A volta do dualismo estrutural fome e bioetanol

Main Article Content

Argemiro Procópio Filho

Resumo

O presente artigo se pauta no ressurgimento do dualismo estrutural, surgido no Brasil, entre a fome e o bioetanol, ou seja, um possível “trade-off” entre o plantio de alimentos e de matéria prima a ser utilizada na fabricação do biocombustível. Tentar-se-á explicar tal dualidade sob diversas perspectivas, de modo a buscar entender seu desenvolvimento e suas conseqüências para a comunidade internacional.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
Procópio Filho, Argemiro. 2017. “A Volta Do Dualismo Estrutural: Fome E Bioetanol”. Meridiano 47 - Journal of Global Studies 8 (84):10-12. https://periodicos.unb.br/index.php/MED/article/view/2774.
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Argemiro Procópio Filho, Universidade de Brasília

Professor titular de Relações Internacionais da Universidade de Brasília e pesquisador do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - CNPq.