Radioablação no Tratamento de Metástase Hepática de Neoplasia Colorretal: uma revisão de literatura

Walter Reis Calheiros

Resumo


RESUMO

Neoplasia colorretal destaca-se como um sério problema de saúde pública, principalmente, em decorrência da crescente exposição a fatores de risco ambientais e da modificação de hábitos de vida da população. O objetivo deste trabalho é verificar os fatores de sucesso na aplicação da radioablação no tratamento de metástases hepáticas de neoplasia colorretal. Através da pesquisa bibliográfica, verificou-se que devido às suas características físicas, é possível administrar doses de ablação por radiofrequência (radioablação), no volume-alvo, para gerar calor local, visando à coagulação e destruição de lesões malignas. Constatou-se que diante dos constantes avanços tecnológicos, a radioablação tem-se revelado como um tratamento ideal contra metástases hepáticas. Assim, perante as informações recolhidas, confirma-se que os resultados da aplicação de radioablação tem se tornado um grande aliado no tratamento e cura de metástase hepática, onde a engenharia biomédica muito tem colaborado para esse fim.

 Palavras-chave: Radioablação, Metástase Hepática, Neoplasia Colorretal, Engenharia Biomédica

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


ISSN: 2447-6102

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-SemDerivações 4.0 Internacional.