A tentativa do esvaziamento da crítica: Mises e os pressupostos liberais.

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26512/sersocial.v23i49.29361

Palavras-chave:

Mises. Marx. ontologia. liberalismo. teoria crítica.

Resumo

O presente texto traz ao debate crítico o pensamento de um dos principais expoentes das ideias ultraliberais e das formas de individualismo dominantes, Ludwig Von Mises, a partir de sua compreensão da práxis econômica, do indivíduo e da ação humana. Para tanto, partimos de sua magnum opus, Ação Humana: um tratado de economia, contrapondo suas categorias determinantes à ontologia marxista e à teoria social crítica formulada por Karl Marx. Com isso, evidenciamos aspectos controversos na construção teórica do autor austríaco, reafirmando a    validade e a atualidade do pensamento de Marx para as lutas emancipatórias do século XXI, tendo em vista a ascensão conveniente deste tipo de abordagem teórica na contemporaneidade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

EAGLETON, T., As ilusões do pós-modernismo. Tradução: Elisabeth Barbosa, Rio de Janeiro: Jorge Zahar, [1996] 1998.

MARX, K.; ENGELS, F., A ideologia alemã: crítica da mais recente filosofia alemã em seus rep-resentantes Feuerbach, B. Bauer e Stirner, e do socialismo alemão em seus diferentes profetas (1845-1846). São Paulo: Boitempo, [1846] 2007.

MARX, K., Manifesto comunista. São Paulo: Boitempo, [1848] 2005.

MARX, K., O capital. Livro I: O processo de produção do capital. Trad. Rubens Enderle. São Paulo: Boitempo, [1867] 2013.

LUKÁCS, G., Prolegômenos para uma ontologia do ser social: questões de princípios para uma ontologia hoje tornada possível. Tradução de Lya Luft e Rodnei Nascimento. São Paulo: Boitem-po, [1984] 2010.

MISES, L., Ação Humana. Um tratado de Economia. Campinas-SP: Vide [1949] 2015.

POULANTZAS, N., State, power, socialism. Londres: New Left, 1978.

Downloads

Publicado

07/30/2021

Como Citar

SILVA NETO, José Garajau da; FREDERICO B. LOUREIRO, Carlos. A tentativa do esvaziamento da crítica: Mises e os pressupostos liberais. SER Social, [S. l.], v. 23, n. 49, p. 411–430, 2021. DOI: 10.26512/sersocial.v23i49.29361. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/SER_Social/article/view/29361. Acesso em: 20 abr. 2024.