MOUSIKÉ: EDUCAÇÃO MUSICAL E FORMAÇÃO MORAL EM A REPÚBLICA DE PLATÃO

Alfredo Werney Lima Torres, José Renato de Araújo Sousa

Resumo


Partindo do pensamento de Platão, mas especificamente em sua obra A República, em que o filósofo argumenta que a música e a poesia dos gregos não podem ser apenas estudadas como um fenômeno estético, porque elas se articulam intimamente com a moral e com a visão de mundo daquela sociedade, pretende-se compreender a relação entre logos e mousiké na cultura grega.


Palavras-chave


Platão; educação; poesia; música; moral.

Texto completo:

PDF


 

 

Licença Creative Commons
A Revista Sul-Americana de Filosofia e Educação (RESAFE) é licenciada sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial 3.0 Unported.
Based on a work at seer.bce.unb.br.