Literatura e cinema:

interseções

Autores

  • Vera Lúcia Follain de Figueiredo Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - PUC Rio

DOI:

https://doi.org/10.1590/2316-4018371

Resumo

As interseções entre literatura e cinema serão abordadas, neste artigo, à luz do fenômeno mais amplo de deslizamento das narrativas por diferentes meios e suportes, acentuado com o avanço das tecnologias da comunicação e com a atuação do mercado como grande mediador na esfera da cultura. Por esse viés, focalizam-se as alterações que a expansão dos meios audiovisuais tem provocado nas pautas de produção, consumo e valoração das obras literárias. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Referências

ARRIAGA, Guilhermo (2007). Revista Cult. São Paulo. n. 114, junho.

AVELAR, José Carlos (2007). O chão da palavra: cinema e literatura no Brasil. Rio de Janeiro: Rocco.

BACK, Sylvio (2009). “Entrevista concedida a Mariana Filgueiras”. JB Online. Consulta realizada em 23/01/2009.

BARTHES, Roland (1992). S/Z: uma análise da novela Sarrazine de Honoré de Balzac. Rio de Janeiro: Nova Fronteira.

BAZIN, André (2001). Qué es el cine? Madrid: Rialp.

BENJAMIN, Walter (1985). Obras escolhidas I. Magia e técnica, arte e política. São Paulo: Brasiliense.

CANEPPELE, Ismael (2010). Os famosos e os duendes da morte. São Paulo: Iluminuras.

CARRIÈRE, Jean-Claude (1995). A linguagem secreta do cinema. Rio de Janeiro: Nova Fronteira.

CHARTIER, Roger (2007). Inscrever e apagar: cultura escrita e literatura. São Paulo: Unesp.

________ (2002a). Os desafi os da escrita. São Paulo: Unesp.

________ (2002b). Do palco à página: publicar teatro e ler romances na época moderna ”“ séculos XVI-XVIII. Rio de Janeiro: Casa da Palavra.

________ (1999). A ordem dos livros. Brasília: UnB.

CLERC, Jeanne-Marie e CARCAUD-MACAIRE, Monique (2004). L’Adaptation cinématographique et littéraire. Paris: Klincksieck.

ECO, Umberto (1989). Sobre os espelhos e outros ensaios. Rio de Janeiro: Nova Fronteira.

_________ (1969). Obra aberta. São Paulo: Perspectiva.

EPSTEIN, Jean (1974). Écrits sur le cinéma. Paris: Seghers.

MANOVICH, Lev (2005). “Novas mídias como tecnologia e ideia: dez definições”. In: LEÃO, Lúcia (org.). O chip e o caleidoscópio: reflexões sobre as novas mídias. São Paulo: Senac.

MUTARELLI, Lourenço (2009). Miguel e os demônios ou nas delícias da desgraça. São Paulo: Companhia das Letras.

________ (2004). Natimorto. São Paulo: Companhia das Letras.

________ (2002). O cheiro do ralo. São Paulo: Devir.

PIGNATARI, Décio (1973). Contracomunicação. São Paulo: Perspectiva.

RAMOS, Júlio (2003). Desencuentros de la modernidad en América Latina: literatura y política en el siglo XIX. Chile/Santiago: Cuarto Propio/Callejón.

ROBBE-GRILLET, Alain (1961). LÁnneé dernière à Marienbad. Paris: Editions de Minuit.

STAM, Robert (2003). Introdução à teoria do cinema. São Paulo: Papirus.

________ (2008). A literatura através do cinema: realismo, magia e a arte da adaptação. Belo Horizonte: UFMG.

Downloads

Publicado

2011-07-27

Como Citar

Figueiredo, V. L. F. de. (2011). Literatura e cinema:: interseções. Estudos De Literatura Brasileira Contemporânea, (37), 13–26. https://doi.org/10.1590/2316-4018371

Edição

Seção

Seção Temática