A aporia no diálogo Crátilo de Platão

Authors

  • Ivanaldo Santos

Keywords:

Platão, Crátilo e aporia

Abstract

Não é a intenção deste pequeno artigo discordar da tradição filosófica, a qual afirma que o Crátilo é um diálogo aporético. O objetivo desse artigo é levantar a possibilidade de que a verdadeira aporia do Crátilo não é o antagonismo excludente da tese convencionalista de Hermógenes e a tese naturalista de Crátilo, mas a questão da relação entre a linguagem e o conhecimento. Ou como o próprio Platão questiona: se é possível conhecer as coisas sem o auxílio da linguagem? Para essa questão ele não possui no Crátilo uma resposta. Dessa forma, está configurada a aporia. Para tentar encontrar uma resposta para a mesma é preciso recorrer a outros diálogos platônicos como Fedon, Timeu e o Sofista.

Downloads

Download data is not yet available.

Metrics

Metrics Loading ...

Published

2010-12-08

How to Cite

Santos, I. (2010). A aporia no diálogo Crátilo de Platão. Revista Archai, (4), 101–106. Retrieved from https://periodicos.unb.br/index.php/archai/article/view/2277