Ensino, Pesquisa e Extensão em Museus e Museologia LGBT+

recomendações Queer à formação museológica

Autores

  • Jean Tiago Baptista Universidade Federal de Goiás
  • Thainá Castro Universidade Federal de Santa Catarina
  • Tony Willian Boita Universidade Federal de Goiás
  • Jezulino Lucio Braga Universidade Federal de Minas Gerais
  • Geanine Vargas Escobar
  • Caio Tedesco Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Marlise Giovanaz Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Clovis Britto Universidade de Brasília
  • Camila Azevedo de Moraes Wichers
  • Anna Paula Silva
  • Kalyna Ynanhia Silva de Faria

DOI:

https://doi.org/10.26512/museologia.v11i21.41427

Palavras-chave:

Ensino, Museologia, Teoria Queer, Museologia LGBT

Resumo

Este artigo apresenta o mapeamento realizado pelo Grupo de Pesquisa Museologia e Sexualidades (MusaSex) sobre as estratégias de ensino, pesquisa e extensão em museus e Museologia LGBT+ interseccional na formação museológica (graduação e pós-graduação). Tal mapeamento procura subsidiar, de modo voluntário, o conjunto de recomendações que o Fórum de Graduação da Rede de Professores e Pesquisadores de Museologia está a produzir para os cursos de bacharelado em Museologia brasileiros. Propõe, portanto, uma formação museológica dialógica, libertadora e decolonial Queer interessada no enfrentamento da LGBTfobia e no respeito a identidades de gênero e orientações sexuais dissidentes da matriz branca-cisheterossexual vigente nos museus e na Museologia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Referências

ALENCAR, Leonardo Tavares. A masculinidade hegemônica e a colonialidade no fazer museal. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Museologia) - Universidade Federal de Goiás, 2021.

ASSUMPÇÃO, Elis. Nuances do arco-íris: movimento LGBTQIA+ e Museologia. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Museologia), Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2021.

BAPTISTA, Jean; BOITA, Tony. Memória e esquecimento LGBT nos museus, patrimônios e espaços de memória no Brasil. Revista do Centro de Pesquisa e Formação. São Paulo, n. 5, 2017.

BAPTISTA, Jean; BOITA, Tony. Museologia Comunitária LGBT. Revista Memórias LGBT. Rio de Janeiro, n. 7, p. 6-8, 2015.

BAPTISTA, Jean; BOITA, Tony. Por uma Primavera nos Museus LGBT. Museologia e Interdisciplinaridade. Brasília, v. 7, n. 3, 2018.

BAPTISTA, Jean; BOITA, Tony. Protagonismo LGBT e museologia social: uma abordagem afirmativa aplicada à identidade de gênero e à orientação sexual. Cadernos do CEOM. Chapecó, 27, v. 41, p. 175-192, 2014.

BAPTISTA, Jean; BOITA, Tony; MORAES WICHERS, Camila. O que é Museologia LGBT?. Revista Memórias LGBT. Goiânia, n. 12, 2020a.

BOITA, Tony, Mapeamento e Musealização em Revista: memórias LGBT. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Museologia) – Universidade Federal de Goiás, 2014.

BOITA, Tony. Cartografia de Memórias Desobedientes. Dissertação de Mestrado (Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social) - Universidade Federal de Goiás, 2018.

BOITA, Tony. Museologia LGBT: cartografia das memórias LGBTQI+ em acervos, arquivos, patrimônios, monumentos e museus transgressores. Rio de Janeiro: Metanoia, 2020.

BOITA, Tony; BAPTISTA, Jean; MORAES WICHERS, Camila. LGBT Memory Project: A `Queer of Colour Critique? Approach in Latin America and Caribbean Museums. Museum International. Londres, Roudedge, v. 72, p. 188-199, 2020.

BRAGA, Jezulino. Educação para a diversidade de gênero nos museus. Revista Memórias LGBT. Goiânia, n. 12, 2020.

BRAGA, Jezulino. Formação para diversidade de gênero e ações de visibilidade da população LGBT em museus de Belo Horizonte. Cadernos de Sociomuseologia. Lisboa, n. 61, v. 17, p. 109-129.

BRITTO, Clovis Carvalho; MACHADO, Rafael dos Santos. Informação e patrimônio cultural LGBT: as mobilizações em torno da patrimonialização da Parada do Orgulho LGBT de São Paulo. Encontros Bibli: Revista Eletrônica de Biblioteconomia e Ciência da Informação. Florianópolis, n. 25, 2020.

BUTLER, Judith. Bodies that matter: on the discursive limits of "sex". New York: Roudedge, 1993.

BUTLER, Judith. Problemas de gênero: Feminismo e subversão da identidade. Rio de Janeiro: Civilização Brasileira, 2003.

CASTRO, Thainá. Ensino em Museologia e problemáticas metodológicas para uma Museologia LGBT, Revista Memórias LGBT. Goiânia, n. 12, 2020.

CASTRO, Thainá; PADILHA, Renata; LADEIA, Mayara. Acervo e Diversidade: em busca de novas metodologias de gestão de acervos. Cadernos de Sociomuseologia. Lisboa, n. 61, v. 17, p. 67-84, 2021.

CHAGAS, Mario; GOUVEIA, Inês. Museologia social: reflexões e práticas (à guisa de apresentação). Cadernos do CEOM. Chapecó, v. 27, n. 41, p. 9-22, 2014.

ESCOBAR, Geanine. Por uma Museologia Lésbica Negra. Cadernos de Sociomuseologia. Lisboa, n. 61, v. 17, p. 5-41, 2021.

FERGUSON, Roderick. Aberrations in Black. Towards a Queer of Color Critique. University of Minnesota Press, 2003.

