Possibilidades de diálogo intertextual em uma revisão bibliográfica sobre adição de cores

Autores

DOI:

https://doi.org/10.26512/rpf.v4i2.28175

Palavras-chave:

Cor, Óptica, Experimentação.

Resumo

A adição de cores recebe grande atenção por parte dos pesquisadores na área de ensino de física, fato perceptível pelo grande número de artigos dedicados ao tema. Nesse ensaio, é apresentada uma revisão bibliográfica sobre o tópico, conduzida a partir da literatura presente em cinco periódicos da área nos últimos quinze anos. Diferentes possibilidades de diálogo intertextual foram construídas, revelando alguns aspectos presentes nos artigos revisados, tais como a inter-relação de conceitos, o desenvolvimento de uma atitude científica, o custo dos experimentos e o caráter lúdico das atividades. O autor propõe que as possibilidades dialógicas apresentadas possam ser transpostas para outros temas do ensino de ciências.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jair Lúcio Prados Ribeiro, Instituto Federal de Brasília

Doutorado em Educação em Ciências. Universidade de Brasília, 2019.

Mestrado em Ensino de Ciências (Área de Concentração: Física). Universidade de Brasília, 2010.

Graduação: Licenciatura em Física, Universidade Católica de Brasília, 2013.

Graduação: Engenharia de Infraestrutura Aeronáutica. Instituto Tecnológico de Aeronáutica, 1996.

Referências

Bazak, J.; Szewczyk, G. Arduino-based light source used to demonstrate mixing of colors and as a simple system for luminescence observations. Physics Education 54 (2), 023005 (2019).

Borrajo, T.; Coelho, A. Uma proposta investigativa para o ensino de cores. Revista do Professor de Física 2 (1), 23 (2018).

Braga, G. Relações bibliométricas entre a frente de pesquisa (research front) e revisões da literatura: estudo aplicado à Ciência da Informação. Ciência da Informação 2 (1), 9 (1973).

Camargo, E.; Bim, C.; Olivo, J. Freire, R. Disco de Newton multissensorial. A Física na Escola 10 (2), 36, 2009.

Campos, A.; Batista, W.; Souza, T. Luz, cor e visão: Uma proposta de ensino por investigação. A Física na Escola 15 (1), 41 (2017).

Carvalho, P.; Hahn, M. A simple experimental setup for teaching additive colors with Arduino. The Physics Teacher 54 (4), 244 (2016).

Catelli, F. Demonstre em aula: projeção de espectros com um CD e retroprojetor. Caderno Brasileiro de Ensino de Física 16 (1), 123 (1999).

Ciocca, M.; Wang, J. By the light of the silvery moon: fact and fiction. Physics Education 48 (3), 360 (2013).

Cockman, J. A bright color mixer. The Physics Teacher 40 (9), 553 (2002).

Cortel, A. Simple experiments on perception of color using cardboard turbines. The Physics Teacher 42 (6), 377 (2004).

Cortel, A. Yellow: The Magic Color. The Physics Teacher 46 (2), 121 (2008).

Costa, G.; Cortese, B. Scurachio, R. Catunda, T. Caixa de cores para o estudo de mistura de luzes coloridas. A Física na Escola 9 (2), 25 (2008). Dionisio, P.; Dionisio, G. Já lhe perguntaram... Por que não existem estrelas verdes? Caderno Brasileiro de Ensino de Física 24 (1), 50 (2007).

Figueiredo, N. Da importância dos artigos de revisão da literatura. Revista Brasileira de Biblioteconomia e Documentação 23 (1), 131 (1990).

Gratton, L. Lopez-Arias, T.; Calza, F.; Oss, S. The whiteness of things and light scattering. Physics Education 44 (4), 411 (2009).

Guerra, A.; Freitas, J.; Reis, J.; Braga, M. A interdisciplinaridade no ensino das ciências a partir de uma perspectiva histórico-filosófica. Caderno Brasileiro de Ensino de Física 15 (1), 32 (1998).

