Renato Ortiz um pensador da mídia

Main Article Content

Mônica Bastos

Resumo

Artigo de cunho memorial sobre a importância do pensamento de Renato Ortiz em estudos a respeito da identidade no Brasil e sua influência na trajetória da autora. Considera, principalmente, as obras Telenovela: história e produção (escrito com José Mário Ortiz Ramos e Silvia Helena Simões Borelli), de 1989; A moderna tradição brasileira: cultura brasileira e indústria cultural, de 1988; e Cultura e modernidade, de 1991.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Métricas

Carregando Métricas ...

Article Details

Como Citar
Bastos , M. (2020). Renato Ortiz: um pensador da mídia. Arquivos Do CMD, 7(01), 18–23. https://doi.org/10.26512/cmd.v7i01.29621
Seção
Artigos de Dossiê

Referências

BOURDIEU, Pierre. O poder simbólico. Lisboa/ Rio de Janeiro: Difel/ Editora Bertrand Brasil, 1989.

BOURDIEU, Pierre. La distinction: critique sociale du jugement. Paris: Les Éditions de Minuit, 1979.

ORTIZ, Renato. A moderna tradição brasileira: cultura brasileira e indústria cultural. São Paulo: Brasiliense, 1988.

ORTIZ, Renato Cultura e modernidade. São Paulo: Editora Brasiliense, 1991.

ORTIZ, Renato “Imagens do Brasil”. Sociedade e Estado, vol.28 n.3 - setembro/dezembro, 2013.

ORTIZ, Renato. Um outro território: ensaios sobre a mundialização. São Paulo: Editora Olho D’Água, 1997.

ORTIZ, Renato; BORELLI, Silvia Helena Simões; RAMOS, José Mário Ortiz. Telenovela: história e produção. São Paulo: Editora Brasiliense, 1989.

WILLIAMS, Raymond. Cultura. São Paulo: Editora Paz e Terra, 1992.

WILLIAMS, Raymond. Cultura e sociedade: de Coleridge a Orwell. Petrópolis: Editora Vozes, 2011.