châtelet. Paris: Les Éditions de Minuit, 1988.

______. Conversações. Trad. de Peter Pál Pelbart. São Paulo: Ed. 34, 1992.

______. O que é a filosofia? Trad. de Bento Prado Júnior e Alberto Alonso Muñoz. São Paulo: Ed. 34, 1992.

ORLANDI, Luiz Benedicto Lacerda. “Combater na imanência”, in: http://www.pucsp.br/nucleodesubjetividade/Textos/orlandi/combater_na_imanencia.pdfacessado em 28/02/2017.

ZOURABICHVILI, François. Deleuze: uma filosofia do acontecimento. Trad. de Luiz B. L. Orlandi. São Paulo: Ed. 34, 2016.

Publicado

2020-01-26

Como Citar

DE SANT’ANNA ALVES PRIMO, M. Por um Ateísmo Tranquilo: O Racionalismo de François Châtelet no Périclès et Verdi de Gilles Deleuze. Revista de Filosofia Moderna e Contemporânea, v. 7, n. 3, p. 183-194, 26 jan. 2020.