A violência contra a mulher no discurso diplomático brasileiro

Izadora Xavier do Monte

Abstract


O artigo discute as políticas brasileiras sobre violência contra a mulher em perspectiva com as discussões sobre o temano âmbito do Conselho de Direitos Humanos das Nações Unidas, pautadas pelo trabalho da relatora especial da ONU sobre causas e conseqüências da violência contra a mulher. O objetivo é demonstrar que existe um alinhamento entre o foco das políticas para as mulheres recentemente definidas do governo Dilma, o discurso diplomático brasileiro em direitos humanos e a perspectiva da relatora especial das Nações Unidas. Esse alinhamento é em parte tributário do fortalecimento das posições políticas da terceira onda feminista e abre espaço para uma aliança mutuamente benéfica entre atuação diplomática brasileira, no nível internacional, e avanço da agenda feminista, no nível doméstico.

 

The article discusses Brazilian policies against gender violence in perspective with the UN Human Rights Council discussion based on the work of the special rapporteur on violence against women, its causes and consequences. It aims at showing an alignment between policies for women recently defined by the government of Dilma Roussef, traditional Brazilian diplomatic discourse and the point of view of the special rapporteur. This alignment ows much to third wave feminism and allows for an alliance, mutually beneficial, though rare, between Brazilian diplomatic action, on the international level, and the advancement of a feminist agenda, on the national level.



Keywords


Política Externa Brasileira; Direitos Humanos; Gênero; Brazil’s foreign policy; human rights; gender;



DOI: http://dx.doi.org/10.20889/3885

Refbacks

  • There are currently no refbacks.




Copyright (c) 2016 Meridiano 47 - Journal of Global Studies



ISSN 1518-1219

Creative Commons License All the contents of this journal, except where otherwise noted, is licensed under a Creative Commons Attribution License