Haagen-Schützenhöfer, C. Students’ conceptions on white light and implications for teaching and learning about colour. Physics Education 52 (4), 044003, (2017).

Henrique, F.; Tomazio, N.; Rosa, R.; Souza, A.; DAlmeida, C.; Sciuti, L.; Garcia, M.; Henrique, L. Luz à primeira vista: um programa de atividades para o ensino de óptica a partir de cores. Revista Brasileira de Ensino de Física 41 (3), e20180223 (2019).

Hughes, S. What colour is a shadow? Physics Education 44 (3), 292 (2009).

Kamata, M.; Matsunaga, A. Optical experiments using mini-torches with red, green and blue light emitting diodes. Physics Education 42 (6), 572 (2007).

Karabey, B.; Koyunkaya, M.; Enginoglu, T.; Yurumezoglu, K. Discovering complementary colors from the perspective of Steam education. Physics Education 53 (3), 035001, (2018).

Krapas, S.; Santos, P. Modelagem do espalhamento Rayleigh da luz com propósitos de ensino e de aprendizagem. Caderno Brasileiro de Ensino de Física 19 (3), 341 (2002).

Kutschera, E.; Dunlap, J. Byrd, M.; Norlin, C.; Widenhorn, R. Pulse oximetry in the physics lab: a colorful alternative to traditional optics curricula. The Physics Teacher 51 (8), 495 (2013).

Laburú, C. Seleção de experimentos de física no ensino médio: uma investigação a partir da fala de professores. Investigações em Ensino de Ciências 10 (2), 161 (2005).

Liebl, M. Blue skies, coffee creamer, and Rayleigh scattering. The Physics Teacher 48 (5), 300 (2010).

Lincoln, J. Introducing the yellow laser. The Physics Teacher 56 (2), 124 (2018).

Loreto, E.; Sartori, P. Simulação da visão das cores: decodificando a transdução quânticaelétrica. Caderno Brasileiro de Ensino de Física 25 (2), 266 (2008).

Mak, S. Light batons offer simple way to demonstrate colour mixing. Physics Education 41 (2), 109 (2006).

Maroto, J.; Valverde, C.; Tejero, J. Description of additive colour mixing exhibits by using PC-designed Maxwell discs. Physics Education 41 (5), 448 (2006).

Martins, A. História e Filosofia da Ciência no ensino: Há muitas pedras nesse caminho... Caderno Brasileiro de Ensino de Física 24 (1), 112 (2007).

Matthews, M. História, filosofia e ensino de ciências: a tendência atual de reaproximação. Caderno Brasileiro de Ensino de Física 12 (3), 164 (1995).

Maule, L.; Featonby, D. Colour vision deficiency and physics teaching. Physics Education 51 (3), 035005 (2016).

Mcintosh, G. A simple photometer to study skylight. The Physics Teacher 44 (8), 540 (2006).

Middleton, A.; Sampere, S. Color mixing via polarization. The Physics Teacher 39 (2), 123 (2001).

Mota, A. Santos, J. Addition table of colours: additive and subtractive mixtures described using a single reasoning model. Physics Education 49 (1), 61 (2014).

Navrátil, Z. Observing colours and spectra produced by a digital projector. Physics Education 42 (3), 232 (2007).

Nopparatjamojomras, S.; Chitaree, R.; Panijpan, B. A handheld LED coloured-light mixer for students to learn collaboratively the primary colours of light. Physics Education 44 (2), 123 (2009).

Parsons, L. As easy as R, G, B. The Physics Teacher 36 (6), 347 (1998).

Planini, G. Color mixer for every student. The Physics Teacher 42 (3), 138 (2004).

Ramos, E.; Ferreira, N. O desafio lúdico como alternativa metodológica para o ensino da física. Atas do X Simpósio Nacional de Ensino de Física, 374 (1993).