FERGUSON, Roderick. Queer of Critical Color. In: Oxford Research Encyclopedia. Oxford University Press, 2018.

FERNANDES, Alex de Oliveira. Todo dia é uma resistência: uma proposta de museologia comunitária LGBT em Goiânia. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Museologia) - Universidade Federal de Goiás, 2015.

FREITAS, Gabriel Andrade de. Museologias indisciplinadas e tendências de pesquisa: repercussões da temática LGBT no Seminário Brasileiro de Museologia. Relatório final de iniciação científica (Graduação em Museologia) - Universidade de Brasília, 2021.

GIOVANAZ, Marlise. A sala colorida: uma reflexão sobre a participação do Curso de Museologia na Exposição “Uma Cidade pelas Margens”. Anais do IV Seminário Brasileiro De Museologia, 2018.

GIOVANAZ, Marlise. Experiências no curso de Museologia da UFRGS no Universo LGBT. Revista Memórias LGBT. Goiânia, n. 12, 2020.

GIOVANAZ, Marlise; FARIA, Ana Carolina. Uma Exposição em Nuances. In: Hilda Jacqueline de Fraga et al. (Orgs). Experimentações do Patrimônio: diversidades e resistências. Porto Alegre: Editora Fi, 2021.

HABIB, Ian (org.). Transespécie /Transjardinagem. Uberlândia: O Sexo da Palavra, 2021b.

HABIB, Ian. Corpos Transformacionais: a transformação corporal nas artes da cena. São Paulo: Hucitec, 2021a.

LOBO, Victória. Museologia Sapatão. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Museologia) – Universidade Federal de Goiás, 2021.

MACHADO, Rafael. Cartografias da transmusealidade: processos museológicos em Casas de Acolhida LGBT no Brasil. Dissertação de Mestrado (Programa de Pós-Graduação em Museologia) – Universidade Federal da Bahia, 2021.

MACHADO, Rafael. Museologia e sexualidade: imaginação museal e coletivismo LGBT da Casamor de Aracaju/SE. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Museologia) – Universidade Federal de Sergipe, 2019.

MARTINS, Maria Waleska Siga Peil. Política, memória e representação LGBT em espaços expositivos: estudo da exposição 50 anos de ação - de Stonewall ao Nuances & Também. Trabalho de Conclusão de Curso (Bacharelado em Museologia) – Universidade Federal de Pelotas, 2021.

MORAES WICHERS, Camila. Museologia, Feminismo e suas ondas de renovação. Museologia & Interdisciplinaridade. Brasília, n. 7, p. 138-154, 2018.

MORAES WICHERS, Camila. Narrativas arqueológicas e museológicas sob rasura: provocações feministas. Revista de Arqueologia. v. 30, p. 35-50, 2017.

MOUTINHO, Mario. O ensino da museologia na perspectiva da sociomuseologia. Atas do VI Encontro de Museus de Países e comunidades de Língua Portuguesa. Lisboa, p. 283-287, 2012.

NUNES, Samarone. Nós museológicos: os discursos Queer nas exposições Homo (Queer Remixed) (2007) e Queermuseu - Cartografias da diferença na arte brasileira (2017). 2019. Dissertação de Mestrado (Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social) – Universidade Federal de Goiás, 2019.

OLIVEIRA, Gabriel. Poder para existir, memória para eternizar: a Parada Preta de São Paulo como performance museal afetada e bruta. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Museologia) - Universidade de Brasília, 2020.

PADILHA, Alex. Ensaio sobre uma Museologia PositHIVa. Cadernos de Sociomuseologia. Lisboa, v. 61, n. 17, p. 171-192, 2021

PADILHA, Alex. Museologia PositHIVa. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Museologia) – Universidade Federal de Santa Catarina, 2020.

PIETRANTONIO, Mayara. Corpos que (re)existem: Lesbianidade, Museologia e Performatividade de Gênero. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Museologia) – Universidade Federal de Ouro Preto, 2018.

PRIMO, Judite. O social como objeto da Museologia. Cadernos de Sociomuseologia. Lisboa, v. 47, n. 3, 2014.

PRIMO, Judite; BAPTISTA, Jean; BOITA, Tony. Editorial Dossiê Corpos e Dissidências. Cadernos de Sociomuseologia. Lisboa, v. 61, p. 1-4, 2021.

PRINS, Baukje; MEIJER, Irene Costera. Como os corpos se tornam matéria: entrevista com Judith Butler. Revista Estudos Feministas. Florianópolis, v.10, n.1, 2002.

SILVA, Anna Paula. Narrativas trans em acervos de museus: diálogos com Élle de Bernardini e Lyz Parayzo. Cadernos De Sociomuseologia. Lisboa, v. 61, n. 17, p. 131-148, 2021.

TEDESCO, Caio. “Nós somos complexos”: historiografia queer na contemporaneidade - uma análise da operação historiográfica no National Museum: LGBT History and Culture. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) – Universidade Federal do Rio Grande do Sul, 2018.

VIEIRA, Leonardo. “Papéis sexuais” no acervo do Museu Paulista. Cadernos de Sociomuseologia. Lisboa, n. 61, v. 17, p. 149-169, 2021.

Downloads

Publicado

2022-05-17

Como Citar

Baptista, J. T., Castro, T., Boita, T. W. ., Braga, J. L., Vargas Escobar, G. ., Tedesco, C., Giovanaz, M., Britto, C., Wichers, C. A. de M., Silva, A. P., & Ynanhia Silva de Faria, K. . (2022). Ensino, Pesquisa e Extensão em Museus e Museologia LGBT+ : recomendações Queer à formação museológica. Museologia &Amp; Interdisciplinaridade, 11(21), 29–52. https://doi.org/10.26512/museologia.v11i21.41427

Edição

Seção

Dossiê Museus e Museologia LGBT