PRACTICES OF CHRONIC WOUNDS HOME CARE PERFORMED BY THE ELDERLY AND THEIR CAREGIVERS

  • Carolina Leite Ossege Universidade de Brasília Escola Superior de Ciências da Saúde
  • Andréa Mathes Faustino
Palavras-chave: wounds and injuries. old age assistance. self-care. nursing care.

Resumo

Regarding the indispensable care for the treatment of chronic wounds, the dependence and the reduction of functional ability can lead to the reduction of care attitudes, just as autonomy can be a contributing factor for the quality of life of the elderly. Thus, the present study aimed to identify the practices of home care of chronic wounds performed by the elderly and their caregivers. The age of the elderly ranged from 60 to 81 years; the majority were male (60%), married (60%), with family caregiver (80%), hospitalized for oncology (40%), independent for activities of daily living (90%) and partially dependent for instrumental activities of daily living (50%). The most common chronic lesions found in the elderly were those located in the lower limbs, related to diabetes and tumors. It was concluded that the elderly presented functional capacity and family support network profile compatible with the practice of home care; however, regarding the care of chronic injuries, not all steps of care were appropriately performed, suggesting unpreparedness to deal with the adverse situation, which reinforces the need of preparation for discharge from hospital.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Carolina Leite Ossege, Universidade de Brasília Escola Superior de Ciências da Saúde

Enfermeira graduada pela Universidade de Brasília.

Enfermeira residente do Programa de Residência Multiprofissional em Atenção Cardíaca da Escola Superior de Ciências da Saúde e Secretaria de Estado e Saúde do Distrito Federal.

Andréa Mathes Faustino

Enfermeira graduada pela Escola de Enfermagem de Ribeirão Preto da Universidade de São Paulo

Especialista em Enfermagem Geriátrica e Gerontológica e Administração Hospitalar e Sistemas de Saúde

Mestre em Enfermagem Fundamental (EERP - USP)

Título de Especialista em Gerontologia pela Sociedade Brasileira de Geriatria e Gerontologia (SBGG) (2014)

Doutora em Ciências da Saúde pela Universidade de Brasília.

Professora Adjunta no Departamento de Enfermagem, Faculdade de Ciências da Saúde, na Universidade de Brasília. Coordenadora do Núcleo de Estudos e Pesquisas da Terceira Idade (NEPTI) do Centro de Estudos Avançados Multidisciplinar (CEAM) da UnB. Coordenadora da Liga Acadêmica de Gerontologia e Geriatria da UnB (LAGGUnB).

Referências

Jaul E. Non-healing wounds: the geriatric approach. Arch Gerontol Geriatr [Internet]. 2009 [cited 2017 sep 08];4(2):224-6. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1016/j.archger.2008.08.005

Leal LS. O papel do enfermeiro e a assistência à pele íntegra do idoso. In: Malagutti W, Bergo AMA. Abordagem interdisciplinar do idoso. Rio de Janeiro: Editora Rubio, 2010.

Torres MV. Capacidade Funcional e Envelhecimento. In: Malagutti W, Bergo AMA. Abordagem Interdisciplinar do Idoso. Rio de Janeiro: Livraria e Editora Rubio, p. 169-188. 2010.

Osaki Y. Autocuidado em saúde. In: Guariento ME, Nery AL. Assistência ambulatorial ao idoso. São Paulo: Editora Alínea, 2010.

Garbaccio JL, Ferreira AD, Pereira ALGG. Conhecimento e prática referidos por idosos no autocuidado com a pele no Centro-Oeste de Minas Gerais. Rev. Bras. Geriatr. Gerontol., Rio de Janeiro, [Internet]. 2016 [cited 2017 sep 08]; 19(1):45-56. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/1809-9823.2016.14237

Gomes T, Cade NV, RohrRV, Fejoli MM. Caracterização das lesões crônicas e os fatores associados em moradores de um território de saúde em Vitória, Espírito Santo. Revista Brasileira de Pesquisa em Saúde. [Internet]. 2011 [cited 2017 sep 08]; 13(1): 52-57. Disponível em: https://doi.org/10.21722/rbps.v0i0.1330

Saar SR da C. Avaliação da pessoa portadora de ferida. In: BORGES, E.L. et al. Feridas: como tratar. Belo Horizonte: Coopmed-Editora Médica, p. 45-53. 2007.

