O cadastro no sistema e posterior acesso, por meio de login e senha, são obrigatórios para a submissão de trabalhos, bem como para acompanhar o processo editorial em curso. Acesso em uma conta existente ou Registrar uma nova conta.

Condições para submissão

Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • Como parte do processo de submissão, os autores são obrigados a verificar a conformidade da submissão em relação a todos os itens listados a seguir. As submissões que não estiverem de acordo com as normas serão devolvidas aos autores.
  • A contribuição é original e inédita, e não está sendo avaliada para publicação por outra revista.
  • O arquivo da submissão não contém qualquer menção ao autor, inclusive em seus metadados (utilizar o comando Inspecionar Documento do Microsoft Word e executar todas as recomendações).
  • O arquivo da submissão está em formato Microsoft Word ou OpenOffice.
  • O texto está em espaço 1,5; usa fonte Times New Roman de 12-pontos; emprega itálico em vez de sublinhado (exceto em endereços URL); as figuras e tabelas estão inseridas no texto, não no final do documento na forma de anexos.
  • O texto segue os padrões de estilo e requisitos bibliográficos descritos em Diretrizes para Autores, na página Sobre a Revista.

Diretrizes para Autores

O arquivo enviado não poderá conter qualquer referência ao nome do autor nem qualquer outra informação que permita identificá-lo.

 

Orientações Gerais

O autor encaminhará o artigo ou a resenha exclusivamente por meio eletrônico, através da página eletrônica da revista após seu cadastro como autor (http://periodicos.unb.br/ojs311/index.php/rbfr/user/register), seguindo os passos de submissão.

O autor encaminhará em separado um arquivo de identificação contendo seus dados, uma breve descrição da formação e vinculação institucional (ou mini currículo) e uma fotografia em formato e tamanho publicáveis na revista.

A RBFR publica artigos originais de pesquisadores doutores dos diversos programas de pós-graduação, nacionais e internacionais, e de pós-graduandos da área de Filosofia da Religião e  áreas afins, como Ciências da Religião, Teologia ou outras, desde que que pesquisem temas na perspectiva dos descritores da revista e suas fronteiras. A revista não considera a orientação como coautoria nos textos. Para artigos, os coautores deverão ser doutores. Casos excepcionais serão avaliados pela Comissão Editorial.

Os textos devem ser digitados em Word, tamanho Carta (21,59 x 27,94 mm), orientação “retrato”, fonte 12, Times New Roman, em espaço 1,5 com as seguintes margens: superior e inferior de 2,5 cm e direita e esquerda de 3,0 cm. As citações com mais de 3 linhas devem ter recuo em 1,5 cm, fonte 11, espaço entre linhas simples. Na editoração os textos terão diagramação no padrão gráfico da revista. Tabelas, gráficos e desenhos não podem ocupar mais de 25% do total do texto, devendo ser numerados com algarismos arábicos.

Os artigos deverão ter o mínimo de 10 e o máximo de 25 laudas (recomenda-se entre 40.000 e 60.000 caracteres com espaços). A extensão das traduções será avaliada caso a caso, mas não é recomendado ultrapassar o limite dos artigos. As resenhas não deverão ultrapassar 5 laudas (até 15.000 caracteres com espaços). Textos maiores poderão ser autorizados excepcionalmente, a partir da avaliação da Comissão Editorial, e o registro dessa solicitação deverá ser feito como observação na submissão. O livro resenhado poderá ter sido publicado, no máximo, há três anos da data da submissão. Todos os textos devem ser postados corrigidos e revisados, de acordo com as normas ortográficas vigentes e as normas da ABNT.

A Comissão Editorial e a Editoria reservam-se o direito, em pré-avaliação, de apontar correções e complementações necessárias nos trabalhos recebidos, devolvendo-os aos autores para sua devida adequação às normas da RBFR. Trabalhos submetidos que forem plagiados serão cancelados. Caso a qualquer momento seja descoberto o plágio, os trabalhos serão imediatamente cancelados ou despublicados. Se tiverem partes publicadas, em quaisquer meios, que ultrapassem o limite de 25% de autoplágio  deverão ser retirados ou despublicados.

Depois da pré-avaliação de membro da Comissão Editorial, se forem considerados aprovados, os textos seguem para avaliadores externos.

