Parques do Brasil: a concepção de uma série de documentários de história natural e a promoção da conservação da biodiversidade e das unidades de conservação brasileiras

Autores

  • Carlos Sanches
  • Luciana Alvarenga

DOI:

https://doi.org/10.26512/museologia.v8i15.24677

Palavras-chave:

História Natural. Biodiversidade. Cinema. Unidades de Conservação. Patrimônio Natural.

Resumo

Revisitando o processo de criação da série de TV Parques do Brasil parte da equipe que concebeu o projeto analisa os objetivos, as justificativas e as escolhas que definiram o formato e a estética da produção e, ao mesmo tempo, a situam dentro do contexto histórico dos filmes de história natural, da conservação da biodiversidade e do patrimônio natural, e, do estabelecimento de unidades de conservação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ADORNO, T. W. The idea of natural history. Stanford: Telos Press Plubishing, 1984.

ALIATA, F. e SILVESTRI, G. A Paisagem como cifra de harmonia: relações entre cultura e natureza através do olhar paisagístico. Curitiba: Editora UFPR, 2008.

ALVARENGA, L. e SANCHES, C. Produção de TV e web busca popularizar o conhecimento sobre a biodiversidade. In QUIRINO, C. (org.) Boas práticas na gestão de unidades de conservação. Brasília: ICMBio, 2018.

ART & HUMANITIES RESEARCH COUNCIL. Turning the Lens of the BBC's Natural History Unit. Disponível em: <https://ahrc.ukri.org/newsevents/news/turning-the-lens-of-the-bbc-s-natural-history-unit/> Acesso em: 25 de Novem-bro de 2018.

ATTENBOROUGH, D. Naturaleza asombrosa en el arte: el arte en la historia na-tural de la era del descubrimiento. Tradução: Seven Servicios integrales. Madrid: Edimat Libros, 2017.

AUSTIN, T. Watching the world: screen documentary and audiences. New York: Manchester University Press, 2007.

BBC. Natural History on the BBC. Disponível em: <http://www.bbc.co.uk/pres-soffice/pressreleases/stories/2011/07_july/08/nhu.shtml > Acesso em: 25 de Novembro de 2018.

BERALDO, T. do V. S. e SIMÕES, H.B. Contribuição do turismo em unidades de conservação federais para a economia brasileira: efeitos dos gastos dos visitantes em 2017. Brasília: ICMBio, 2018.

BLUM, A. Picturing Nature: American Nineteenth-Century Zoological Illustration.Chichester: Princetown University Press, 1993.

BOUSÉ, D. Wildlife films. Philadelphia: University of Pennsylvannia Press, 2000.

BURNS, R. W. Television: an international history of the formative years. Londres: IET, 1998.

CHRIS, C. Watching Wildlife. Minneapolis MN: University of Minnesota Press, 2006.COUSINS, M. História do Cinema. Tradução Cecília Camargo Bartalotti. São Pau-lo: Martins Fontes, 2013.

DA-RIN, S. Espelho partido: tradição e transformação do documentário. Rio de Janeiro: Azougue Editorial, 2004.

DAVIES, G. Networks of nature: stories of natural history film-making from the BBC. Londres: University College London, 1998.

FRANCO, J. L. de A. e DRUMMOND, J. A. Proteção à natureza e identidade nacional no Brasil, anos 1920-1940. Rio de Janeiro: Editora Fiocruz, 2009.

GOUYON, J. You Can’t Make a Film about Mice just by Going out into a Meadow and Looking at Mice: Staging as Knowledge Production in Natural History Film--Making. In Staging Science: Scientific Performances on Street, Stage, and Screen. London UK : Palgrave Macmillan, 2016.

HAUSER, A. História social da arte e da literatura. São Paulo: Martins Fontes, 2003.

ICMBio. Estatísticas – Cadastro e solicitação. Disponível em: http://www.icmbio.gov.br/sisbio/estatisticas.html Acesso em: nov. 2018.

IVAKHIV, A. J. Ecologies of the Moving Image: Cinema, Affect, Nature. Waterloo ON: Wilfred Laurier University Press, 2013.

JANSON, H.W. História geral da arte: O mundo moderno. São Paulo: Martins Fontes, 2007.