Cavalcante AMRZ, Moreira A, Azevedo KB, Lima LR, Coimbra WKAM. Diagnóstico de enfermagem: integridade tissular prejudicada identificado em idosos na Estratégia de Saúde da Família. Rev. Eletr. Enf. [Internet]. 2010 [cited 2017 sep 08];12(4):727-35. Disponível em: http://www.fen.ufg.br/revista/v12/n4/v12n4a19.htm. doi: 10.5216/ree.v12i4.8425

Duarte YAO, Andrade CL, Lebrão ML. O Índex de Katz na avaliação da funcionalidade dos idosos. Rev Esc Enferm USP [Internet]. 2007 [cited 2017 sep 08];41(2):317-25. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0080-62342007000200021

Freitas EV, Miranda RD. Parâmetros clínicos do envelhecimento e avaliação geriátrica ampla. In: Py L, Freitas EV, Gorzoni ML. Tratado de geriatria e gerontologia. 2ª ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2006.

Storti LB, Frabrício-Whebe SCC, Kusumota L, Rodrigues RAP, Marques S. Fragilidade de idosos internados na clínica médica da unidade de emergência de um hospital geral terciário. Texto Contexto Enferm [Internet]. 2013 [cited 2017 sep 08];22(2):452-9. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-07072013000200022

Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística. Indicadores sociodemográficos e de saúde no Brasil. Brasília: IBGE, 2010.

Andrade NB, Novelli MMPC. Perfil cognitivo e funcional de idosos frequentadores de Centros de Convivência para idosos na cidade de Santos, SP. Cad Ter Ocup UFSCar [Internet]. 2015 [cited 2017 sep 08];23(1):143-52. Disponível em: http://dx.doi.org/10.4322%2F0104-4931.ctoAO396

Oliveira WT, Antunes F, Inoue L, Reis LM, Araújo CRMA, Marcon SS. Vivência do cuidador familiar na prática do cuidado domiciliar ao doente crônico dependente. Cienc Cuid Saúde [Internet]. 2012 [cited 2017 sep 08];11(1):129-37. Disponível em: http://dx.doi.org/10.4025/cienccuidsaude.v11i1.18869

Schossler T, Crossetti MG. Cuidador domiciliar do idoso e o cuidado de si: uma análise através da teoria do cuidado humano de Jean Watson. Texto Contexto Enferm [Internet]. 2008 [cited 2017 sep 08] 17(2):280-7. Disponível em: http://dx.doi.org/10.1590/S0104-07072008000200009

Domansky RC, Borges EL. Manual de prevenção de lesões de pele: recomendações baseadas em evidências. Rio de Janeiro: Editora Rubio, 2014.

Dourado CS, Macêdo-Costa KNF, Oliveira JS, Leadebal ODCP, Silva GRF. Adesão ao tratamento de idosos com hipertensão em uma unidade básica de saúde de João Pessoa, Estado da Paraíba. Acta Sci Health Sci [Internet]. 2011 [cited 2017 sep 08];33(1):9-17. Disponível em: http://dx.doi.org/10.4025/actascihealthsci.v33i1.7708

Publicado
2019-02-28
Como Citar
Ossege, C. L., & Faustino, A. (2019). PRACTICES OF CHRONIC WOUNDS HOME CARE PERFORMED BY THE ELDERLY AND THEIR CAREGIVERS. Revista Eletronica Gestão & Saúde, 162 - 175. https://doi.org/10.26512/gs.v0i0.23319
Seção
Temas Livres em Saúde

##plugins.generic.recommendByAuthor.heading##