A pobreza no Maranhão: uma análise com base na perspectiva multidimensional

Main Article Content

Lucas Wan Der Maas
Lívia Matos Lara de Assis
Maria Carolina Tomás
Paulo Fernando Braga Carvalho
Tiago Oliveira Vilaça
Ana Elise de Lira

Resumo

O trabalho tem por objetivo mensurar e caracterizar o fenômeno da pobreza multidimensional no estado do Maranhão e seus respectivos municípios. Considerando que o estado é o mais pobre do Brasil em termos monetários, utiliza-se o Índice de Pobreza Multidimensional (IPM) e sua comparação com as linhas de indigência e pobreza para discutir as potencialidades da abordagem multidimensional da pobreza. Para o cálculo do IPM foram utilizados os dados do componente amostral do Censo Demográfico de 2010. O IPM foi construído com quatro dimensões (Educação, Saúde, Trabalho e Padrão de Vida) e 13 indicadores. Os resultados permitem identificar uma incidência de pobreza multidimensional muito pequena na comparação com a pobreza monetária, o que implica em uma focalização das situações de pobreza aguda, associadas a privações simultâneas e de difícil superação, que não necessariamente se associam com a privação de renda. Por meio da decomposição do IPM, aponta-se a necessidade do combate à pobreza por meio de políticas públicas e projetos sociais voltados à infraestrutura, em especial ao acesso à água potável, saneamento e tratamento de lixo doméstico, e à formalização do trabalho e melhoria da educação da população adulta.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Article Details

Como Citar
Wan Der Maas, L., Matos Lara de Assis, L., Tomás, M. C., Fernando Braga Carvalho, P., Oliveira Vilaça, T., & de Lira, A. E. (2022). A pobreza no Maranhão: uma análise com base na perspectiva multidimensional. Sociedade E Estado, 37(02), 407–433. https://doi.org/10.1590/s0102-6992-202237020002
Seção
Artigos
Biografia do Autor

Lucas Wan Der Maas, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Doutor em ciências sociais pela PUC Minas e pesquisador do Núcleo de Inteligência Social da PUC Minas e do Núcleo de Educação em Saúde Coletiva da UFMG.

Lívia Matos Lara de Assis, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Mestra em ciências sociais pela PUC Minas, doutoranda do Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais da PUC Minas e pesquisadora do Núcleo de Inteligência Social da PUC Minas.

Maria Carolina Tomás, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Doutora em sociologia e demografia pela University of California e professora no Programa de Pós-Graduação em Ciências Sociais da PUC Minas.

Paulo Fernando Braga Carvalho, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Doutor em geografia-tratamento da informação pela PUC Minas, professor do Programa de Pós-Graduação em Geografia-Tratamento da Informação Espacial da PUC Minas e coordenador do Núcleo de Inteligência Social da PUC Minas.

Tiago Oliveira Vilaça, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Graduado em geografia pela PUC Minas e pesquisador do Núcleo de Inteligência Social da PUC Minas.

Ana Elise de Lira, Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais

Graduada em geografia pela PUC Minas e pesquisadora do Núcleo de Inteligência Social da PUC Minas.

Referências

ALBUQUERQUE, Roberto Cacalcanti de. Estratégia de desenvolvimento e combate à pobreza. Estudos Avançados, v. 9, n. 24, p. 75-116, 1995. Disponível em: <https://www.scielo.br/pdf/ea/v9n24/v9n24a04.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://www.scielo.br/pdf/ea/v9n24/v9n24a04.pdf

ALKIRE, Sabina; FOSTER, James. Counting and multidimensional poverty measurement. OPHI Working Paper, n. 32. Oxford: Oxford Poverty & Human Development Initiative, 2009. Disponível em: <http://www.ophi.org.uk/wp-content/uploads/OPHI-wp32.pdf>. Acesso em: 12 Ago. 2019.