No caso da pré-avaliação indicar a reclassificação de seção, por exemplo, da seção Artigo para Tradução, de submissão em Dossiê para Temática Livre, ou o contrário, os autores serão notificados e deverão se manifestar sobre a aceitação ou recusa dessa indicação.

Todos os textos avaliados que tiverem indicação de correções obrigatórias, apontadas em parecer e/ou comentários, deverão ser revistos pelos autores e devolvidos para nova avaliação em um prazo de 10 dias úteis.

Os elementos de apresentação da autoria (última titulação, resumo da biografia, filiação institucional, cidade, estado, país, e-mail) serão informados nos metadados, no processo de submissão.  Solicita-se que, antes de transferir o trabalho, sejam retirados os dados de identificação do (s) autor (es), bem como sejam apagadas as identificações em “Arquivo/Propriedades/Resumo” do Word, de forma que a avaliação seja cega (sistema de duplo cego ou Double Blind Review).

 

Artigos

 Exigências para os textos submetidos como Artigos:

Solicita-se que, antes de transferir o trabalho, sejam retirados os dados de identificação do (s) autor (es), bem como sejam apagadas as identificações em “Arquivo/Propriedades/Resumo” do Word, de forma a garantir a avaliação cega (sistema de duplo cego ou Double Blind Review).

 

Resumo

Os artigos devem vir acompanhados de um resumo bilíngue (português/ inglês), de mesmo teor, apresentando com clareza e concisão o tema e os objetivos do trabalho. Exige-se que o resumo tenha necessariamente entre 150 e 200 palavras.

Palavras-chave

Em número máximo de 05, indicam o conteúdo do artigo e devem ser escolhidas, preferencialmente, em catálogo de vocabulário controlado, se houver tesauro na área do tema.  Devem ser separadas por ponto e vírgula.  O título e as palavras-chave também deverão ser apresentados em português e inglês.  Os textos em espanhol serão apresentados com resumo, título e palavras-chave em espanhol/inglês.

 

Estrutura dos artigos

Os artigos devem respeitar a seguinte sequência:

Título (curto; solicita-se não utilizar títulos longos com vírgulas e muitas pontuações). Caso necessário será aceito um subtítulo.

Título traduzido para o inglês

Resumo

Palavras-chave

Abstract

Keywords

Introdução

Texto com subtítulos e notas de rodapé (usar numeração sequencial: exemplo: 1, 2, 2.1, 2.2, 2.3, 3, 4...)

Conclusão

Referências

 

Observações:

Não utilizar tradução automática da Web para título, abstract e keywords

Não numerar a introdução, a conclusão e as referências.

 

Traduções

Devem ser apresentadas corrigidas e revisadas, de acordo com as regras vigentes. Devem apresentar as referências completas do texto original. Caso não seja tradução de material em domínio público, é obrigatório apresentar a autorização do autor para a tradução e, em caso de outros detentores de direitos, dos responsáveis. O limite máximo de páginas segue o dos artigos (60.000 caracteres com espaços).  A avaliação desta seção é feita por membro da Comissão Editorial, pela editoria de seção do tema e editor.

 

Resenhas

As resenhas de livros devem apresentar: nome do autor do livro (e tradutor, se relevante), título, cidade, editora, ano da publicação, número de páginas e título do livro traduzido para o inglês.  Os elementos de identificação do autor da resenha serão registrados nos metadados, na submissão: filiação institucional, resumo da biografia e titulação máxima, e-mail, endereço para correspondência. As resenhas são avaliadas por membro da Comissão, pelo editor de seção e editor. Devem ter até 5 laudas (até 15.000 caracteres com espaços).

 

NORMALIZAÇÃO na Revista Brasileira de Filosofia da Religião

As notas de rodapé serão utilizadas exclusivamente para explicações ou complementos ao texto e não para referências bibliográficas, sendo utilizado o sistema autor-data no próprio texto.

Trechos ou informações retiradas das publicações consultadas podem ser introduzidos no texto com o propósito de esclarecer ou completar as ideias do autor.

Pede-se a tradução dos trechos citados no corpo do artigo, sempre que possível, com a indicação do tradutor. Caso conveniente, o texto original pode ser reproduzido em nota de rodapé.

