Estratégias didáticas e aprendizagem histórica: fundamentações da educação patrimonial nas aulas de História

Jaqueline Aparecida Martins Zarbato

Resumo


Este artigo visa apresentar a análise realizada a partir da experiência didática desenvolvida na aula de história, no Ensino Fundamental, cujo embasamento meta teórico foi da educação patrimonial e educação histórica como elementos de fundamentação da formação inicial de professores/as. Metodologicamente, a análise baseia-se em duas partes: a) fundamentação da abordagem teórica da Educação Histórica e da Educação Patrimonial; b) desenvolvimento da sequência de ensino com a turma de 8º ano da Escola Estadual Padre João Tomes, em Mato Grosso do Sul. A escola abriga o Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (Pibid) do Curso de Licenciatura em História da Universidade Federal de Mato Grosso do Sul, campus de Três Lagoas. Sendo assim, as estratégias didáticas foram desenvolvidas como sequência de ensino (Zabala, 1998) e efetivadas durante o ano de 2015. Desta forma, apresentaremos a fundamentação teórica que embasou a sequência, bem como traremos o percurso metodológico de toda a sequência de ensino.

Palavras-chave


ensino de história, educação patrimonial, educação histórica

Texto completo:

PDF




ISSN 2318-1729

Licença Creative Commons
história, histórias: Revista do Programa de Pós-graduação em História da UnB é licenciado sob uma Licença Creative Commons Atribuição-Uso não-comercial-Vedada a criação de obras derivadas 3.0 Unported.
Baseado no trabalho em seer.bce.unb.br.

ISSN 2318-1729