» http://www.ophi.org.uk/wp-content/uploads/OPHI-wp32.pdf

ALKIRE, Sabina; KANAGARATNAM, Usha; SUPPA, Nicolai. The Global Multidimensional Poverty Index (MPI) 2019. OPHI MPI Methodological Note 47. Oxford: Oxford Poverty & Human Development Initiative, 2019. Disponível em: <https://www.ophi.org.uk/wp-content/uploads/OPHI_MPI_MN_47_2019_vs2.pdf>. Acesso em: 12 Nov. 2019.

» https://www.ophi.org.uk/wp-content/uploads/OPHI_MPI_MN_47_2019_vs2.pdf

ALKIRE, Sabina; SANTOS, Maria Emma. Acute multidimensional poverty: a new index for Developing Countries. OPHI Working Paper, n. 38. Oxford: Oxford Poverty & Human Development Initiative, 2010. Disponível em: <http://www.ophi.org.uk/wp-content/uploads/OPHI-wp38_with_note.pdf>. Acesso em: 12 Ago. 2019.

» http://www.ophi.org.uk/wp-content/uploads/OPHI-wp38_with_note.pdf

BARROS, Ricardo Paes. et al. Determinantes imediatos da queda da desigualdade de renda brasileira. In: BARROS, Ricardo Paes; FOGUEL, Miguel Nathan; ULYSSEA, Gabriel (Eds.). Desigualdade de renda no Brasil: uma análise da queda recente, v. 2. Brasília: Ipea, 2006.

BORGES, Angela; KRAYCHET, Elsa Sousa. Mercado de trabalho e pobreza: discurso e evidências na trajetória brasileira recente. Cadernos CRH, v. 20, n. 50, p. 231-243, 2007. Disponível em: <https://www.scielo.br/pdf/ccrh/v20n50/v20n50a04.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://www.scielo.br/pdf/ccrh/v20n50/v20n50a04.pdf

CODES, Ana Luiza Machado de. A trajetória do pensamento científico sobre pobreza: em direção a uma visão complexa. Texto para discussão n. 1.332. Brasília: Ipea, 2008. Disponível em: <https://www.ipea.gov.br/portal/images/stories/PDFs/TDs/td_1332.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://www.ipea.gov.br/portal/images/stories/PDFs/TDs/td_1332.pdf

COMIM, Flavio; BAGOLIN, Izete. P. Aspectos qualitativos da pobreza no Rio Grande do Sul. Ensaios FEE, v. 23, n. especial, p. 467-490, 2002. Disponível em: <https://revistas.dee.spgg.rs.gov.br/index.php/ensaios/article/view/2017/2398>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://revistas.dee.spgg.rs.gov.br/index.php/ensaios/article/view/2017/2398

CRESPO, Antônio Pedro Albernaz; GUROVITZ, Elaine. A pobreza como um fenômeno multidimensional. RAE-eletrônica, v. 1, n. 2, 2002. Disponível em: <https://www.scielo.br/pdf/raeel/v1n2/v1n2a03.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://www.scielo.br/pdf/raeel/v1n2/v1n2a03.pdf

FAHEL, Murilo Cassio; LEITE, Guilherme Paiva; TELES, Letícia Ribeiro. Pobreza multidimensional no estado de Minas Gerais: uma mensuração para além da renda. Revista Brasileira de Monitoramento e Avaliação, n. 8, p. 50-69, 2014. Disponível em: <https://www.rbaval.org.br/article/10.4322/rbma201408004/pdf/1598015026-8-50.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://www.rbaval.org.br/article/10.4322/rbma201408004/pdf/1598015026-8-50.pdf

FAHEL, Murilo Cassio; TELES, Letícia Ribeiro; CAMINHAS, Davy Alves. Para além da renda: uma análise da pobreza multidimensional no Brasil. Revista Brasileira de Ciências Sociais, v. 31, n. 92, e319205, 2016. Disponível em: <https://www.scielo.br/pdf/rbcsoc/v31n92/0102-6909-rbcsoc-3192052016.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://www.scielo.br/pdf/rbcsoc/v31n92/0102-6909-rbcsoc-3192052016.pdf

FAVARETO, Arilson; NAKAGAWA, Louise; KLEEB, Suzana; SEIFER, Paulo; PÓ, Marcos. Há mais pobreza e desigualdade do que bem estar e riqueza nos municípios do Matopiba. Rev. Nera, v. 22, n. 47, pp. 348-381, 2019.

