USO ABUSIVO DE ÁLCOOL DURANTE A GESTAÇÃO: UMA REVISÃO INTEGRATIVA DA LITERATURA

  • Fabiano Fernandes Oliveira UNIFATEA, ESC, UNIFESP
Palavras-chave: Educação em Saúde. Gestação. Alcoolismo. Abuso de Álcool.

Resumo

Introdução: o consumo de álcool durante a gestação tem sido tema de pesquisa razoavelmente bem documentada, embora, ainda, muitas das consequências do mesmo sobre o desenvolvimento infantil em filhos de mães alcoolistas, sejam pouco conhecidas em sua extensão e gravidade. Objetivo: descrever as repercussões maternas e fetais decorrentes do abuso de álcool durante a gestação. Método: trata-se de revisão integrativa da literatura. A busca bibliográfica foi realizada através dos descritores: Gestação; Alcoolismo; Abuso de álcool, na base de dados Scientific Electronic Library Online (SciELO), respeitando os limites de publicação entre 2009 e 2014, no idioma português. Resultados: após a combinação dos descritores na base citada, foram identificadas 50 referências. Dentre estas, após seleção por título e resumo condizente com o objetivo do estudo, foram analisados os artigos na íntegra e incluídos 8 artigos, excluindo, assim, 42 artigos, seja por repetição nas bases de dados, seja por não contemplarem os critérios de inclusão. Conclusão: A gestação é um período facilitador de sensibilização ao tratamento. Se houver preparo por parte da equipe, é exatamente nesta fase que se consegue uma abstinência do álcool.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Fabiano Fernandes Oliveira, UNIFATEA, ESC, UNIFESP

Enfermeiro e Pedagogo,  especialista em Enfermagem em Cuidado Pré Natal, Saúde Pública com ênfase em Saúde da Família; Enfermagem do Trabalho e em Docência para o Ensino de Enfermagem.

Referências

Marangoni SR. Oliveira MLF. Uso de Crack por multípara em vulnerabilidade social: História de vida. CiencCuidSaude. 2012 11(1): 166-172.

Progianti JM, Costa RF. Práticas educativas desenvolvidas por enfermeiras: repercussões sobre vivências de mulheres na gestação e no parto. RevBrasEnferm, Brasília. 2012 65(2): 257-63

Marques AGB, Záchia AS, Schmidt MLS, Heldt E. Características de gestantes atendidas em consulta de enfermagem ambulatorial de pré-natal: comparação de quatro décadas. Rev Gaúcha Enferm. 2012 33(4): 41-47

Zampieri MFM, Gregório VRP, Custódio ZAO, Regis MI, ;Brasil C. Processo educativo com gestantes e casais grávidos: possibilidade para transformação e reflexão da realidade. Texto Contexto Enferm. 2010 19(4): 719 27

Oliveira SF, Kerber NPC, Vaghetti HH, Filho WDL, Wachholz VA. A organização do trabalho das enfermeiras na assistência pré-natal: uma revisão integrativa. CiencCuidSaud. 2012 11(2): 368-375

Santos RV, Penna CMM. A educação em saúde como estratégia para o cuidado à gestante, puérpera e ao recém-nascido. Texto Contexto Enferm. 2009 18(4): 652-60

Bertoni LM, Adorni DS. A prevenção às drogas como garantia do direito à vida e à saúde: uma interface com a educação. Cad. Cedes 2010 vol. 30, n. 81: 209-217

Monteiro NRO. Percursos da Gravidez na Adolescência: Estudo Longitudinal Após uma Década da Gestação. Psicologia: Reflexão e Crítica. 2010 23(2), 278-288

Chiodi LC, Aredes ADN, Scochi SGC, Fonseca LMM. Educação em saúde e a família do bebê prematuro: uma revisão integrativa. Acta Paul Enferm. 2012 25(6): 969-74

Kassada DS, Marcon SS, Pagliarini MA, Rossi RM. Prevalência do uso de drogas de abuso por gestantes. Acta Paul Enferm. 2013 26 (5):467-71.

Rocha RS, Bezerra SC, Lima JWO, Costa FS. Consumo de medicamentos, álcool e fumo na gestação e avaliação dos riscos teratogênicos. Rev Gaúcha Enferm. 2013 34(2): 37-45

Lopes TD, Arruda PP. As repercussões do uso abusivo de drogas no período gravídico/puerperal.Revista Saúde e Pesquisa. 2010 v. 3, n. 1, p. 79-83

Ferreira LKV, Ferreira DVG, Mauro J.Lima B, ;Cruz MS. Desempenho intelectual na exposição alcoólica fetal: relato de série de 10 casos. RevBras Psiquiatr. 2013 62(3): 234-9

Freire K. Padilha PC, Saunders C. Fatores associados ao uso de álcoole cigarro na gestação. Ver Bras Ginecol Obstet. 2009 31(7): 335-41

SilvaI, Quevedo LA, Sandro RAS, Oliveira S, Pinheiro RT. Associação entre abuso de álcool durante a gestação e o peso ao nascer. Rev Saúde Pública. 2011 45(5): 864-9

Cassini C; Linden R. Exposição pré-natal ao etanol: toxicidade, biomarcadores e métodos de detecção. RevPsiq Clín. 2011 38(3): 116-21

Gouvea PB, Souza HDNS, Haddad MCL, Mello DF. Avaliação do consumo de álcool entre gestantes cadastradas no SIS Pré Natal em Londrina PR. CogitareEnferm. 2010 15(4): 624-30

Publicado
2019-08-14
Como Citar
1.
Oliveira FF. USO ABUSIVO DE ÁLCOOL DURANTE A GESTAÇÃO: UMA REVISÃO INTEGRATIVA DA LITERATURA. Rev. G&S [Internet]. 14º de agosto de 2019 [citado 23º de outubro de 2019];00:112 -7. Disponível em: http://periodicos.unb.br/index.php/rgs/article/view/23327
Seção
Artigos de Revisão