Termos, conceitos ou palavras estrangeiras devem vir em itálico. Solicita-se evitar neologismos a não ser em caso de extrema necessidade e com a devida explicação em nota de rodapé.

Aspas devem ser evitadas para dar destaque a algum termo, a menos que se refira a algum uso específico de determinado autor (o que deve ser indicado em nota de rodapé). Pede-se usar preferencialmente itálico para destaque.

Citação livre: quando se reproduzem as ideias, sem transcrever as palavras do autor. Exemplo: Como lembra Teixeira (2005, p. 30) o diálogo inter-religioso é fundamental para o mundo atual.

Citação textual: transcrição literal de textos de outros autores. Exemplo: Russell também argumentou que “não há razão para supor que o mundo teve sequer um começo” (RUSSELL, 1957, p. 4).

Se a citação ocupar um espaço maior que três linhas, deve ser destacada do texto, recuada em 1,5 cm, fonte 11, Times New Roman, em espaço entrelinhas simples, terminando com a margem direita do texto, sem aspas com a referência tal como já mencionado (RUSSELL, 1957, p. 4).

 

Referências

As referências bibliográficas devem ser dispostas no final do artigo, em ordem alfabética pelo SOBRENOME do primeiro autor, e seguir as normas da ABNT, como nos exemplos a seguir:

Livros: POPPER, Karl (1959). The Logic of Scientific Discovery. London: Hutchinson.

Capítulos de livros ou textos em coletâneas: LAKATOS, Imre (1970). “Falsification and the Methodology of Scientific Research Programmes” in Criticism and the Growth of Knowledge, by I. Lakatos and A. Musgrave. Cambridge University Press: 91-196.

Dissertações e teses: SMITH, U. A. M. (1986). The Metaphysics of Plato and Aristotle: An analysis. A. Dissertation. McGill University, Montreal.

Artigos em periódicos: TSIKOLIA, Nikoloz (2006). “The role and limits of a gradient based explanation of morphogenesis: a theoretical consideration”.  International Journal of Dev. Biology. 50: 333-340.

Documentos eletrônicos: WALCOTT, Charles (1996). “Pigeon Homing: Observations, Experiments and Confusions,” Journal of Experimental Biology, 199, 21-27, 1996. Available on the internet at http://jeb.biologists.org/cgi/reprint/199/1/21, accessed March 15, 2009.

Obs: NÃO USAR traços ( _______. ) para SOBRENOMES repetidos. REPETIR o sobrenome; obras do mesmo autor devem ser organizadas por data em ordem decrescente.

 

Outros tipos de referência ou qualquer dúvida, consultar:

https://www.bce.unb.br/normas-bibliograficas/

 

Declaração de Direito Autoral

Dado o acesso público desta revista, os textos são de uso gratuito, com obrigatoriedade de reconhecimento da autoria original e da publicação inicial nesta revista. A revista permitirá o uso dos trabalhos publicados para fins não comerciais, incluindo direito de enviar o trabalho para bases de dados de acesso público. O conteúdo das publicações e opiniões expressas é de total e exclusiva responsabilidade dos autores.

 

  1. Os(as) autores(as) autoriza(m) a publicação do artigo na revista.
  2. Os(as) autores(as) garante(m) que a contribuição é original, responsabilizando-se inteiramente por seu conteúdo em caso de eventual impugnação por parte de terceiros.
  3. Os(as) autores(as) garante(m) que a contribuição que não está em processo de avaliação em outra(s) revista(s).
  4. Os(as) autores(as) mantêm os direitos autorais e concedem à revista o direito de primeira publicação, sendo o trabalho licenciado sob a Creative Commons Attribution License.
  5. Os(as) autores(as) têm permissão e são estimulados a publicar e distribuir seu trabalho on-line após a publicação na revista.
  6. Os(as) autores(as) dos trabalhos aprovados autorizam a revista a, após a publicação, ceder seu conteúdo para reprodução em indexadores de conteúdo, bibliotecas virtuais e similares.
  7. É reservado aos editores o direito de proceder a ajustes textuais e de adequação do artigo às normas da publicação.

Política de Privacidade

Os nomes e endereços informados nesta revista serão usados exclusivamente para os serviços prestados por esta publicação, não sendo disponibilizados para outras finalidades ou a terceiros.