FRANÇA, Elisabeth Barboza. Principais causas da mortalidade na infância no Brasil, em 1990 e 2015: estimativas do estudo de carga global de doença. Revista Brasileira de Epidemiologia, n. 20, Suplementar 1, p. 46-60, 2017. Disponível em: <https://www.scielo.br/pdf/rbepid/v20s1/1980-5497-rbepid-20-s1-00046.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://www.scielo.br/pdf/rbepid/v20s1/1980-5497-rbepid-20-s1-00046.pdf

FRANÇA, Elisabeth B. et al. Principais causas da mortalidade na infância no Brasil, em 1990 e 2015: estimativas do estudo de Carga Global de Doença. Revista Brasileira de Epidemiologia, n. 20, Supl. 1, p. 46-60, 2017. Disponível em: <https://www.scielo.br/j/rbepid/a/PyFpwMM3fm3yRcqZJ66GRky/abstract/?lang=pt>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://www.scielo.br/j/rbepid/a/PyFpwMM3fm3yRcqZJ66GRky/abstract/?lang=pt

HAUGHTON, Jonathan; KHANDKER, Shahidur. Handbook on poverty and inequality. New York: The International Bank for Reconstruction and Development/The World Bank, 2009.

INSTITUTO BRASILEIRO DE GEOGRAFIA E ESTATÍSTICA (IBGE). Microdados do Censo Demográfico 2010: resultados gerais da amostra. Rio de Janeiro: IBGE, 2013. Disponível em: <http://www.ibge.gov.br/estatisticas/sociais/populacao/9662-censo-demografico-2010.html?edicao=9673&t=downloads>. Acesso em: 01 Set. 2019.

» http://www.ibge.gov.br/estatisticas/sociais/populacao/9662-censo-demografico-2010.html?edicao=9673&t=downloads

______. Síntese de indicadores sociais: uma análise das condições de vida da população brasileira: 2019. Rio de Janeiro: IBGE/Coordenação de População e Indicadores Sociais, 2019a. Disponível em: <https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv101678.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://biblioteca.ibge.gov.br/visualizacao/livros/liv101678.pdf

______. Censo Demográfico 2020: questionário da amostra. Brasília: IBGE, 2019b. Disponível em: <http://censo2020.ibge.gov.br/experimental/questionarios.html>. Acesso em: 01 Set. 2019.

» http://censo2020.ibge.gov.br/experimental/questionarios.html

INSTITUTO DE PESQUISA ECONÔMICA APLICADA (IPEA). Atlas da vulnerabilidade social nos municípios brasileiros. Brasília: Ipea, 2015. Disponível em: <https://www.ipea.gov.br/portal/images/stories/PDFs/livros/livros/151022_atlas_da_vulnerabilidade.pdf>. Acesso em: 01 Set. 2019.

» https://www.ipea.gov.br/portal/images/stories/PDFs/livros/livros/151022_atlas_da_vulnerabilidade.pdf

INSTITUTO NACIONAL DE ESTUDOS E PESQUISAS EDUCACIONAIS ANÍSIO TEIXEIRA (INEP). Dicionário de indicadores educacionais: fórmulas de cálculo. Brasília: MEC/Inep, 2004. Disponível em: <https://download.inep.gov.br/publicacoes/institucionais/estatisticas_e_indicadores/dicionario_de_indicadores_educacionais_formulas_de_calculo.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://download.inep.gov.br/publicacoes/institucionais/estatisticas_e_indicadores/dicionario_de_indicadores_educacionais_formulas_de_calculo.pdf

JANCZURA, Rosane. Risco ou vulnerabilidade social? Textos & Contextos, v. 11, n. 2, p. 301- 308, 2012.

