INVESTIGAÇÃO SOBRE AS RELAÇÕES FAMILIARES DE IDOSOS COM IDEAÇÃO SUICIDA E TENTATIVA DE SUICÍDIO

  • Patrícia Rafaele dos Reis Alburquerque
  • Ana Célia Sousa Cavalcante
  • Liliane Leite Moreira
  • Maria Helena Chaib Stegun
  • Ismael Mendes da Silva
  • Claudia Aline de Brito Oliveira
  • Patrícia Carvalho Moreira
  • Brunna Verna Castro Gondinho https://orcid.org/0000-0002-1061-4407
Palavras-chave: Ideação Suicida. Idoso. Relações Familiares. Tentativa de Suicídio.

Resumo

Os fatores de risco para o suicídio em pessoas idosas são, principalmente, relacionados a morte de entes queridos, doenças e relações familiares. Assim, este artigo analisa as relações familiares de idosos com ideação e tentativas suicidas. Realizado na cidade de Teresina-PI, visto que se encontra entre os dez municípios nacionais com maior índice de ocorrência de suicídio entre idosos. Verificou-se que os idosos pesquisados vivenciam conflitos nas relações familiares, sentem-se desprezados, abandonados e rejeitados pelos familiares, motivos pelos quais se culpam; convivem em meio familiar, mas de modo isolado, vivem isolados socialmente e em sofrimento psíquico, com transtornos mentais, que favorecem a ideação suicida. Assim, os idosos pesquisados buscam a religiosidade como formas de enfrentamento e de dar sentido à vida.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Patrícia Rafaele dos Reis Alburquerque

Psicóloga. Especialista em Saúde Mental e Atenção Psicossocial - FSF/CENSUPEG

Ana Célia Sousa Cavalcante

Mestra em Saúde Coletiva - UNIFOR. Professora do Curso de Psicologia da FACID/DEVRY, Teresina-PI.

Liliane Leite Moreira

Mestra em Ciências e Saúde - UFPI. Profª do Curso de Psicologia da FACID/DEVRY, Teresina-PI.

Maria Helena Chaib Stegun

Especialista em Saúde Pública - Universidade de Ribeirão Preto. Profª do Curso de Psicologia da FACID/DEVRY.

Claudia Aline de Brito Oliveira

Graduada em Psicologia (FACID), Especialista em Tanatologia(FATENE), Saúde Coletiva (FOP/UNICAMP) e em Docência do Ensino Superior (UESPI)

Patrícia Carvalho Moreira

Graduada em Psicologia (UESPI), Especialista em Tanatologia (FATENE), Mestre em Antropologia (UFPI). Membro Pesquisador do Laboratório de Tanatologia e Psiquiatria em outras condições Médicas (UFRJ) e Professora do Centro de Ciências da Saúde (UESPI).

Brunna Verna Castro Gondinho
Graduada em Odontologia (UFPI), Mestre em Odontologia em Saúde Coletiva (FOP/UNICAMP) e Doutoranda em Odontologia – Área: Saúde Coletiva (FOP/UNICAMP).  

Referências

Organização Mundial de Saúde. Transtornos Mentais e Comportamentais. Departamento de Saúde Mental. Prevenção do suicídio: Um Manual para profissional da saúde em Atenção Primária. Genebra; 2000.

World Health Organization. World report on violence and health. Geneva; 2002.

Minayo MCS, Figueiredo AEB, Mangas RM. Estudo sobre tentativas de suicídio em idosos sob a perspectiva da saúde pública (Projeto de Pesquisa). Rio de Janeiro (RJ): Fiocruz; 2013

Minayo MCS, Cavalcante FG, Mangas RM, Souza JRA. Motivos associados ao suicídio de pessoas idosas em autópsias psicológicas. Trivium. 2011 1: 109-117.

Minayo MCS, Figueiredo AEB, Silva RM. (Organizadoras). Comportamento Suicida de Idosos. Fortaleza: Edições UFC, 2016. 437p.

Françoso FG. A Ressocialização do Idoso a partir da Comunicação através da Atividade Física. São Paulo: Conferência Brasileira de Comunicação e Sáude. Acesso em: 03 de Outubro de 2013. Disponível em: http://www.projetoradix.com.br/arq_artigo/X_08.pdf

Rocha SMC. O idoso e os contextos familiares da contemporaneidade brasileira: aspectos sócio jurídicos. In: XXI Encontro Nacional do CONPEDI; 2012; Uberlândia. Florianópolis: Fundação Boiteux; 2012. 2328-2358

Herédia VB, Cortelletti IS, Casara MB. Abandono na velhice. Rio de Janeiro. Acesso em 22 de novembro de 2013. Disponível em: http://www.unati.uerj.br/tse/scielo.php?script=sci_arttext&pid=S151759282005000300002&Ing=pt&nrm=iso.

Minayo MCS, Cavalcante FG. Tentativas de suicídio entre pessoas idosas: revisão da literatura. Ciênc. Saúde Coletiva. 2015; 20: 1751-1762

Papalia M, Olds SW. Desenvolvimento Humano.7º ed. Porto Alegre: Artmed; 2000

Robbins J. Sobre alteridade e o sagrado em uma época de globalização: o “trans” em “transnacional” é o mesmo “trans” de “transcendente”? Mana. 2008; 14 (1): 119-139

Meleiro AMAS, Teng CT, Wang YP. Suicídio: Estudos Fundamentais. Segmento Farma. 2004; 1: 13-36.

World Health Organization. Preventing suicide: a resource for general physicians. Department of Mental Health, Geneva: World Health Organization; 2000.

Brasil. Ministério da Saúde. Estratégia Nacional de Prevenção do Suicídio. Prevenção do Suicídio: Manual dirigido a profissionais das equipes de saúde mental. Brasília (DF): Ministério da Saúde; 2006.

Oliveria EN, Félix TA, Mendonça CBL et. Al. Tentativa de suicídio por intoxicação exógena: contexto de notificações compulsórias. Revista Eletrônica Gestão & Saúde. Vol.06, N°. 03, Ano 2015 p. 2497-11.

Publicado
2019-02-28
Como Citar
Alburquerque, P. R., Cavalcante, A. C., Moreira, L., Stegun, M. H., Silva, I., Oliveira, C. A., Moreira, P., & Gondinho, B. (2019). INVESTIGAÇÃO SOBRE AS RELAÇÕES FAMILIARES DE IDOSOS COM IDEAÇÃO SUICIDA E TENTATIVA DE SUICÍDIO. Revista Eletronica Gestão & Saúde, 02 - 18. https://doi.org/10.26512/gs.v0i0.23316
Seção
Artigos de Pesquisa

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##