DA CONTINGÊNCIA HISTÓRICA À FELICIDADE ETERNA (EVIG SALIGHED): O PROBLEMA DE MIGALHAS FILOSÓFICAS ANALISADO A PARTIR DE LESSING E PAUL TILLICH

Autores

  • Jonas Roos UNIVERSIDADE FEDERAL DE JUIZ DE FORA

Palavras-chave:

Lessing; Kierkegaard; Tillich; saber histórico; felicidade eterna; preocupação última; fé

Resumo

O texto esclarece inicialmente a relação entre verdades
contingentes da história e verdades necessárias da razão, como
expressa por Lessing em seu texto Sobre a demonstração do
Espírito e da força. Tal relação se mostra crucial para a elaboração
do problema enfrentado pelo pseudônimo kierkegaardiano
Johannes Climacus em Migalhas filosóficas, sob, entre outros, os
termos saber histórico e felicidade eterna. Com vistas a aprofundar
o entendimento desta relação e, mais especificamente, a noção de
felicidade eterna (evig Salighed), será desenvolvida, em diálogo
com Kierkegaard, a ideia de preocupação última a partir de Paul
Tillich, bem como a análise do conceito de fé aí implicado. Na
conclusão será mostrado que, visto a partir do desenvolvimento
proposto, o conceito de felicidade eterna, bem como as
determinações e desdobramentos nele envolvidas, pode ter um
alcance mais amplo do que eventualmente percebido à primeira
vista.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Referências

A BÍBLIA DE JERUSALÉM (1993). Trad. do texto em língua portuguesa diretamente dos originais. Direção editorial: Tiago Giraudo; Coordenação editorial: José Bortolini. Nova edição,

revista. 6ª reimpressão. São Paulo: Edições Paulinas.

BIBLIA, det er: den ganske Hellige Skrifts Bøger (1830). 18a. reimpressão. København.

EVANS, C. Stephen (1992) Passionate Reason: making sense of Kierkegaard’s Philosophical Fragments. Bloomington & Indianapolis: Indiana University Press.

EVANS, C. Stephen (1989). Is Kierkegaard an Irrationalist? Reason, Paradox, and Faith. Religious Studies, vol. 25, n. 3. p. 347-362.

KIERKEGAARD, Søren (2019). O Instante: como Cristo julga a respeito do cristianismo oficial & Imutabilidade de Deus – Um Discurso. Trad. de A. L. M. Valls, M. G. de Paula. São Paulo: Liber Ars.

KIERKEGAARD, Søren (2013a). Pós-escrito às Migalhas Filosóficas, vol. I. Trad. de A. L. M. Valls e M. M. de Almeida. Petrópolis: Vozes; São Paulo: Ed. Universitária São Francisco.

KIERKEGAARD, Søren (2013b). Ou-ou: um fragmento de vida – primeira parte. Trad. do dinamarquês, introdução e notas de Elisabete M. de Sousa. Lisboa: Relógio d’Água Editores.

KIERKEGAARD, Søren (2010). O Conceito de Angústia: uma simples reflexão psicológicodemonstrativa direcionada ao problema dogmático do pecado hereditário. Trad. e Posfácio de Álvaro L. M. Valls. Petrópolis: Vozes; São Paulo: Editora Universitária São Francisco.

KIERKEGAARD, Søren (2009). Temor e Tremor. Trad., int. e notas de Elisabete M. de Sousa. Lisboa: Relógio D’Água Editores.

KIERKEGAARD, Søren (2006). Lilien paa Marken og Fuglen under Himlen; Tvende ethiskreligieuse Smaa-Afhandlinger; Sygdommen til Døden; “Ypperstepræsten”; “Tolderen”; “Synderinden”. Ed. pelo Søren Kierkegaard Forskningscenteret. København: Gads Forlag.

KIERKEGAARD, Søren (1997). Gjentagelsen – Frygt og Bæven – Philosophiske Smuler – Begrebest Angest – Forord. Ed. pelo Søren Kierkegaard Forskningscenteret. København: Gads Forlag.

KIERKEGAARD, Søren (1995). Migalhas Filosóficas: ou um bocadinho de filosofia de João Clímacus. Trad. de Ernani Reichmann e Alvaro L. M. Valls. Petrópolis, RJ: Vozes.

LESSING, G. E. (2005). Philosophical and Theological Writings. Ed. e trad. de H. B. Nisbet. Cambridge: Cambridge University Press.

ROOS, Jonas (2021). “Religião, fé e preocupação última a partir de Paul Tillich” in Pensar a Religião: temas e conceitos filosóficos contemporâneos, por ROOS, Jonas; PIEPER, Frederico. (Orgs.). São Paulo: Liber Ars: 21-39.

ROOS, Jonas (2018). “Conteúdo e forma: Kierkegaard e Tillich em Diálogo” in Paul Tillich e a linguagem da religião, por TADA, Elton Sadao; SOUZA, Vitor Chaves. (Orgs.). Santo André: Kapenke: 303-323.

ROOS, Jonas (2015). “Religião, Linguagem e Existência: proposta de uma articulação” in A Polissemia do Sagrado: os desafios da pesquisa sobre religião no Brasil, por SILVEIRA, Émerson José Sena da; COSTA, Waldney de Souza Rodrigues. (Orgs.). São Paulo: Fonte Editorial: 55-70.

TILLICH, Paul (2005). Teologia Sistemática. 5 ed. revista. Trad. de Getúlio Bertelli e Geraldo Korndörfer. Revisão de Enio Mueller. São Leopoldo: Sinodal.

TILLICH, Paul (1996). Dinâmica da Fé. Trad. de Walter O. Schlupp. São Leopoldo: Sinodal.

TILLICH, Paul (1965). Tillich in Dialogue. Ed. por BROWN, Mackenzie. New York: Harper Colophon Books.

Na internet: https://ordnet.dk/ods. Acesso em 12 de junho de 2021.

Downloads

Publicado

2022-06-02

Como Citar

Roos, J. . (2022). DA CONTINGÊNCIA HISTÓRICA À FELICIDADE ETERNA (EVIG SALIGHED): O PROBLEMA DE MIGALHAS FILOSÓFICAS ANALISADO A PARTIR DE LESSING E PAUL TILLICH. Revista Brasileira De Filosofia Da Religião, 8(1), 136–157. Recuperado de https://periodicos.unb.br/index.php/rbfr/article/view/43466

Edição

Seção

Dossiê Kierkegaard e a Filosofia da Religião