O CONCEITO MARXISTA DE ALIENAÇÃO E SUAS IMPLICAÇÕES NO CONTEXTO DAS REDES SOCIAIS E NA FORMAÇÃO DE OPINIÃO DO USUÁRIO

Palavras-chave: Alienação. Redes sociais. Fluxo de informações. Formação de opinião.

Resumo

O presente ensaio se propõe relacionar a noção de alienação construída por Karl Marx ao fenômeno que influencia milhões de usuários da internet todos os dias e a formação de suas opiniões. A humanidade vive a chamada “Era Digital”, em que há grande fluxo de informações em grande velocidade; além disso, as pessoas passam cada vez mais tempo conectadas à internet através dos mais variáveis dispositivos, utilizando-a para trabalhar, estudar, informar-se, comprar e vender, divertir-se, entre várias outras possibilidades. No contexto de imersão dos usuários de internet nesse “mundo” paralelo de informações, levanta-se o questionamento sobre que informações chegam até os usuários, quais os critérios e, especialmente, como isso pode influenciar a formação de opinião.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alana Carvalho Pinheiro, Universidade de Brasília

Tem experiência na área de Direito, com ênfase em Direito Penal e Processual Penal. Tem experiência na área de Sociologia, com ênfase em Sociologia da Violência, Sociologia do Direito e Sociologia da Arte

Referências

ARAÚJO, Lucas Vieira de. Adoção de algoritmos, NLG e inteligência artificial na imprensa brasileira em âmbito nacional e regional. Estudos em Jornalismo e Mídia, v. 14, n. 2, jul-dez, 2017 – ISSNe 1984-6924. Disponível em:

<https://periodicos.ufsc.br/index.php/jornalismo/article/view/1984-6924.2017v14n2p175>. Acesso em 8 de fevereiro de 2019.

BARROS, José D’Assunção. O conceito de alienação no jovem Marx. Disponível em:

< http://www.scielo.br/pdf/ts/v23n1/v23n1a11.pdf>. Acesso em 5 de julho de 2016.

BARROS, Thiago. Novo algoritmo do Facebook vai pôr no topo do feed conteúdo de qualidade. Techtudo. Disponível em:

<http://www.techtudo.com.br/noticias/noticia/2013/08/novo-algoritmo-do-facebook-vai-por-no-topo-do-feed-conteudo-de-qualidade.html>. Acesso em 5 de julho de 2016.

BENEVENUTO, Fabrício; ALMEIDA, Jussara M; SILVA, Altigran S. Explorando redes sociais online: da coleta e análise de grandes bases de dados às aplicações. In: Simpósio Brasileiro de Redes de Computadores e Sistemas Distribuídos (SBRC). Campo Grande, Brasil. Maio de 2011. Disponível em:

<http://homepages.dcc.ufmg.br/~fabricio/download/mini-curso-sbrc11.pdf>. Acesso em 6 de julho de 2016.

MARX, Karl. Manuscritos econômico-filosóficos. Primeiro manuscrito. 1 edição. São Paulo. Boitempo Editorial, 2004. Disponível em:

<https://www.google.com/url?sa=t&rct=j&q=&esrc=s&source=web&cd=1&ved=2ahUKEwikvsyEz6zgAhUELLkGHd9WDYQFjAAegQIBhAC&url=https%3A%2F%2Fmarcosfabionuva.files.wordpress.com%2F2011%2F08%2Fmanuscritos-econc3b4micofilosc3b3ficos.pdf&usg=AOvVaw1UbFr3xigz9qf41e1qFt34>. Acesso em 8 de fevereiro de 2019.

_____. O Capital. Volume I. Centelha – Promoção do Livro, SARL, Coimbra, 1974. Disponível em:

<https://www.marxists.org/portugues/marx/1867/ocapital-v1/index.htm> Acesso em 8 de fevereiro de 2019.

Publicado
2019-02-28
Como Citar
Carvalho PinheiroA. (2019). O CONCEITO MARXISTA DE ALIENAÇÃO E SUAS IMPLICAÇÕES NO CONTEXTO DAS REDES SOCIAIS E NA FORMAÇÃO DE OPINIÃO DO USUÁRIO. PÓLEMOS – Revista De Estudantes De Filosofia Da Universidade De Brasília, 7(14), 172 - 179. https://doi.org/10.26512/pól.v7i14.23369
Seção
Ensaios