Coronavírus, ideologias e Análise do Discurso Ecossistêmica

Autores

  • Márcio M. G. Silva Pesquisador independente

Resumo

O objetivo deste artigo é comentar a discussão que tem havido em torno da pandemia do coronavírus. Mostra que essa discussão está prenhe de carga ideológica, sobretudo por parte do atual presidente do Brasil e seguidores, contrariamente ao que diz a ciência. Mostra ainda que a Análise do Discurso Ecossistêmica é um bom arcabouço teórico para se analisarem as duas posições bem como para apresentar uma solução holística, não radical.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Márcio M. G. Silva, Pesquisador independente

Pesquisador independente - Ambientalista, linguista e tradutor

Referências

CAPRA, Fritjof. Belonging to the universe. New York: Harper Collins, 1991.

CHOMSKY, Noam. Knowledge of language. West Port, CT: Praeger, 1986, p. xxv.

COUTO, Hildo Honório do. Ecolinguística: estudo das relações entre língua e meio ambiente. Brasília: Thesaurus, 2007.

_______. O tao da linguagem: um caminho suave para a redação. Campinas: Pontes, 2012.

_______. Análise do discurso ecológica (ADE), 2013. Disponível em:

https://meioambienteelinguagem.blogspot.com/2013/04/analise-do-discurso-ecologica.html (10/04/2020).

_______. Linguística ecossistêmica crítica ou Análise do discurso ecológica. In: COUTO, Elza; DUNDK-CINTRA, Ema; BORGES, Lorena (orgs.). Antropologia do imaginário, ecolinguística e metáfora. Brasília: Thesaurus, 2014, p. 27-41.

_______. Linguística ecossistêmica. In: COUTO et al. (orgs.) 2016, p. 209-261. Disponível também em ECO-REBEL v. 1, n. 1, 2015 em:

https://periodicos.unb.br/index.php/erbel/article/view/9967/8800

COUTO, Hildo; COUTO, Elza; ARAÚJO, Gilberto; ALBUQUERQUE, Davi (orgs.). O paradigma ecológico para as ciências da linguagem: ensaios ecolinguísticos clássicos e contemporâneos. Goiânia: Editora da UFG, 2016.

COUTO, Hildo; COUTO, Elza; BORGES, Lorena. Análise do discurso ecológica (ADE). Campinas: Pontes, 2015.

FINKE, Peter. Identity and manifoldness: New perspectives in science, language and politics. In: FILL, Alwin; MÜHLHÄUSLER, Peter (orgs.). The ecolinguistics reader. Londres: Continuum, p. 84-90.

GARNER, Mark. Language: An ecológica view. Berna: Peter Lang, 2004.

MARITAIN, Jacques. Elementos de filosofia: introdução geral à filosofia Rio de Janeiro: Agir, 1959, 5ª. ed.

MARTIN, James R. Positive discourse analysis: Solidarity and change. Revista canaria de estudios ingleses n. 49, 2004, p. 179-200.

NAESS, Arne. Ecology, economy and lifestyle. Cambridge: Cambridge University Press, 1989.

Publicado

2020-07-18

Como Citar

Silva, M. M. G. . (2020). Coronavírus, ideologias e Análise do Discurso Ecossistêmica. Ecolinguística: Revista Brasileira De Ecologia E Linguagem (ECO-REBEL), 6(2), 90-106. Recuperado de https://periodicos.unb.br/index.php/erbel/article/view/32667

Edição

Seção

Artigos