ARTE, CRÍTICA E LIBERDADE

  • Flávio R. Kothe Faculty of Architecture and Urbanism, University of Brasilia
Palavras-chave: Estética. Teologia. Desconstrução. Descartes. Wolff. Baumgarten. Kant.

Resumo

Pressupostos teológicos marcaram a Estética e a Teoria do Conhecimento nos séculos XVII e XVIII e continuam marcando o modo de entender a arte e a realidade em teorias do século XIX e XX. O retorno às origens da Estética moderna propicia a exposição das estruturas fundantes, sem o que vai se continuar só fazendo variações em torno do mesmo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Flávio R. Kothe, Faculty of Architecture and Urbanism, University of Brasilia

Professor titular de Estética na FAU/UnB e Coordenador do NEHS, Núcleo de Estética, Hermenêutica e Semiótica da mesma Universidade. Autor de obras sobre o cânone brasileiro, teoria literária e a arte comparada, tradutor de Nietzsche, Marx, Kafka, Benjamin, Adorno e outros. autor de poemas, contos e novelas. 

Referências

Baumgarten, Alexander G. Ästhetik, Hamburg, Felix Meiner Verlag, 2007, latim e alemão, 2 volumes.

Descartes, René. La Géometrie, Paris, A. Hermann, 1886.

__________________. Paixões da alma. Coleção Os pensadores, São Paulo, Editora Abril, 1983, tradução de J. Guinsburg e Bento Prado Júnior, p. 218 ss.

Fichte, Johann. Grundlage der gesamten Wissenschaftslehre (1794), Hamburg, Meiner Verlag, 1997.

Heidegger, Martin. Beiträge zur Philosophie (Vom Ereignis), Frankfurt a.M., Klostermann Verlag, 2ª edição, 1994, volume 65 da Gesamtausgabe.

Kothe, Flávio R. Ensaios de Semiótica da Cultura, livro de ensaios com prefácio, Brasília, Editora da Universidade de Brasília, 340 páginas, 2011, ISBN 978-85-230-1283-0, p. 338-339.

Pascal. Pensées. Paris, Garnier-Flammarion, 1976. A tradução às vezes é própria, outras vezes segue a de Sérgio Melliet publicada em 1979, na Coleção Pensadores, da Editora Abril de São Paulo.

Platão. A república, Lisboa, Fundação Gulbenkian, 7ª edição, 1993, tradução de Maria Helena Pereira.

Wolff, Christian. Erste Philosophie oder Ontologie, Hamburg, Meiner Verlag, 2005.

__________________. Psychologie ou Traité sur l’ame, Amsterdam & Leipzig, Schreuder & Mortier, 1766.

__________________. Briefe von den Jahren 1749-1753, St. Petersburg, Kaiserlilchen Academie der Wissenschaften, 1860.

Publicado
2019-01-01
Como Citar
Kothe, F. (2019). ARTE, CRÍTICA E LIBERDADE. Revista Estética E Semiótica, 8(16), 1-22. https://doi.org/10.18830/issn.2238362X.n2.2018.1
Share |