Organização de acervos audiovisuais em estúdios de TV

Palavras-chave: Acervo audiovisual. estúdio de televisão. curso de Jornalismo. classificação.

Resumo

Analisa a organização de acervos audiovisuais em estúdios de TV, vinculados às universidades. Busca estabelecer uma compreensão comum acerca do tratamento informacional realizado nesses ambientes, sobre uma tipologia particular como o audiovisual. Constitui estudo exploratório-descritivo com abordagem quantitativa, realizado mediante pesquisa em faculdades e escolas de comunicação de universidades públicas estaduais e federais nas quais está presente o curso de Jornalismo. A coleta desenvolveu-se a partir da técnica de questionário, tendo o formulário online com questões fechadas enquanto instrumento e, sendo estabelecida ainda, a análise estatística dos dados. Os resultados indicam que os acervos audiovisuais presentes nos estúdios de TV universitários são organizados a partir de codificações tendo por base ano, assunto ou curso produtor e tipo de material, sendo a sinalização feita com etiquetas coloridas e alfabéticas. Conclui-se que o tratamento informacional dos documentos audiovisuais não considera os tradicionais sistemas de classificação bibliográfica, orientando-se para classificação e ordenação próprias, com adaptações adequadas à realidade local dos estúdios investigados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Lais Pereira de Oliveira, Universidade Federal de Goiás, Faculdade de Informação e Comunicação, Curso de Biblioteconomia, Goiânia, GO, Brasil

Docente do curso de graduação em Biblioteconomia da Universidade Federal de Goiás (UFG). Doutoranda em Ciência da Informação pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (UNESP). Mestre em Ciência da Informação pela Universidade de Brasília (UnB). Bacharel em Biblioteconomia pela Universidade Federal de Goiás (UFG).

Thalia Pinheiro Rocha, Universidade Federal de Goiás, Faculdade de Informação e Comunicação, Curso de Biblioteconomia, Goiânia, GO, Brasil

Graduanda em Biblioteconomia pela Universidade Federal de Goiás (UFG).

Referências

ARAÚJO, Walkiria Toledo de. Uso da informação audiovisual em bibliotecas: dados de pesquisas. Informação & Sociedade: Estudos, João Pessoa, v. 2, n. 1, p. 35-41, jan./dez. 1992.

BRÄSCHER, Marisa; CAFÉ, Lígia. Organização da informação ou organização do conhecimento? In: LARA, Marilda Lopes Ginez de; SMIT, Johanna Wilhelmina (Orgs.). Temas de Pesquisa em Ciência da Informação no Brasil. São Paulo: Escola de Comunicações e Artes/USP, 2010. p. 87-103.

BUARQUE, Marco Dreer. Estratégias de preservação de longo prazo em acervos sonoros e audiovisuais. In: ENCONTRO NACIONAL DE HISTÓRIA ORAL, 9., 2008. Anais... Rio de Janeiro: Associação Brasileira de História Oral; São Leopoldo, RS: UNISINOS, 2008.

CAFÉ, Lígia Maria Arruda; SALES, Rodrigo de. Organização da informação: conceitos básicos e breve fundamentação teórica. In: ROBREDO, Jaime; BRÄSCHER, Marisa (Org.). Passeios pelo bosque da informação: estudos sobre representação e organização da informação e do conhecimento. Brasília: IBICT, 2010. p. 115-129.

CUNHA, Murilo Bastos da; CAVALCANTI, Cordélia Robalinho de Oliveira. Dicionário de Biblioteconomia e Arquivologia. Brasília: Briquet de Lemos, 2008.

DIAS, Eduardo Wense. Contexto digital e tratamento da informação. DataGramaZero, Rio de Janeiro, v. 2, n. 5, out. 2001.

DIAS, Geneviane Duarte; CERVANTES, Brigida Maria Nogueira. Tratamento temático da informação em periódicos científicos eletrônicos na Biblioteconomia e Ciência da Informação. Informação@Profissões, Londrina, v. 2, n. 1, p. 22-38, jan./jun. 2013. Disponível em: <http://www.uel.br/revistas/uel/index.php/infoprof/article/view/14596>. Acesso em: 16 fev. 2019.

LIMA, Vânia Mara Alves. A documentação audiovisual. In: SILVA, José Fernando Modesto da; PALETTA, Francisco Carlos (Org.). Tópicos para o ensino de Biblioteconomia. São Paulo: ECA-USP, 2016. p. 86-99.

McCARTHY, Cavan Michael; TARGINO, Maria das Graças. Materiais audiovisuais na sociedade e nas bibliotecas brasileiras. Revista Escola Biblioteconomia UFMG, Belo Horizonte, v. 13, n. 2, p. 302-321, set. 1984.

