Políticas de currículo em Portugal: Concepções e práticas

Palavras-chave: Política educacional, Concepções curriculares, Gestores escolares

Resumo

O artigo analisa posições de gestores de Agrupamentos de Escolas de Portugal, envolvidos na implementação da política que concebe o currículo prescrito a nível nacional como um projeto que tem de ser reconfigurado em cada escola. O corpus de análise são entrevistas analisadas pela técnica de análise de conteúdo que mostrou que estes entrevistados aderem aos princípios de autonomia e de flexibilidade curricular, tanto no planejamento das ações docentes como na vivência das práticas curriculares, por considerarem que eles proporcionam uma ressignificação do currículo nacional. No entanto, nessa concretização, sentem dificuldades que advêm de medidas políticas que não se articulam entre si.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriana Cavalcanti dos Santos, Universidade Federal de Alagoas

Adriana Cavalcanti dos Santos

Pós-Doutora pela Universidade do Porto - Portugal, sob supervisão da Professora Catedrática Carlinda Leite (2018-2019). Possui graduação em Pedagogia pela Universidade de Pernambuco (2003), graduação em Letras - Autarquia de Ensino Superior de Arco Verde (1998), Especialista em Avaliação Educacional de Língua Portuguesa, pela Universidade Federal de Pernambuco, Especialista em Conteúdos Programáticos de Língua Portuguesa e Mestra em Educação pela Universidade Federal de Alagoas (2006). Em 2014, concluiu seu doutorado em Educação pelo Programa de Pós-Graduação em Educação (PPGE) da Universidade Federal de Alagoas (UFAL). Atualmente é Professora Adjunta da Universidade Federal de Alagoas. Tem experiência na área de Educação, com ênfase em Educação, Linguagem e Formação de Professores, atuando principalmente nos seguintes temas: Alfabetização e Letramento; Leitura e produção; e Saberes e Metodologia da Língua Portuguesa. É líder do Grupo de Estudo e Pesquisa em Didáticas de Leitura, da Literatura e da Escrita (GELLIT).

ORCID: https://orcid.org/0000-0002-4556-282X

Carlinda Leite, Universidade do Porto

Carlinda Leite

Professora Emérita da Universidade do Porto, Portugal, e investigadora sénior do Centro de Investigação e Intervenção na Educação (CIIE) da Faculdade de Psicologia e Ciências da Educação da Universidade do Porto (FPCEUP). Neste centro de pesquisa, ela preside a linha temática "Avaliação para a melhoria da qualidade educacional". Interessada em educação em engenharia, inovação pedagógica, e b-learning, tecnologias e educação. Ela atua como consultora e revisora externa para órgãos de formulação de políticas.

Email: carlinda@fpce.up.pt  ORCID: https://orcid.org/0000-0001-9960-2519

Publicado
2019-07-10
Como Citar
Santos, A., & Leite, C. (2019). Políticas de currículo em Portugal: Concepções e práticas. Linhas Críticas, 25. https://doi.org/10.26512/lc.v25i0.23562
Seção
Dossiê: Currículo e Avaliação da Aprendizagem