A antropologia britânica nas edições brasileiras

Autores

  • Júlio César Melatti

Palavras-chave:

Antropologia, Crítica, Teoria Geral

Resumo

Faz alguns anos, encarreguei-me de ministrar em certo semestre uma disciplina em nível de graduação que consistia na leitura e discussão de algumas monografias antropológicas modelares. Incluí na bibliografia The Andaman Islanders, de Radcliffe-Brown, Argonauts of the Western Pacific, de Malinowski, Naven, de Bateson e Political Systems of Highland Burma, de Leach. Os alunos tiveram de ler todos os livros em inglês (com exceção daqueles que tenham preferido e conseguido a tradução do Naven para o francês) e nisso dispenderam tanto tempo que não puderam chegar a ler a última das monografias. Pouco tempo depois, voltei a oferecer a mesma disciplina, substituindo duas das citadas monografias por The Nuer, de Evans-Pritchard. Os novos alunos também tiveram de as ler em inglês (a não ser aqueles que tinham encontrado The Nuer em francês e Argonauts em castelhano). Hoje, se tornasse a oferecer tal disciplina, os alunos poderiam ler duas das monografias em português.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

.

Downloads

Publicado

2018-01-15

Como Citar

Melatti, Júlio César. 2018. “A Antropologia britânica Nas edições Brasileiras”. Anuário Antropológico 3 (1):314-17. https://periodicos.unb.br/index.php/anuarioantropologico/article/view/6062.

Artigos Semelhantes

1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12 13 14 15 16 17 18 19 20 21 22 23 24 25 26 27 28 29 30 31 32 33 34 35 36 37 38 > >> 

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.