UMA PROPOSTA INVESTIGATIVA PARA O ENSINO DE CORES

Autores

  • Thiago Balacó Borrajo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte http://orcid.org/0000-0003-1425-9462
  • Afrânio de Araújo Coelho Universidade Federal do Ceará

DOI:

https://doi.org/10.26512/rpf.v2i1.8211

Palavras-chave:

Ensino, Investigação, Cores.

Resumo

Diante de uma realidade de frustração, insatisfação e desinteresse no processo de ensino/aprendizagem de ciências na educação básica, trazemos uma proposta metodológica para o ensino de óptica geométrica, especificamente para o entendimento físico de nossa percepção das cores, baseada em uma atividade investigativa que exige reflexão e raciocínio. Nela, os estudantes são divididos em grupos e precisam debater ideias, construir hipóteses e encontrar meios para comprová-las através de um experimento. Ao final da aula, as conclusões dos grupos são confrontadas com o conhecimento formal, possibilitando a análise de discordâncias e concordâncias com a teoria já estabelecida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Biografia do Autor

Thiago Balacó Borrajo, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte

Licenciado em Física, pelo Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Ceará (IFCE). Mestrando em Ensino de Física na Universidade Federal do Ceará (UFC). Professor do EBBT no IFRN (Campus Pau dos Ferros). Atualmente, desenvolve pesquisas na área de ensino de física.

Referências

POZO, J.I., GÓMEZ CRESPO, M.A. A Aprendizagem e o Ensino de Ciências: do conhecimento cotidiano ao conhecimento científico. Porto Alegre: Artmed, 2009.

CABALLER, M.J., ONÕRBE, A. Resolución de problemas y Actividades de Laboratorio. Em Carmen, L. del (ed.). Cuadernos de Formación del profesorado de educación secundária: Ciencias de la naturaleza. Barcelona: Horsori, 1997.

GIL-PÉREZ, D., VILCHES, A. ¿Alfabetización científica del conjunto de la ciudadanía? Un debate crucial. Cultura y Educación, 2004.

GRANGER, G. G. A ciência e as ciências. São Paulo. Editora da Unesp, 1994.

CHASSOT, A. Alfabetização científica: questões e desafios para a educação. Ijuí. Editora Unijuí, 2011.

CONFERENCIA MUNDIAL SOBRE LA CIENCIA (1999), La Ciencia para el siglo XXI ”“ Un nuevo compromisso, Budapeste. UNESCO, Paris, 2000.

SANTOS, W. L. P., SCHNETZLER, R. P. Educação em química: compromisso com a cidadania. Ijuí. Editora Unijuí, 2007.

FOUREZ, G. Alfabetización Científica Y Tecnológica. Acerca de las finalidades de la enseñanza de las ciencias. Buenos Aires. Ediciones Colihue, 1997.

BRASIL, Ministério da Educação, Secretaria de Educação Média e Tecnológica. Parâmetros Curriculares Nacionais: ensino médio. Brasília: Ministério da Educação, 2000.

HODSON, D. In Search of a Meaninful Relationship: an exploration of some issues relating to integratin in science and science education. International Journal of Science Education. 14(5), p. 541-566, 1992.

GIL PÉREZ, D., TORREGROSA, J. M. La Resolución de Problemas de Física: Una Didáctica Alternativa. Madrid/ESP: Ministerio de Educación y Ciencia; ed. Vicensvives, 1987.

POZO, Juan Ignácio; CRESPO, Gómez M. A. Aprender y Enseñar Ciencia. Madrid/ESP: Morata, 1998.

PEDUZZI, Luiz O.Q. Sobre a resolução de problemas no ensino da física. In: Caderno Catarinense de Ensino de Física, Florianópolis/BRA, UFSC, v.14 n.3, p.229-253, 1997.

ESCUDERO, C. Resolución de problemas em física: herramienta para reorganizar significados. In: Caderno Catarinense de Ensino de Física, Florianópolis/BRA, UFSC, v.12 n.02, p.95-106, 1995.

CARVALHO, A.M.P. et al. El papel de las actividades en la construcción del conocimiento en clase. Investigación en la Escuela, (25), p. 60-70, 1995.

MOREIRA, M.A. Uma abordagem cognitivista ao ensino de física. Porto Alegre: Editora da Universidade, 1983.

BLOSSER, P.E. O papel do laboratório no ensino de ciências. Tradução M.A Moreira. Cad. Cat. Ensino de Física,5 (2), pg 74-78, 1988.

AZEVEDO, M.C.P.S. Ensino por investigação: problematizando as atividades em sala de aula. Ensino de ciências: unindo a pesquisa e a prática. Anna Maria Pessoa de Carvalho (Org). São Paulo. Thomson, 2006.

LEWIN, A.M.F. e LOMÁSCOLO, T.M.M. La metodología científica en la construcción de conocimientos. Enseñanza de las ciencias, 20 (2), p. 147-1510, 1998.

Downloads

Publicado

2018-03-20

Como Citar

BORRAJO, T. B.; COELHO, A. de A. UMA PROPOSTA INVESTIGATIVA PARA O ENSINO DE CORES. Revista do Professor de Física, [S. l.], v. 2, n. 1, 2018. DOI: 10.26512/rpf.v2i1.8211. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/rpf/article/view/8211. Acesso em: 30 nov. 2022.

Edição

Seção

Artigos