REVISÃO SOBRE LASERTERAPIA EM PACIENTES COM MUCOSITE CAUSADAS POR RADIOTERAPIA

Autores

  • Kamila Lustosa França Universidade de Brasília

DOI:

https://doi.org/10.26512/ripe.v4i1.13444

Palavras-chave:

Laserterapia. Neoplasia. Mucosite. Inflamação. Tratamento.

Resumo

A neoplasia é uma patologia originada por divisões descontroladas das células, que por algum mecanismo, sofrem alterações genéticas se tornando neoplásicas ou cancerígenas[c1] . Essas células têm grande poder de invadir outros tecidos por meio da circulação sanguínea ou linfática. A radioterapia utiliza radiação ionizante com intuito de inibir as divisões celulares levando-as à morte. Utilizando de radioterapia para o tratamento do câncer o organismo apresenta efeitos adversos, sendo a mucosite uma das reações mais prevalente nos pacientes. O uso da laserterapia aparece como uma das alternativas de melhor resposta na cicatrização da inflamação da mucosa bucal. O objetivo do estudo foi realizar uma revisão narrativa da literatura dos mais recentes artigos publicados, de 2000 a 2017, que comprovem o uso eficaz desta aplicação de laserterapia. Esta revisão bibliográfica mostrou que o uso da laserterapia para minimizar a mucosite dos pacientes tratados melhorou a mastigação, deglutição e até a fala destes. Os dados demonstraram também que ao tratar a mucosite evita-se a evasão do paciente do tratamento radioterápico. Tal fato possibilita, consequentemente, um aumento expressivo na chance de cura dos enfermos com relação à neoplasia.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Publicado

2018-08-26

Como Citar

França, K. L. (2018). REVISÃO SOBRE LASERTERAPIA EM PACIENTES COM MUCOSITE CAUSADAS POR RADIOTERAPIA. Revista Interdisciplinar De Pesquisa Em Engenharia, 4(1). https://doi.org/10.26512/ripe.v4i1.13444