LOUSON, E. Taking spectacle seriously: wildlife film and the legacy of natural history display. Science in Context. Cambridge UK: Cambridge University Press, 2018.

MABEY, R. Nature Cure. London UK: Chatto & Windus, 2005.

MACDONALD, S. Up close and political: three short ruminations on ideology in the nature film. Film Quarterly, 2006. METZ, C. A significação no cinema. São Paulo: Perspectiva 2004.

MILLS, B. The animals went in two by two: heteronormativity in television wil-dlife documentaries. European Journal of Cultural Studies. Newbury Park: Sage Publishing, vol. 16, fascículo 1, p. 100-114, 2013.

MITMAN, G. Reel Nature: America’s romance with wildlife on film. Seattle: Uni-versity of Washington Press, 2009.

NICHOLS, B. Introduction to documentary. Bloomington: Indiana University Press, 2001.OWENS, S. Gran diligencia, gracia y espíritu. In: Naturaleza asombrosa en el arte: el arte en la historia natural de la era del descubrimiento. Tradução: Seven Servicios integrales. Madrid: Edimat Libros, 2017.

PALMER, C. Shooting in the wild: an insider’s account of making movies in the animal kingdom. San Francisco: Sierra Club Books, 2010.

RAMOS, F. P. Mas afinal...O que é mesmo documentário? São Paulo: Editora Senac São Paulo, 2008.

RICE, T. Voyages of discovery: three centuries of natural history exploration. New York: Clarkson N. Potter, 1999.

RICOTTA, L. Natureza, ciência e estética em Alexander von Humboldt. Rio de Janeiro: MAUAD, 2003.

SANDRONI, P. (org.). Novíssimo dicionário de economia. São Paulo: Editora Best Seller, 1999.

SCOTT, K. D. Popularizing science and nature programming: the role of ‘spectacle’ in contemporary wildlife documentary. Journal of Popular Film and Television, vol. 31, fascículo 1, p. 29-35, 2010.

SCREENONLINE. Cuckoo's Secret, The (1922). Disponível em: < http://www.screenonline.org.uk/film/id/1354742/index.html > Acesso em: 25 de Novembro de 2018.

SINGH, P. Narrative in wildlife films: how it shapes our understanding of the natural world and influences conservation choices. Montana: Montana State Uni-versity, 2005.

STAFFORD, B. Good looking: essays on the virtue of images. Cambridge: MIT Press, 1996.

TV BRASIL. Expedições. Disponível em: <http://tvbrasil.ebc.com.br/expedicoes> Acesso em: 25 de Novembro de 2018a.TV BRASIL. Parques do Brasil. Disponível em: <http://tvbrasil.ebc.com.br/parques--do-brasil/2018/05/conheca-serie-parques-do-brasil> Acesso em: 25 de Novem-bro de 2018b.

TV CULTURA. Repórter Eco. Disponível em: <http://tvcultura.com.br/progra-mas/reportereco/> Acesso em: 25 de Novembro de 2018.

UNESCO. Patrimônio Natural no Brasil. Disponível em: <http://www.unesco.org/new/pt/brasilia/natural-sciences/environment/natural-heritage/> Acesso em: 25 de Novembro de 2018.

WILLIAMS, R. Ideas of Nature. In: Problems in Materialism and Culture London: Verso, 1980.

WILD FILMHISTORY. Secrets of Nature: The Cuckoo's Secret (1922). Disponível em: <http://www.wildfilmhistory.org/film/296/The+Cuckoo%27s+Secret.html> Acesso em: 25 de Novembro de 2018.

WULF, A. A invenção da natureza: a vida e as descobertas de Alexander von Hum-boldt. Tradução Renato Marques. Edição, 1ª. São Paulo: Planeta, 2016.

Publicado

2019-05-14

Como Citar

Sanches, C., & Alvarenga, L. (2019). Parques do Brasil: a concepção de uma série de documentários de história natural e a promoção da conservação da biodiversidade e das unidades de conservação brasileiras. Museologia & Interdisciplinaridade, 8(15), 193-212. https://doi.org/10.26512/museologia.v8i15.24677

Edição

Seção

Dossiê Cinema, Museu e Patrimônio