MINISTÉRIO DE DESENVOLVIMENTO SOCIAL E COMBATE À FOME (MDS). Pobreza Multidimensional: subsídios para discussão à luz do MPI/OPHI. Estudo Técnico n. 09/2014. Brasília: Secretaria de Avaliação e Gestão da Informação/MDS. Disponível em: <https://aplicacoes.mds.gov.br/sagirmps/simulacao/estudos_tecnicos/pdf/82.pdf>. Acesso em: 12 Ago. 2019.

» https://aplicacoes.mds.gov.br/sagirmps/simulacao/estudos_tecnicos/pdf/82.pdf

MORAES, Mayara da Mata; MARIN, Solange Regina; VIEIRA, Carine de Almeida. Pobreza multidimensional em Santa Catarina (2000-2010): uma aplicação do método Alkire-Foster. Economia e Desenvolvimento, v. 30, n. 8, p. 1-17, 2018. Disponível em: <https://periodicos.ufsm.br/eed/article/view/33175/pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://periodicos.ufsm.br/eed/article/view/33175/pdf

NÚCLEO DE INTELIGÊNCIA SOCIAL (NIS). Índice de Pobreza Multidimensional: Brasil. “Relatório de Pesquisa”. Belo Horizonte: Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, 2020. Disponível em: <http://nis.org.br/wp-content/uploads/2020/12/IPM-NIS-Relato%CC%81rio-final-20201215.pdf>. Acesso em: 06 Jun. 2022.

» http://nis.org.br/wp-content/uploads/2020/12/IPM-NIS-Relato%CC%81rio-final-20201215.pdf

OLIVEIRA, Francisco. Subsídios à Conferência Nacional de Assistência Social - 1: A questão do Estado: vulnerabilidade social e carência de direitos. “Cadernos Abong”. Brasília: Conselho Nacional de Assistência Social; Associação Brasileira de Organizações Não Governamentais, 1995.

ORGANIZAÇÃO DAS NAÇÕES UNIDAS BRASIL (ONUBR). Documentos temáticos: Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (1, 2, 3, 5, 9, 14). Brasília: ONUBR, 2017. Disponível em: <http://nacoesunidas.org/docs/>. Acesso em 12 Ago. 2019.

» http://nacoesunidas.org/docs

OSÓRIO, Rafael Guerreiro; SOARES, Sergei Suarez Dillon; SOUZA, Pedro Herculano Guimarães Ferreira de. Erradicar a pobreza extrema: um objetivo ao alcance do Brasil. Texto para Discussão n. 1619. Brasília: Ipea, 2011. Disponível em: <https://www.ipea.gov.br/portal/images/stories/PDFs/TDs/td_1619.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://www.ipea.gov.br/portal/images/stories/PDFs/TDs/td_1619.pdf

OTTONELLI, Janaina et al. A importância das medidas multidimensionais de pobreza para a administração pública: um exercício em Palmeira das Missões (RS). Revista de Administração Pública, v. 45, n. 3, p. 837-859, 2011. Disponível em: <https://www.scielo.br/pdf/rap/v45n3/12.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://www.scielo.br/pdf/rap/v45n3/12.pdf

OXFORD POVERTY AND HUMAN DEVELOPMENT INITIATIVE (OPHI). Global MPI Country Briefing 2019: Brazil (Latin America and the Caribbean). In: MPI Country Briefings 2019. Oxford: Ophi, 2019. Disponível em: <http://www.dataforall.org/dashboard/ophi/index.php/mpi/country_briefings>. Acesso em: 12 Ago. 2019.

» http://www.dataforall.org/dashboard/ophi/index.php/mpi/country_briefings

PROGRAMA DAS NAÇÕES UNIDAS PARA O DESENVOLVIMENTO (PNUD). Human development report 1997: human development to eradicate poverty. New York: Oxford University Press, 1997.