RODRÍGUEZ BRAVO, Blanca. El documento audiovisual en las emissoras de televisión: selección, conservación y tratamiento. Biblios, v. 5, n. 20, p. 29-39, oct./dic. 2004.

ROSA, Ana Beatriz Almagro; SANTOS, Raniel Alessandro Andrade; SIMIONATO, Ana Carolina. A documentação audiovisual para o ensino da Biblioteconomia e Ciência da Informação no Brasil. In: ENCONTRO REGIONAL DOS ESTUDANTES DE BIBLIOTECONOMIA, DOCUMENTAÇÃO, GESTÃO E CIÊNCIA DA INFORMAÇÃO DAS REGIÕES SUDESTE, CENTRO-OESTE E SUL, 5., 2018. Anais... Belo Horizonte: UFMG, 2018.

ROYAN, Bruce et al. Directrizes para materiais audiovisuais e multimedia em bibliotecas e outras instituições. IFLA, 2006.

SANTOS, Francisco Edvander Pires. Documentos e informações audiovisuais: a teoria arquivística e as técnicas da Biblioteconomia aplicadas à organização de arquivos de TV. DataGramaZero, Rio de Janeiro, v. 14, n. 5, out. 2013.

SANTOS, Francisco Edvander Pires; FARIAS, Maria Giovanna Guedes; FEITOSA, Luiz Tadeu; CAVALCANTE, Lidia Eugenia; NUNES, Jefferson Veras. Documento e informação audiovisual: bases conceituais numa perspectiva neodocumentalista. Em Questão, Porto Alegre, v. 24, n. 2, p. 235-259, maio/ago. 2018. Disponível em: <https://seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/76085>. Acesso em: 16 fev. 2019.

SILVA, Luiz Antonio Santana da. Abordagens do documento audiovisual no campo teórico da Arquivologia. 2013. 148 f. Dissertação (Mestrado em Ciência da Informação) – Universidade Estadual Paulista, Marília, 2013. Disponível em: <https://repositorio.unesp.br/handle/11449/93678>. Acesso em: 16 fev. 2019.

SILVA, Luiz Antonio Santana da; CARVALHO, Telma Campanha. Discurso e práxis do documento audiovisual nos arquivos: perspectivas de organização arquivística. Archeion Online, João Pessoa, v. 2, n. 2, p. 5-29, jul./dez. 2014. Disponível em: <http://www.periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/archeion/article/view/22514>. Acesso em: 16 fev. 2019.

SILVEIRA, João Paulo Borges da. O ensino de representação temática da informação a distância: a experiência da Universidade de Caxias do Sul – UCS. Revista ACB: Biblioteconomia em Santa Catarina, Florianópolis, v. 20, n. 3, p. 500-514, set./dez. 2015. Disponível em: <https://revista.acbsc.org.br/racb/article/view/1111>. Acesso em: 16 fev. 2019.

SMIT, Johanna W. O documento audiovisual e a proximidade entre as 3 marias. Revista Brasileira Biblioteconomia e Documentação, São Paulo, v. 26, n. 1/2, p. 81-85, jan./jun. 1993.

SOARES, Ana Paula Alves; PINTO, Adilson Luiz; SILVA, Armando Malheiro da. O paradigma pós-custodial na Arquivística. Páginas a&b, s. 3, n. 4, p. 22-39, 2015. Disponível em: <http://ojs.letras.up.pt/index.php/paginasaeb/article/view/996>. Acesso em: 16 fev. 2019.

SOUSA, Emilio Evaristo de. Abordagens Multimodais para a Análise de Documentos Audiovisuais. In: ALBUQUERQUE, Ana Cristina de; SIMIONATO, Ana Carolina. Recursos audiovisuais: sua contemporaneidade na organização e representação da informação e do conhecimento. Rio de Janeiro: Interciência, 2017. Cap. 3, p. 39-54.

SOUZA, Fernanda Possenti de; HILLESHEIM, Araci Isaltina de Andrade. Tratamento da informação e o uso das tecnologias da informação e comunicação. Biblionline, João Pessoa, v. 10, n. 2, p. 81-96, 2014. Disponível em: <http://www.periodicos.ufpb.br/ojs/index.php/biblio/article/view/16748>. Acesso em: 16 fev. 2019.

TARTAGLIA, Ana Renata; BUTRUCE, Débora. Entre letras e imagens: o acervo audiovisual no Arquivo da Academia Brasileira de Letras. Revista do Arquivo Geral da Cidade do Rio de Janeiro, n. 9, p. 327-340, 2015.

Publicado
2019-09-13
Como Citar
OliveiraL. P. de, & RochaT. P. (2019). Organização de acervos audiovisuais em estúdios de TV. Revista Ibero-Americana De Ciência Da Informação, 12(3), 744-764. https://doi.org/10.26512/rici.v12.n3.2019.21480