JUVENTUDES INDÍGENAS URBANAS Direitos e cidadanias contemporâneas na América Latina

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Jahel López Guerrero
Luis Fernando García Álvarez

Resumo

O presente dossiê é composto por sete artigos que contêm dados etnográficos, reflexões e análises sobre juventudes indígenas urbanas, em relação ao reconhecimento e ao exercício de direitos, no contexto da construção da cidadania no final da segunda década do século XXI, momento em que os jovens indígenas se autodefinem e são reconhecidos por seus próprios grupos culturais, a academia e as instituições como um sujeito histórico e social, que em diferentes estruturas sociais e instrumentos normativos é considerado como um sujeito de direito que está lutando para ser plenamente aderido à comunidade política da cidade, a partir de diferentes posições, formas de participação e graus de consciência política. De sorte que os artigos enfocam uma ampla geografia para abordar as condições de ser mulher, homem, migrante, migrante em retorno, estudante, trabalhador, entre outras categorias, e residir em uma cidade, fronteiriça, de médio porte ou metrópole, o que permite demonstrar a multiplicidade de vivências que são registradas desde diferentes marcos explicativos e abordagens metodológicas para reconstruir e mostrar a complexidade do que poderíamos denominar como a experiência da juventude indígena urbana na América Latina. Por outro lado, destacamos as contribuições da entrevista com a Drª Laura Valladares de la Cruz, cujas reflexões são fundamentais para entender a complexidade atual que envolve a concentração de estudos sobre os temas e as linhas de pesquisa aqui apresentados, bem como, a crescente necessidade de produzir abordagens e perspectivas teóricas e metodológicas pertinentes e inovadoras para a abordagem de um sujeito social juvenil em constante construção e que assume um protagonismo crescente na atual dinâmica de mudança social, econômica, política e cultural. Finalmente, propomos uma sobre o texto: Juventude Indígena. “Estudos Interdisciplinares interculturais relacionados ao Brasil e México”, destaca as principais contribuições desta obra que reúne trabalhos que foram apresentados em eventos acadêmicos entre 2015 e 2016.


 


Palavras-chave: jovens indígenas urbanos, direitos contemporâneos e cidadanias, América Latina.

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
López Guerrero, Jahel, e Luis Fernando García Álvarez. 2019. JUVENTUDES INDÍGENAS URBANAS. Abya-Yala: Revista Sobre Acesso à Justiça E Direitos Nas Américas 3 (1), 04 a 12. https://doi.org/10.26512/abya-yala.v3i1.26164.
Seção
Dossiê
Biografia do Autor

Jahel López Guerrero, Universidad Autónoma de México

Doctora en Antropología Social

Luis Fernando García Álvarez, Instituto Nacional de Antropología

Doctor en Antropología Social

Referências

López Guerrero, Jahel, e Luis Fernando García Álvarez. 2019. JUVENTUDES INDÍGENAS URBANAS. Abya-Yala: Revista Sobre Acesso à Justiça E Direitos Nas Américas 3 (1), 04 a 12. https://doi.org/10.26512/abya-yala.v3i1.26164.