RIBEIRO, Rosana; CACCIAMALI, Maria Cristina. Defasagem idade-série a partir de distintas perspectivas teóricas. Revista de Economia Política, v. 32, n. 3 (128), p. 497-512, 2012. Disponível em: <https://www.scielo.br/pdf/rep/v32n3/09.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://www.scielo.br/pdf/rep/v32n3/09.pdf

ROCHA, Sonia. Pobreza no Brasil: afinal de que se trata? 3. ed. Rio de Janeiro: Editora FGV, 2006.

______. On statistical mapping of poverty: social reality, concepts and measurement. In: Seminar on Poverty Statistics. Santiago, 1997.

ROWNTREE, Benjamin Seebohm. Poverty: a study of town life. New York: Macmillan and Co., 1901.

SANTOS, Larissa Martins Neiva. Pobreza como privação de liberdade: um estudo de caso na favela do Vidigal no Rio de Janeiro. Dissertação (Mestrado em Economia) - Programa de Pós-Graduação em Economia, Universidade Federal Fluminense, Rio de Janeiro, 2007.

SEN, Amartya K. Desenvolvimento como liberdade. São Paulo: Companhia das Letras, 2000.

SERRA, Adriana Stankiewicz. Pobreza multidimensional no Brasil rural e urbano. Tese (Doutorado em Economia) - Instituto de Economia, Universidade Estadual de Campinas(Unicamp), Campinas, 2017.

SILVA, Andréa Ferreira da; ARAUJO, Jair Andrade; SOBRAL, Eryka Fernanda Miranda; SOUSA, Janaildo Soares de. A pobreza no Rio Grande do Sul: evidências a partir de uma análise multidimensional do período 2007-2014. Ensaios FEE, v. 38, n.3, p. 597-624, 2017. Disponível em: <http://www.repositorio.ufc.br/bitstream/riufc/32585/1/2017_art_afsilva.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» http://www.repositorio.ufc.br/bitstream/riufc/32585/1/2017_art_afsilva.pdf

TELLES, Vera da Silva. Pobreza e cidadania: figurações da questão social no Brasil moderno. In: ______ (Org.). Direitos sociais: afinal do que se trata? Belo Horizonte: Editora UFMG, 1999.

TODESCHINI, Caroline; BAÇO, Fernanda Mendes Bezerra. Pobreza multidimensional no Brasil: uma análise das regiões metropolitanas. Informe Gepec, v. 19, n. 2, p. 57-71, 2015. Disponível em: <http://e-revista.unioeste.br/index.php/gepec/article/view/12818/9489>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» http://e-revista.unioeste.br/index.php/gepec/article/view/12818/9489

VAZ, Alexander Cambraia N.; JANNUZZI, Paulo de Martino. Indicador de pobreza multidimensional como síntese dos efeitos da abordagem multissetorial do Plano Brasil Sem Miséria. Revista Brasileira de Monitoramento e Avaliação, n. 8, p. 32-49, 2014. Disponível em: <https://www.rbaval.org.br/article/10.4322/rbma201408003/pdf/1598015026-8-32.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» https://www.rbaval.org.br/article/10.4322/rbma201408003/pdf/1598015026-8-32.pdf

VIEIRA, Carine de Almeida; MARIN, Solange Regina; KUHN, Daniela Dias. Método Alkire-Foster: uma aplicação para medição de pobreza multidimensional no Rio Grande do Sul (2000-2010). Planejamento e Políticas Públicas, n. 48, p. 263-295, 2017. Disponível em: <http://repositorio.ipea.gov.br/bitstream/11058/7996/1/ppp_n48_m%C3%A9todo.pdf>. Acesso em: 13 Abr. 2021.

» http://repositorio.ipea.gov.br/bitstream/11058/7996/1/ppp_n48_m%C3%A9todo.pdf