Reid, A. The physics of the data projector. Physics Education 43 (6), 599 (2008).

Robilotta, M. O cinza, o branco e o preto-da relevância da história da ciência no ensino da física. Caderno Brasileiro de Ensino de Física 5 (n. esp.), 7 (1988).

Ruiz, F.; Ruiz, M. Color addition and subtraction apps. The Physics Teacher 53 (7), 423 (2015).

Russell, L. Color mixing with lasers. The Physics Teacher 39 (8), 475 (2001).

Santos, L.; Pereira, C. Composição de cores através da calibração radiométrica e fotométrica de LEDs: teoria e experimento. Revista Brasileira de Ensino de Física 35 (2), 2314/1 (2013).

Saraiva, C. Recycling makes colour clearer. Physics Education 43 (3), 252 (2008).

Silva, A.; Topa, P. A magenta gap in the colour wheel. Physics Education 36 (1), 71 (2001).

Silva, L.; Medeiros Jr, R. As cores da bandeira brasileira em diferentes cenários de iluminação. Caderno Brasileiro de Ensino de Física 34 (2), 603 (2017).

Silva, M. Esclarecendo o significado de “cor” em física. A Física na Escola 8 (1), 25 (2007). Silveira, A.; Santos, K. Abordagens lúdicas no ensino de física enfocando a educação ambiental: relato de uma experiencia no ensino fundamental. A Física na Escola 8 (2), 36 (2007).

Silveira, F.; Saraiva, M. O"encolhimento"das sombras. Caderno Brasileiro de Ensino de Física 25 (2), 228 (2008). Silveira, M. V.; Barthem, R. B. As cores na natureza: uma proposta para o ensino de óptica ondulatória. Revista Brasileira de Ensino de Física 38 (3), e3502 (2016).

Silveira, R. A organização textual do discurso científico da revisão. Tema 16 (1), 99 (1992).

Sun, W.; Wang, J. Demonstration for additive colors by defocus blur. The Physics Teacher 57 (7), 498 (2019).

Taylor, B. The proof of the colour is in the projection. Physics Education 39 (4), 324 (2004).

Theilmann, F.; Grusche, S. An RGB approach to prismatic colours. Physics Education 48 (6), 750 (2013).

Thoms, L.; Colicchia, G.; Girwidz, R. Color reproduction with a smartphone. The Physics Teacher 51 (7), 440 (2013).

Wall, M.; Prado, M.; Carraro, T. La experiencia de realizar una Práctica de Docencia aplicando metodologías activas. Acta Paulista de Enfermagem 21 (3), 515 (2008).

Ward, R. Cyan or not cyan? Physics Education 49 (1), 16 (2014).

Williamson, R. Filters for color mixing. The Physics Teacher 36 (1), 22 (1998).

Woolf, L. Confusing color concepts clarified. The Physics Teacher 37 (4), 204 (1999).

Yurumezoglu, K. An entertaining method of teaching concepts of linear light propagation, reflection and refraction using a simple optical mechanism. Physics Education 44 (2), 129 (2009).

Yurumezoglu, K.; Karabey, B.; Koyunkaya, M. Shadows constructing a relationship between light and color pigments by physical and mathematical perspectives. Physics Education 52 (2), 025008, (2017). Zanetic, J. Física e literatura: uma possível integração no ensino. Cadernos Cedes: Ensino da Ciência, Leitura e Literatura 41, 46 (1997).

Downloads

Publicado

2020-08-26

Como Citar

RIBEIRO, Jair Lúcio Prados. Possibilidades de diálogo intertextual em uma revisão bibliográfica sobre adição de cores. Revista do Professor de Física, [S. l.], v. 4, n. 2, p. 109–129, 2020. DOI: 10.26512/rpf.v4i2.28175. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/rpf/article/view/28175. Acesso em: 23 abr. 2024.