Terapeutas Populares ou Tradicionais e o cuidado com as pessoas e o Cerrado: ações de extensão

Autores

  • Sílvia Maria Ferreira Guimarães Universidade de Brasília/Professora associada https://orcid.org/0000-0002-2097-2355
  • Clarice Maués Universidade de Brasília/Graduanda
  • Clara Fonseca Universidade de Brasília/Mestranda
  • Julia Fonseca Universidade de Brasília/graduanda
  • Welitânia Rocha Universidade de Brasília/Doutoranda
  • Sirlene Passold Universidade de Brasília/Doutoranda
  • Rosiene Santos Universidade de Brasília/Doutoranda

Palavras-chave:

extensão, conhecimentos tradicionais

Resumo

A partir de uma aproximação com as comunidades da região da Chapada dos Veadeiros, esta ação de extensão pretende mapear e compreender os ofícios desenvolvidos pelos terapeutas populares ou tradicionais, buscando identificar suas práticas de cuidado que relacionam pessoas e o Cerrado; divulgar a importância desses ofícios em garantir uma vida plena nas comunidades; aprofundar o diálogo com a universidade com a possibilidade de fomentar diálogos inter-epistêmicos. Está baseado metodologicamente em rodas de conversas e ações voltadas para o fortalecimento dos conhecimentos tradicionais nas comunidades, tendo como base a construção conjunta de ações com a comunidade (mapeamento, acervo fotográfico, trocas de sementes e mudas).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ANJOS, Thalita Gomes dos. 2013. A benção terapêutica: vivência de um campo relacional. Trabalho de Conclusão de Curso, Graduação em Saúde Coletiva, Universidade de Brasília.

ATTUCH, Iara M. Conhecimentos tradicionais do Cerrado: sobre a memória de Dona Flor, raizeira e parteira. Dissertação (mestrado em Antropologia Social). Departamento de Antropologia, Universidade de Brasília. Brasília. 2006.

CAMPOS, Tamara Correira Alves. 2013. Conhecimento Popular de Dona Flor, raizeira e parteira: efetivando a perspectiva integralizadora do cuidado ao sujeito. Trabalho de Conclusão de Curso. Graduação em Saúde Coletiva, Universidade de Brasília.

CARDOSO, Ítala Lopes. 2013. O Saber-Fazer de parteiras populares no entorno do DF. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. Graduação em Saúde Coletiva, Universidade de Brasília.

CARDOSO, I. 2017. Entre narrativas biográficas: a vida de diaristas no trabalho doméstico. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação. em Ciências e Tecnologias em Saúde) - Universidade de Brasília.

CARNEIRO DA CUNHA, M. 2009. “Relações e dissensões entre saberes tradicionais e saber científico”. In: Cultura com aspas e outros ensaios. SP: Cosac & Naify.

GUIMARÃES, S.; ROSA, J. C. S. ; VASCONCELOS, J. P. R. ; ANDRADE, F. R. . Por entre sociabilidades diversas: experiências de um projeto de extensão na saúde indígena. ParticipAção, v. 27, p. 27-35, 2015.

GUIMARÃES, S. Olhares diversos sobre pessoas e corporalidades: os saberes e as práticas de terapeutas populares na região do DF e do entorno. In: SILVA, C & GUIMARÃES, S. Antropologia e Saúde: diálogos indisciplinados. Juiz de Fora: Editora UFJF. 2017.

HAMPATÉ BÂ, Amadou. 2010. “A tradição viva”. In KI-ZERBO, Joseph (ed.). História Geral da África, I: metodologia e pré-história da África. Brasília: UNESCO. pp. 167-212.

IBÁNEZ- NOVIÓN, M. Os profissionais de saúde de formação tradicional no norte de Minas Gerais. In: FLEISCHER, S. SAUTCHUK, C. Anatomias Populares: a antropologia médica de Martín Alberto Ibanéz-Novión. Brasília, Ed. UnB, 2012.

LANGDON, Jean. 1994. “Representações de Doença e Itinerário Terapêutico dos Siona da Amazônia Colombiana”. In: SANTOS, Ricardo V.; COIMBRA JR.,Carlos E. A. (orgs.). Saúde e povos indígenas. Rio de Janeiro: Fiocruz.

LANGDON, E. J.; WIIK, F. B.. Anthropology, health and illness: an introduction to the concept of culture applied to the health sciences. Revista Latino-Americana de Enfermagem, v. 18, n. 3, p. 459–466, maio 2010.

LOYOLA, M. A. 1978. “Medicina Popular”. In GUIMARÃES, R. (Org.). Saúde e medicina no Brasil. Rio de Janeiro: GRAAL, 1978, pp. 225-250.

MARECO, T. 2014. Acionando a terapia popular no círculo familiar na região de Ceilândia e Taguatinga (DF). Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Saúde Coletiva) - Universidade de Brasília.

MARECO, T. 2017. Gênero e cuidado no ambiente familiar. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Ciências e Tecnologias em Saúde) – Universidade de Brasília.

MÁXIMO, M. Por entre espaços e temporalidades: corpo, memória e história de vida de uma benzedeira, Monografia de graduação do curso de Saúde Coletiva, UnB, Brasília, 2013.

MILITÃO, Lorenna. 2013. O ato de partejar compondo uma história de vida. Trabalho de Conclusão de Curso. Graduação em Saúde Coletiva, Universidadede Brasília.

NASCIMENTO, M. A.; SILVA, C. Rodas de conversas e oficinas temáticas: experiências metodológicas de ensino-aprendizagem em geografia. In: 10º Encontro Nacional de Prática de Ensino em Geografia, Porto Alegre, ago. – set., 2009.

PEREIRA, Luiz Nonato de Santana. O ofício de raizeira: As construções sociais a partir das práticas tradicionais de saúde. Monografia de Antropologia – Instituto de Ciências Sociais Departamento de Antropologia, Universidade de Brasília. Brasília, São Paulo, p. 55, 2020.

SARAIVA, Regina Coelly F. Tradição e sustentabilidade: um estudo dos saberes tradicionais do cerrado na Chapada dos Veadeiros, Vila São Jorge-GO. Tese de Doutorado. Centro de Desenvolvimento Sustentável – CDS/UnB, Brasília, 2006

VASCONCELOS, J. P. 2016. A Saúde de Catadores/catadoras de materiais recicláveis. Dissertação de Mestrado, Programa de Pós-Graduação em Ciências eTecnologias de Saúde, FCEUnB.

Downloads

Publicado

2023-12-29

Como Citar

GUIMARÃES, Sílvia Maria Ferreira; MAUÉS, Clarice; FONSECA, Clara; FONSECA, Julia; ROCHA, Welitânia; PASSOLD, Sirlene; SANTOS, Rosiene. Terapeutas Populares ou Tradicionais e o cuidado com as pessoas e o Cerrado: ações de extensão. Participação, [S. l.], v. 1, n. 40, p. 146–158, 2023. Disponível em: https://periodicos.unb.br/index.php/participacao/article/view/51286. Acesso em: 25 abr. 2024.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.