Matriz swot como ferramenta de gestão para melhoria da assistência de enfermagem:

estudo de caso em um hospital de ensino

Autores

  • Luís Paulo Souza e Souza Universidade Estadual de Montes Claros
  • Ana Maria Vitrícia de Souza Universidade Estadual de Montes Claros
  • Kéury Guimarães Pereira Universidade Estadual de Montes Claros
  • Tamara Figueiredo Universidade Estadual de Montes Claros
  • Tereza Cristina Silva Bretas Universidade Estadual de Montes Claros
  • Mirian Alves Faustino Mendes Hospital Universitário Clemente de Faria, Montes Claros, Minas Gerais, Brasil.
  • Jansen Maxwell de Freitas Santana Universidad Americana - Assunção, Paraguai.
  • Écila Campos Mota Faculdades Integradas Pitágoras de Montes Claros
  • Carla Silvana de Oliveira e Silva Universidade Estadual de Montes Claros

Palavras-chave:

Gestão

Resumo

Este trabalho apresenta um estudo de caso de aplicação da Matriz SWOT no planejamento da assistência de enfermagem de uma Clínica Médica do Hospital Universitário Clemente de Faria (HUCF), em Montes Claros – Minas Gerais. Trata-se de estudo qualitativo e descritivo, cuja coleta de dados foi realizada no segundo semestre de 2012, por meio de observações dos processos de trabalho no setor, análise de processos administrativos e exame de rotinas do serviço. Para o diagnóstico do setor, utilizou-se a Matriz SWOT (Strengths, Weaknesses, Opportunities and Threats), pela qual foram analisadas as condições internas e externas. Utilizou-se de um processo interativo para análise das Fortalezas, Oportunidades, Fraquezas e Ameaças, com as seguintes finalidades: analisar e melhor utilizar os pontos fortes; eliminar os pontos fracos; conhecer e usufruir as oportunidades externas e, evitar as ameaças. Após a coleta, definido os pontos e realizado a análise SWOT, traçou-se os planos para melhoria da assistência de enfermagem. Conclui-se que a ferramenta SWOT proporcionou a clínica o conhecimento das fragilidades e potencialidades, a fim de equilibrar e melhorar a qualidade da assistência de enfermagem.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luís Paulo Souza e Souza, Universidade Estadual de Montes Claros

Acadêmico do Curso de Graduação em Enfermagem da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) – Minas Gerais, Brasil.

Ana Maria Vitrícia de Souza, Universidade Estadual de Montes Claros

Acadêmica do Curso de Graduação em Enfermagem da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) – Minas Gerais, Brasil.

Kéury Guimarães Pereira, Universidade Estadual de Montes Claros

Acadêmica do Curso de Graduação em Enfermagem da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) – Minas Gerais, Brasil.

Tamara Figueiredo, Universidade Estadual de Montes Claros

Acadêmica do Curso de Graduação em Enfermagem da Universidade Estadual de Montes Claros (Unimontes) – Minas Gerais, Brasil.

Tereza Cristina Silva Bretas, Universidade Estadual de Montes Claros

Enfermeira, Docente do Departamento de Enfermagem da Unimontes

Mirian Alves Faustino Mendes, Hospital Universitário Clemente de Faria, Montes Claros, Minas Gerais, Brasil.

Enfermeira, Diretora de Enfermagem do Hospital Universitário Clemente de Faria, Montes Claros, Minas Gerais, Brasil.

Jansen Maxwell de Freitas Santana, Universidad Americana - Assunção, Paraguai.

Pedagogo Organizacional, Mestrando em Ciências da Educação pela Universidad Americana - Assunção, Paraguai.

Écila Campos Mota, Faculdades Integradas Pitágoras de Montes Claros

Enfermeira, Docente do Departamento de Enfermagem das Faculdades Integradas Pitágoras de Montes Claros

Carla Silvana de Oliveira e Silva, Universidade Estadual de Montes Claros

Enfermeira, Doutoranda em Ciências pela Universidade Federal de São Paulo. Docente do Departamento de Enfermagem da Unimontes.

Publicado

2017-08-02

Como Citar

1.
Souza e Souza LP, Souza AMV de, Pereira KG, Figueiredo T, Bretas TCS, Mendes MAF, Freitas Santana JM de, Mota Écila C, Oliveira e Silva CS de. Matriz swot como ferramenta de gestão para melhoria da assistência de enfermagem:: estudo de caso em um hospital de ensino. Rev. G&S [Internet]. 2º de agosto de 2017 [citado 6º de março de 2021];4(1):1633-4. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/rgs/article/view/207

Edição

Seção

Estudos de Caso

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##