https://periodicos.unb.br/index.php/MED/issue/feed Meridiano 47 - Journal of Global Studies 2021-04-20T17:17:25-03:00 Editoria Meridiano 47 meridiano@unb.br Open Journal Systems <p style="text-align: justify;"><em>Meridiano 47 - Journal of Global Studies</em> é uma revista do <a href="http://www.estudosglobais.net" target="_blank" rel="noopener">Centro de Estudos Globais da Universidade de Brasília</a>, dedicada a promover a reflexão, a pesquisa e o debate acadêmico sobre os temas da agenda internacional contemporânea. Publica artigos científicos cuja temática se situe na grande área de Relações Internacionais, e mais particularmente sobre Política Internacional, Política Externa, Economia Internacional, Instituições e Regimes Internacionais, História das Relações Internacionais e da Política Externa e sobre questões envolvendo áreas geográficas e países.</p> <p>&nbsp;</p> https://periodicos.unb.br/index.php/MED/article/view/34045 Relações militares entre Estados Unidos e Colômbia: do Plano Colômbia ao Acordo de Paz (2000-2018) 2020-11-02T09:49:34-03:00 João Estevam joaoestevam08@gmail.com Marco Aurélio Chaves Cepik mcepik@gmail.com <p>Este artigo analisa as relações entre os Estados Unidos e a Colômbia na área militar entre 2000 e 2018. A hipótese de trabalho sustenta que existe uma continuidade fundamental e uma variação significativa ao longo do período. A continuidade é a profunda dependência colombiana em relação aos Estados Unidos em matéria de segurança. Na conjuntura definida pelo Plano Colômbia (2000-2009), tal dependência foi claramente quantitativa (tecnológica e financeira), enquanto na conjuntura definida pelo Acordo de Paz (2010-2018) a dependência foi mais qualitativa (doutrina e formação).</p> 2021-04-20T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Meridiano 47 - Journal of Global Studies https://periodicos.unb.br/index.php/MED/article/view/32441 A diplomacia não tem rosto de mulher: o Itamaraty e a desigualdade de gênero 2020-07-10T09:41:42-03:00 Gabrielly Almeida Santos do Amparo gabrielly.amparo@ufabc.edu.br Julia Bertino Moreira julia.bertino@ufabc.edu.br <p>Este artigo pretende elucidar como a imagem de diplomata foi construída e reproduzida no Itamaraty, desde a gênese dessa instituição no Brasil. A hipótese condutora da pesquisa é que tal imagem desenvolveu-se a partir da exclusão da mulher, devido ao <em>ethos</em> do MRE embasar-se no patrimonialismo, no elitismo e na desigualdade de gênero. Partindo de revisão bibliográfica e pesquisa documental, abordaremos os feminismos nas RI, as características do <em>ethos</em> itamaratiano e a questão da mulher no Itamaraty.</p> 2021-04-20T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Meridiano 47 - Journal of Global Studies https://periodicos.unb.br/index.php/MED/article/view/33262 Risco político na visão chinesa como determinante dos investimentos externos no setor petrolífero brasileiro (2011 a 2014): Parceiro estratégico ou apenas garantia da segurança energética chinesa? 2020-11-02T09:44:20-03:00 Elias David Morales Martinez davidmorales.ri@gmail.com Athilio Silva dos Santos athilio.santos@ufabc.edu.br <p>O crescimento da economia chinesa veio acompanhado do investimento para responder à demanda energética. No Brasil, a China se tornou importante investidor no setor petrolífero. Contudo, esquemas de corrupção assolaram as companhias petrolíferas chinesas. O trabalho pretende analisar se houve durante o processo de investimento das empresas petrolíferas chinesas no Brasil, a avaliação do risco político e se contestado, continuou devido o ambiente promissor para garantia da segurança energética chinesa.</p> 2021-04-20T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Meridiano 47 - Journal of Global Studies https://periodicos.unb.br/index.php/MED/article/view/29035 O modelo Steps-to-War: panorama de um programa de pesquisa 2020-05-29T12:35:01-03:00 Pedro Diniz Rocha pedro.diniz.rocha@gmail.com <p style="margin-top: 12.0pt; text-align: justify;"><span style="font-size: 12.0pt; line-height: 107%; font-family: 'Times New Roman',serif;">O objetivo deste artigo é o de via revisão bibliográfica apresentar o modelo Steps-to-War, seu programa de pesquisa e alguns de seus resultados empíricos ao público brasileiro afeto à s Relações Internacionais. Isto porque, embora o modelo tenha se desenvolvido nos últimos vinte anos no exterior, não há até o momento literatura especializada em português que lide com ele, seja apresentado seus pressupostos ou testando-o em estudos empíricos. </span></p> 2021-04-20T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Meridiano 47 - Journal of Global Studies https://periodicos.unb.br/index.php/MED/article/view/32524 Como a Política e a Estratégia Nacionais de Defesa de 2016 Dialogam Entre Si? 2020-11-02T09:38:40-03:00 Marcelo Antonio Osller Malagutti marcelo.malagutti@ludicity.com.br <p class="Abstact" style="text-indent: 0cm;">Os assim-chamados Documentos de Defesa brasileiros permitem o aprofundamento do debate sobre o tema pela sociedade. Entretanto, mesmo em sua terceira geração, ainda apresentam erros e inconsistências na forma e na coerência, interna e entre si, chegando por vezes a serem contraditórios. Este artigo aponta situações presentes nos dois documentos de mais alto nível, a Política e a Estratégia, e propõe algumas melhorias simples que buscam ampliar a objetividade e a consistência dos referidos documentos.</p> 2021-04-20T00:00:00-03:00 Copyright (c) 2021 Meridiano 47 - Journal of Global Studies