O genocídio da juventude negra em Luziânia (Goiás, Brasil)

  • Alexandra Torres dos Santos Universidade de Brasília
  • Eglen Jamylle Dias Universidade de Brasília
  • Fernanda Borges Universidade de Brasília
  • Karoline Marques da Silva Universidade de Brasília
  • Kassia Hellen Ramos Lima Universidade de Brasília
  • Lorenna Nayra Capuzo da Paz Universidade de Brasília
  • Sarah da Silva Barbosa Amaral Universidade de Brasília
Palavras-chave: genocídio, juventude, Brasil, descriminação racial, Goiás, Luziânia, negros

Resumo

Este artigo é resultante de um projeto de pesquisa realizado nas disciplinas de Pesquisa Social 1 e 2, na graduação de Serviço Social da Universidade de Brasília. Busca analisar o genocídio da juventude negra no município de Luziânia-GO, localizado nas proximidades do Distrito Federal, bem como os determinantes sócio históricos, políticos e econômicos que levam a juventude negra ao extermínio nesse município. Investigar como a questão racial influi para que a parcela jovem negra da população seja alvo das maiores taxas de homicídios, e compreender o intenso processo de pauperização e desigualdade social do entorno do DF, atentando para as especificidades da região. A pesquisa que originou este artigo foi realizada com base em fontes secundárias, onde os documentos oficiais analisados tem como marco temporal os anos de 2012 e 2013. Por meio da análise dos dados, foi possível constatar uma omissão do Estado desde a abolição da escravidão até os dias atuais frente às demandas do povo negro, resultando na constante exposição dos mesmos a situações de violência, o que impede que a população negra exerça plenamente a sua cidadania. Faz-se imprescindível, portanto, que a questão racial seja encarada como central para elaboração de políticas públicas de combate à violência.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alexandra Torres dos Santos, Universidade de Brasília

Graduanda em Serviço Social pela Universidade de Brasília

Eglen Jamylle Dias, Universidade de Brasília

Graduanda em Serviço Social pela Universidade de Brasília

Karoline Marques da Silva, Universidade de Brasília

Graduanda em Serviço Social pela Universidade de Brasília

Kassia Hellen Ramos Lima, Universidade de Brasília

Graduanda em Serviço Social pela Universidade de Brasília

Lorenna Nayra Capuzo da Paz, Universidade de Brasília

Graduanda em Serviço Social pela Universidade de Brasília

Sarah da Silva Barbosa Amaral, Universidade de Brasília

Graduanda em Serviço Social pela Universidade de Brasília

Referências

BRASIL. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA. Secretaria Geral; da Presidência da; UNESCO, (Organização das Nações Unidas para a Educação, a Ciência e a Cultura. Índice de vulnerabilidade Juvenil à Violência e Desigualdade Racial 2014. 2014. Disponível em: <http://unesdoc.unesco.org/images/0023/002329/232972POR.pdf>. Acessado em 8 de setembro de 2016.

BRASIL. PRESIDÊNCIA DA REPÚBLICA. SECRETARIA NACIONAL DE JUVENTUDE; SECRETARIA DE POLÍTICAS DE PROMOÇÃO DA IGUALDADE RACIAL. Mapa da violência 2014: Jovens do Brasil. 2014. Disponível em: <http://www.mapadaviolencia.org.br/pdf2014/Mapa2014_JovensBrasil.pdf>. Acessado em 8 de setembro de 2016.

CHAVES, Marjorie Nogueira. Para além da cor: o genocídio da Juventude Negra. Universidade Federal do Maranhão, 2013. Disponível em: <http://www.joinpp.ufma.br/jornadas/joinpp2013/JornadaEixo2013/anais-eixo9-poderviolenciaepoliticaspublicas/paraalemdacorquestaosocialegenocidiodajuventudenegra.pdf>. Acessado em 8 de setembro de 2015.

COMPANHIA DE PLANEJAMENTO DO DISTRITO FEDERAL. Pesquisa Metropolitana por Amostras de Domicílio – PMAD Luziânia. 2013. Disponível em:

<http://www.codeplan.df.gov.br/images/CODEPLAN/PDF/pesquisa_socioeconomica/PMAD/PMAD_Luziania_2013.pdf>. Acessado em 8 de setembro de 2016.

COSTA, Ignez. NOGALES, Ana. AZEVEDO, Nelba. Violência urbana: a vulnerabilidade dos jovens da periferia das cidades. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 16., 2008. Caxambu MG.

CORDEIRO, Lucilene. Mortalidade dos jovens negros e não negros por causas externas na Área Metropolitana de Brasília: 2000 a 2012. In: ENCONTRO NACIONAL DE ESTUDOS POPULACIONAIS, 19., 2014, São Pedro/SP. Anais... São Paulo: ABEP, 2014. Disponível em: < http://www.abep.org.br/~abeporgb/abep.info/files/trabalhos/trabalho_completo/TC-5-16-324-213.pdf>. Acessado em 8 de setembro de 2018.

PORTAL TERRA. Renda per capita de todas as cidades, 2015. Disponível em:

<http://economia.terra.com.br/infográficos/renda/>. Acessado em 2 de Dezembro de 2016.

Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento. Atlas do Desenvolvimento Humano Municipal Brasileiro. 2013. Disponível em:

<http://www.atlasbrasil.org.br/2013/data/rawData/publicacao_atlas_municipal_pt.pdf>. Acessado em 6 de dezembro de 2016.

LUZIÂNIA. CÂMARA MUNICIPAL. Aspectos socioeconômicos. 2015. Disponível em: <http://www.luziania.go.leg.br/institucional/imprensa/pesquisas/aspectos-socioeconomicos-de-luziania>. Acessado em 22 de novembro de 2016.

Publicado
2018-11-14
Como Citar
SantosA. T. dos, DiasE. J., BorgesF., SilvaK. M. da, LimaK. H. R., PazL. N. C. da, & AmaralS. da S. B. (2018). O genocídio da juventude negra em Luziânia (Goiás, Brasil). Revista Do CEAM, 4(1), 109-116. https://doi.org/10.5281/zenodo.2648118