Gestão da imagem organizacional da biblioteca pública na sociedade da informação: as bibliotecas polos do estado do Ceará

Autores

  • Maria Cleide Rodrigues Bernardino Universidade de Brasília - UnB

Palavras-chave:

biblioteca públicas, Ceará, marketing, sistemas de bibliotecas, sociedade da informação

Resumo

Investiga a imagem organizacional da biblioteca pública a partir das variáveis propostas por Justo Villafañe, autoimagem (imagem que a organização tem de si mesma), imagem intencional (imagem que a instituição projeta para o público) e imagem funcional (estrutura tecnológica e comercial da instituição). A pesquisa se dá nas bibliotecas públicas do Estado do Ceará, especificamente nas bibliotecas polos, que é um projeto de descentralização da coordenação do Sistema Estadual de Bibliotecas Públicas do Estado do Ceará - SEBP/CE. Tem o objetivo de identificar a imagem organizacional da biblioteca pública no Ceará, revelando sua imagem pública na sociedade da informação. Tendo como pressuposto a hipótese que esta deve atuar significativamente na sociedade da informação, entretanto, construiu uma imagem de descaso e abandono, amparada pelos questionamentos: qual a imagem da biblioteca pública do Estado do Ceará na sociedade da informação? Qual a mudança operacional na imagem da biblioteca pública do Estado do Ceará, a partir da criação das bibliotecas polos? Como as bibliotecas públicas do Estado do Ceará se veem? Como essas bibliotecas se projetam para a comunidade usuária? Como essas bibliotecas estão estruturadas tecnologicamente e comercialmente? E como se relacionam com a comunidade usuária? O modelo conceitual se baseia nas Teorias da Gestalt (Psicologia) e institucional (Administração), para a construção do campo organizacional da biblioteca pública. A metodologia é alicerçada no método dialético e nos métodos de procedimento comparativo ”“ a partir do isomorfismo mimético (teoria estruturalista) ”“, e método monográfico e funcionalista (representação imagética da biblioteca pública). O delineamento foi a partir de uma pesquisa quali-quantitativa em quatro etapas e a mensuração dos dados coletados por meio da Escala de Likert, do modelo de quantificação adaptado de Villafañe e pela análise de conteúdo. Por fim, a investigação revelou uma imagem negativa da biblioteca pública na sociedade da informação no Estado do Ceará e as bibliotecas polos não representou nenhuma mudança organizacional para o SEBP/CE

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Maria Cleide Rodrigues Bernardino, Universidade de Brasília - UnB

Possui Doutorado em Ciência da Informação, pela Universidade de Brasília (UnB); Mestrado em Linguística, pela Universidade Federal da Paraíba (UFPB); Especialização em Gerenciamento de Bibliotecas Públicas e Escolares pela Universidade de Brasília (UnB) Especialização em Literatura Brasileira pela Universidade Regional do Cariri (URCA); e Graduação em Biblioteconomia, pela Universidade Federal do Ceará (UFC). Atualmente é professora do Curso de Biblioteconomia da Universidade Federal do Cariri (UFCA). Tem experiência na área de Ciência da Informação, com ênfase em Biblioteconomia, atuando principalmente nos seguintes temas: bibliotecas públicas, escolares, leitura e formação de leitores.

Downloads

Como Citar

Bernardino, M. C. R. (2016). Gestão da imagem organizacional da biblioteca pública na sociedade da informação: as bibliotecas polos do estado do Ceará. Revista Ibero-Americana De Ciência Da Informação, 9(2), 568. Recuperado de https://periodicos.unb.br/index.php/RICI/article/view/2434

Edição

Seção

Resumo de teses e dissertações

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 39 40 41 42 43 44 45 46 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.