Origem, forma e conteúdo da expressão artística: Aby Warburg com Franz Boas?

##plugins.themes.bootstrap3.article.main##

Artur André Lins

Resumo

Na fronteira da história da arte com a antropologia cultural, o proposta desse ensaio almeja promover o encontro das ideias de Aby Warburg com as de Franz Boas. O mote para a costura teória desse autores é exatamente o problema da origem da expressão artística, ressaltando, para tanto, questões relativas à forma e conteúdo. Observamos que, por um lado, a origem da expressão artística encontra explicação pela ancestralidade dos hábitos motrizes, na fabricação técnica dos objetos da vida cotidiana, cuja necessidade psicológica se acha no prazer do virtuose em dominar formas compelxas. Por outro lado, a origem da expressão artística funda-se na ordenação cosmológica do mundo, no efeito de vinculação simbólica, cuja necessidade psicológica se exerce pela empatia mimética que visa apreender o imponderável da existência. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

##plugins.themes.bootstrap3.article.details##

Como Citar
LinsA. A. (2019). Origem, forma e conteúdo da expressão artística:. Arquivos Do CMD, 6(2), 183-195. https://doi.org/10.26512/cmd.v6i2.24187
Seção
Artigos Livres

Referências

ALMEIDA, Kátia. Por uma semântica profunda: arte, cultura e história no pensamento de Franz Boas. Revista Mana, nº 4, v. 2, p. 7-34, 1998.
BOAS, Franz. Arte Primitiva. Petrópolis-RJ: Vozes, 2014.
DIDI-HUBERMAN, Georges. A Imagem Sobrevivente. História da arte e tempo dos fantasmas segundo Aby Warburg. Rio de Janeiro: Contraponto, 2012.
GUIDI, Benedetta; BOAS, Franz; WARBURG, Aby. Aby Warburg and Franz Boas: Two Letters from the Warburg Archive: The Correspondence between Franz Boas and Aby Warburg (1924-1925). Revista Anthropology and Aesthetics nº 52, p. 221-230, 2007.
SIMMEL, Georg. O Conceito e a Tragédia da Cultura In. Simmel e a Modernidade. Brasília: Editora UnB, 2005.
WARBURG, Aby. Histórias de Fantasma para Gente Grande. São Paulo: Companhia das Letras, 2015.