Avaliação da Eficiência Energética do Tribunal de Contas do Paraná, sediado em Curitiba

Autores

DOI:

https://doi.org/10.18830/issn.1679-0944.n28.2020.06

Palavras-chave:

Sistemas de sombreamento de fachadas; RTQ-C; eficiência energética; sistemas de iluminação; sustentabilidade

Resumo

A procura por maior eficiência energética no uso da eletricidade trouxe inúmeras iniciativas louváveis, no Brasil sob responsabilidade maior do Procel, com campanhas de conscientização dos usuários, pela etiquetagem de aparelhos eletrodomésticos até o panorama atual de certificação de edificações. O presente estudo tem como objetivo principal avaliar o nível de eficiência energética por meio dos Requisitos Técnicos da Qualidade do Nível de Eficiência Energética para Edifícios Comerciais, de Serviços e Públicos (RTQ-C/Procel) do Tribunal de Contas (TC), parte do patrimônio histórico do Estado do Paraná, localizado no Centro Cívico de Curitiba. TC é composto de dois edifícios construídos e um terceiro edifício em projeto: o Edifício Sede, o Edifício Anexo e a Ampliação do Edifício Anexo. No Edifício Sede, foram analisados indicadores de possível economia energética resultante da melhoria dos sistemas de iluminação (natural e artificial). Na ampliação do Edifício Anexo, avaliou-se a aplicabilidade do sistema de sombreamento de fachadas denominado tela tensionada. Comprovou-se que os edifícios existentes apresentam grande potencial de economia energética em sistemas de iluminação e que, ao se aprimorarem os dispositivos de sombreamento da fachada no projeto de ampliação do Edifício Anexo, podem ser alcançados maiores níveis de eficiência energética no quesito envoltória.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jeanne Moro, Programa de Pós Graduação em Engenharia Civil(PPGEC)/ Departamento Acadêmico de Construção Civil (DACOC)/ Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)

Arquiteta e Urbanista (PUC/PR), Doutora em Engenharia Civil pela UTFPR

Pablo Cesar Bassani Correa

Arquiteto e Urbanista - Universidade Tuiuti do Paraná, UTP, Curitiba/PR. Especialista em Construções Sustentáveis - Universidade Tecnológica Federal do Paraná, UTFPR, Curitiba/PR.

Eduardo Krüger, Programa de Pós-Graduação em Engenharia Civil (PPGEC) / Programa de Pós-Graduação em Sustentabilidade Ambiental Urbana (PPGSAU) /Departamento Acadêmico de Construção Civil (DACOC) /Universidade Tecnológica Federal do Paraná (UTFPR)

Engenheiro Civil (UCP-RJ), Mestre em Planejamento Energético (COPPE/UFRJ), Doutor em Arquitetura (Leibniz Universität Hannover, Alemanha

Referências

ABNT. Iluminação de ambientes de trabalho ”“ Parte 1I”“NBR ISO/CIE 8995-1:2013 Rio de Janeiro. 2013.

ABNT. Desempenho Térmico de Edificações ”“ NBR 15220. Rio de Janeiro. 1992.

ASHRAE/IES. Energy efficient design of new buildings except

low-rise residential buildings. ASHRAE/IES 90.1-1989. Illuminating

Engineering Society of North America and American Society of Heating,

Refrigeration and Air-Conditioning Engineers, Inc. Atlanta, The United

States of America, 1989.

BRASIL. Eletrobrás ”“ Procel ”“ Disponível em: http://www.eletrobras.com. 2010. Acessado em: Fevereiro/2012.

BRASIL. Empresa de Pesquisa Energética (EPE)/Ministério Minas e Energia - Balanço Energético Nacional - BEN 2012: Ano base 2011. Rio de Janeiro, 2011. Disponível em https://ben.epe.gov.br/. Acessado em: abril/2013.

BRASIL. Empresa de Pesquisa Energética (EPE)/Ministério Minas e Energia - Balanço Energético Nacional - BEN 2012: Ano base 2012. Rio de Janeiro, 2012. Disponível em https://ben.epe.gov.br/. Acessado em: abril/2014.

BRASIL Anexo da Portaria n. 372/2010 ”“ Requisitos Técnicos da Qualidade para o Nível de Eficiência Energética de Edifícios Comerciais, de Serviços e Públicos. Rio de Janeiro. 2013a.

BRASIL ”“ Procel Info ”“ Centro Brasileiro de Informação de Eficiência Energética. Etiquetagem em Edifícios. (2013b). Disponível em: http://www.procelinfo.com.br/ Acessado em: Novembro/2013.

CARLO, J.C.; LAMBERTS, R. Parâmetros e métodos adotados no regulamento de etiquetagem da eficiência energética de edifícios ”“ parte 1: método prescritivo. Ambiente Construído, Porto Alegre, v. 10, n. 2, p. 7-26, abr./jun. 2010.

FONSECA, I. C. L. da; ALMEIDA, C. C. da R. de; LOMARDO, L. L. B.; MELLO, E. N. Avaliações de conforto ambiental e eficiência energética do projeto do prédio do Centro de Informações do Cresesb, no Rio de Janeiro. Ambiente Construído, Porto Alegre, v. 10, n. 2, p. 41-58, abr./jun. 2010.

FOSSATI, M.; LAMBERTS, R.. Eficiência Energética da Envoltória de Edifícios de Escritórios de Florianópolis: discussões sobre a aplicação do método prescritivo do RTQ-C. Ambiente Construído, Porto Alegre, v. 10, n. 2, p. 59-69, abr./jun. 2010.

GELLER, H. S. Revolução Energética: Políticas para um futuro sustentável. Rio de Janeiro: Relume Dumará: USAid, 2003.

KRÜGER, E.L.; MORI, F. Analise da eficiência energética da envoltória de um projeto padrão de uma agencia bancaria em diferentes zonas bioclimáticas brasileiras. Ambiente Construído, Porto Alegre, v. 12, n. 3, p. 89-106, jul./set. 2012.

LAMBERTS, R.; DUTRA, L.; PEREIRA, F. O. R. Eficiência Energética na Arquitetura. PW Editores. São Paulo. 1997.

SILVA, C. J.; SOUZA, J. A.; CANTARINO, M.; MARTINS, C.C.;MACEDO, L.M.; SILVEIRA, M.T.M.; Código Legislativo da Eficiência Energética nos prédio públicos federais. Eletrobrás e Procel EPP ”“ Rio de Janeiro ”“ 2008.

TRIBUNAL DE CONTAS DO PARANÁ. Acervo técnico. Janeiro/2012.

Downloads

Publicado

05-09-2020

Como Citar

Moro, J. ., Bassani Correa, P. C. ., & Krüger, E. . (2020). Avaliação da Eficiência Energética do Tribunal de Contas do Paraná, sediado em Curitiba. Paranoá, 13(28). https://doi.org/10.18830/issn.1679-0944.n28.2020.06

Edição

Seção

Tecnologia, Ambiente e Sustentabilidade

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.