Interrupção e Retomada da Vida Sexual após o Câncer de Mama

Daniela Barsotti Santos, Manoel Antônio dos Santos, Vanessa Monteiro Cesnik, Elisabeth Meloni Vieira

Resumo


RESUMO – Investigou-se a interrupção/retomada da vida sexual após o tratamento do câncer de mama e sua relação com a satisfação e outros aspectos valorizados em um relacionamento. Foram empregados métodos mistos de pesquisa com a análise dos dados de uma survey realizada com 139 mulheres e dados provenientes de entrevistas com roteiro semiestruturado realizadas com 24 participantes. Um percentual expressivo de mulheres (66%) sexualmente ativas interrompeu as atividades sexuais durante o tratamento. Observou-se que a interrupção e retomada da vida sexual relacionou-se às concepções pessoais de sexualidade, influenciadas pelas relações de gênero e pela qualidade do relacionamento amoroso. A identifcação de necessidades relacionadas à intimidade sexual pelo profssional de saúde pode contribuir para a assistência apropriada no processo de reabilitação psicossocial da mulher.


Palavras-chave: neoplasias mamárias, sexualidade, intercurso sexual, conflito conjugal, dinâmica de casal


Palavras-chave


neoplasias mamárias; sexualidade; intercurso sexual; conflito conjugal; dinâmica de casal

Texto completo:

PDF

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Direitos autorais 2017 Psicologia: Teoria e Pesquisa

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.